quarta-feira, 15 de maio de 2024

memórias literárias - 1484 - A MULHER JUNTO À PORTA DE CASA

 A MULHER JUNTO

À PORTA DE CASA
1484
 
 
Depois que as visitas jantaram
E as conversas se atualizaram
Lá vai a mulher à porta de casa
Para despedir os seus entes queridos:
"VÃO COM DEUS, OBRIGADO!"
 
Cinco anos depois,
Quando o primeiro filho é pequeno
O pai decide fazer um passeio
E leva seu menino no carro.
A mulher, à porta de casa
Despede-se com recomendações:
"DIVIRTAM-SE, MEUS AMORES!"
 
Outros cinco anos decorrem.
Agora são três filhos que povoam a casa.
O transporte chega e buzina.
A mulher, à porta de casa
Conduz a filharada e se despede:
"BOA AULA E CUIDADO COM OS UNIFORMES!"
 
Mais cinco anos se passam.
Essa mulher já está madura.
Seus cabelos grisalhos e as pernas engrossadas.
Seus filhos, adolescentes,
Com as mochilas às costas,
Despedem-se da mãe que,
à porta de casa lhes recomenda:
"CUIDADO COM A PISCINA, NÃO DESOBEDEÇAM
O PROFESSOR!"
 
E agora, outro tanto, vinte anos são corridos
E a mulher à porta de casa,
Com lágrimas nos olhos,
Despede o filho mais velho, que leva embora
seus últimos pertences, pois casou-se e vai mudar-se.
"AH, MEU FILHO, VOU SENTIR SUA FALTA!"
 
Cinco anos depois é a vez da moça linda
Que despede-se da mãe, para ir ao exterior.
A mulher, à porta de casa, chora desconsolada,
Mas feliz pela conquista:
"QUE O SENHOR TE ACOMPANHE, FILHA MINHA!"
 
Outros cinco anos e a mulher à porta de casa
Veste-se de preto, viúva que ficou.
Depois das visitas finais ao fim do enterro.
"OBRIGADO PELO CARINHO! VOLTEM SEMPRE"
 
Agora, mais cinco anos, e a mulher de nossa estória
Não está à porta de casa.
Quem está é o filho mais velho.
Leva no braço o seu último vestido.
Mamãe partiu e está com Cristo.
 
Mas a porta agora é outra,
E a pessoa à porta também:
A porta do céu se abre
E lá na porta está Jesus.´
À mulher que chega diz Ele:
"SEJA BEM-VINDA,
BENDITA DE MEU PAI!"
 
Ali não haverá mais despedida
E a mulher não precisará manter-se
junto à porta de casa.
Ela chegou ao Lar!
 
----
 
Escrevi este texto inspirado num desenho que minha filha RUTE CRISTINA FARIAS DE ARAÚJO, de 9 anos de idade fez, com um lápis, enquanto esperava sair a janta.
 
O desenho tocou-me tão profundamente que resolvi celebrá-lo com esta página.
 
Espero que tenham gostado.
 
Pr. Wagner Antonio de Araújo
MINISTÉRIO ESSÊNCIA CRISTÃ

terça-feira, 14 de maio de 2024

memórias literárias - 1483 - BRASIL: E TEUS ABORTOS?

 BRASIL: E TEUS

ABORTOS?

1483

Assim não profanareis a terra em que estais; porque o sangue faz profanar a terra; e nenhuma expiação se fará pela terra por causa do sangue que nela se derramar, senão com o sangue daquele que o derramou. (Nm 35:33)
 
Oitocentas mil mulheres buscam anualmente o aborto no Brasil todos os anos, segundo informações da Câmara dos Deputados. Mas a Organização Mundial de Saúde acredita que o número seja ainda maior, cerca de um milhão de mulheres.
 
O texto bíblico acima, tirado do Pentateuco, os 5 primeiros livros da Bíblia, escrito por Moisés, inspirado pelo Espírito Santo, dizia que o povo de Deus, Israel iria tomar posse de Canaã porque o povo que ali habitava tinha derramado uma quantidade sem precedentes de sangue inocente. E que Israel se cuidasse, porque, quando de posse da terra não poderia igualmente matar e derramar sangue inocente, porque senão PROFANARIAM NOVAMENTE A TERRA.
 
O Brasil irriga sua maravilhosa e bendita terra com o sangue dos bebês abortados todos os anos. Não é um estado brasileiro; são todos os estados, todas as cidades. Se não fosse a pressão de políticos de ideologia diferente deste governo teríamos o aborto praticamente livre para todos até os seis meses de gestação. Mesmo assim, a cada dia o país sacrifica toda uma geração de brasileiros com a sua prática diabólica, nefasta e maldita.
 
A nossa terra está vermelha com o sangue dos bebês abortados. Eles não têm voz e nem direitos. Há suspeitas de sacrifícios deles em cultos ocultistas. Mas não é necessário que sejam mortos em cultos, pois toda injustiça e morticínio dessa espécie é um culto a Satanás, quer se assuma, quer não.
 
A terra cobra a sua fatura. Secas avassaladoras, enchentes destrutivas, b olhas climáticas, pragas velhas e novas nas enfermidades populares, afundamento de terra, pragas egípcias tupiniquins. Estamos apenas no começo. Quando as famílias pararem de destruir as crianças, quando deixarem de considerá-las apêndices de seus pecados e de suas promiscuidades, elevando-as ao nível de seres humanos dignos de respeito e de proteção, as coisas começarão a mudar. Se o aborto não se configurar em crime, como quer o atual mandatário e os seus juízes sanguinários, certamente se configura em PECADO, quer acreditem ou não, diante dAquele que é o doador da vida. Que o país se lembre disto quando não tiver mais controle dos acontecimentos.
 
Brasil: está na hora de chorar pelos seus bebês abortados e de pedir PERDÃO A DEUS!
 
Pr. Wagner Antonio de Araújo
MINISTÉRIO ESSÊNCIA CRISTÃ
 
 

segunda-feira, 13 de maio de 2024

memórias literárias - 1482 - FALSAS PROFECIAS NA REDE

 FALSAS PROFECIAS

NA REDE
1482
 
Alguns títulos de hoje: "ELES ESTÃO CHEGANDO"; "O ROMPIMENTO DO SELO"; "O SINAL DO ANTICRISTO"; "DAREMOS ADEUS A ALGUNS PAÍSES" etc.
 
Pastores e influenciadores conhecidos surfam nas ondas da internet, fazendo miniaturas chamativas com títulos bombásticos, tecendo afirmações que jamais poderiam provar. Alguns dizem estar recebendo profecias. São tantas as afirmações feitas, sob o pretexto de ser revelação de Deus, que algumas mais antigas acabam se encaixando e então festejam o credenciamento do suposto profeta. Claro, se alguém disser: "VAI CAIR UMA TEMPESTADE" e a tempestade algum dia cair, vão afirmar que ele estava certo e que o que afirmou veio de Deus.
 
Quero tecer algumas afirmações bíblicas e instar para que não se caia nesse golpe profissional de mentiras disfarçadas de verdade, credenciadas por gente grande do meio religioso. Inclusive um destes, que já foi batista, fundou outra seita e transita livremente pelos podcasts, certa vez afirmou que o Espírito Santo lhe revelara que seria eleito numa das eleições passadas como presidente da República. Foi? Claro que não. Uma outra revelou até o dia da volta de Jesus, uma, que traiu o suposto apostolado do qual participava. Jesus voltou? Obvio que não. Dito isso, afirmo que:
 
1) Não nos compete saber o dia ou a hora em que o Senhor retornará, quer seja para o arrebatamento da igreja, quer seja para a sua volta triunfal. E disse-lhes: Não vos pertence saber os tempos ou as estações que o Pai estabeleceu pelo seu próprio poder. (At 1:7).
 
2) Jesus afirmou que a Sua volta será semelhante à chegada de um ladrão: de surpresa. Porque vós mesmos sabeis muito bem que o dia do Senhor virá como o ladrão de noite; (1Ts 5:2).
 
3) Deus não revelou datas, mas deu sinais. Tais sinais, contudo não credenciam a ninguém a marcar datas, meses, dias e anos, ainda que favoreçam a brevidade dos acontecimentos. Portanto, se vos disserem: Eis que ele está no deserto, não saiais. Eis que ele está no interior da casa; não acrediteis. (Mt 24:26); E disse-me: Estas palavras são fiéis e verdadeiras; e o Senhor, o Deus dos santos profetas, enviou o seu anjo, para mostrar aos seus servos as coisas que em breve hão de acontecer. (Ap 22:6).
 
4) Podemos ter certeza de que ESTAMOS PRÓXIMOS DA VOLTA DO SENHOR, mas não sabemos O QUÃO PRÓXIMOS ESTAMOS, principalmente porque para Deus um dia é como mil anos e não temos exatamente um roteiro exato dos acontecimentos, ainda que alguns tenham tabelas tão precisas, mas impossíveis de serem provadas. O Senhor não retarda a sua promessa, ainda que alguns a têm por tardia; mas é longânimo para conosco, não querendo que alguns se percam, senão que todos venham a arrepender-se. (2Pe 3:9);  Mas, amados, não ignoreis uma coisa, que um dia para o Senhor é como mil anos, e mil anos como um dia. (2Pe 3:8).
 
5) Os falsos profetas, no Velho Testamento tinham um destino bem claro: deveriam ser apedrejados. Porém o profeta que tiver a presunção de falar alguma palavra em meu nome, que eu não lhe tenha mandado falar, ou o que falar em nome de outros deuses, esse profeta morrerá. (Dt 18:20); Quando o profeta falar em nome do Senhor, e essa palavra não se cumprir, nem suceder assim; esta é palavra que o Senhor não falou; com soberba a falou aquele profeta; não tenhas temor dele (Dt 18:22).
 
6) Hoje não só não os apedrejamos (estamos na Nova Aliança no sangue de Jesus Cristo, que nos ensinou a amar aos inimigos), como os recebemos como irmãos na fé e em comunhão! Isso é um absurdo! Mas agora vos escrevi que não vos associeis com aquele que, dizendo-se irmão, for devasso, ou avarento, ou idólatra, ou maldizente, ou beberrão, ou roubador; com o tal nem ainda comais. (1Co 5:11)
 
7) Estamos no tempo final, e agora falsos profetas possuem poder para fazerem cumprir uma ou outra predição. Deus permite para PROVAR o nosso amor pela verdade. Portanto afirmo que AINDA QUE alguma profecia de falsos profetas se cumpra, são MENTIRA! E com todo o engano da injustiça para os que perecem, porque não receberam o amor da verdade para se salvarem. E por isso Deus lhes enviará a operação do erro, para que creiam a mentira; (2Ts 2:10-11).
 
8) Não devemos correr em busca destes palradores frívolos (falastrões, faladores superficiais), que mentem, simulam movimentos emotivos, ruídos, como que em transe, e vertem suas bobagens travestidas de revelações. E então, se alguém vos disser: Eis aqui o Cristo; ou: Ei-lo ali; não acrediteis. (Mc 13:21).
 
9) Fundamentemos a nossa expectativa da PAROUSIA (o dia da volta do Senhor, com todos os acontecimentos relacionados) nas páginas da BÍBLIA SAGRADA. Ela é SUFICIENTE para nos fornecer tudo o de que precisamos! À lei e ao testemunho! Se eles não falarem segundo esta palavra, é porque não há luz neles. (Is 8:20).
 
10) Estejamos preparados para a volta do Senhor. E tal preparação é uma vida íntegra, em comunhão com Deus, em oração, em amor ao próximo, em leitura da Palavra, em comunhão com a nossa igreja local, em testemunho franco para conduzir outros para Jesus Cristo. Isto é o suficiente. Porque assim vos será amplamente concedida a entrada no reino eterno de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. (2Pe 1:11); Ele te declarou, ó homem, o que é bom; e que é o que o Senhor pede de ti, senão que pratiques a justiça, e ames a benignidade, e andes humildemente com o teu Deus? (Mq 6:8)
 
Temos bons livros sobre escatologia e bons pregadores bíblicos sobre o tema. Informemo-nos com ministros e irmãos que conhecem a Palavra de Deus. Não corramos atrás de comerciantes mentirosos da fé.
 
Pr. Wagner Antonio de Araújo
MINISTÉRIO ESSÊNCIA CRISTÃ

memórias literárias - 1481 - O PODER DO HOMEM É LIMITADO

 O PODER DO HOMEM

É LIMITADO
1481
 
"Uma coisa disse Deus, duas vezes a ouvi: que o poder pertence a Deus" Salmo 62.11
 
Deus dá o poder a quem quer e o tira de quem quer também.
 
Nem todos os que detém o poder estão lá por serem bons. Pelo contrário, a uma nação abominável aos olhos de Deus, que peca, que blasfema, que oferece sacrifícios aos demônios, que rejeita a Cristo, que persegue a cristãos, que vive sem fazer distinção entre o santo e o profano, Deus pode fazer subir o ímpio para imperar sobre ela.
 
Mas a um povo quebrantado, contrito, que busca a vontade do Senhor, que submete-se a Jesus Cristo, que honra a Deus em obediência à Sua Palavra, que faz justiça ao pobre, ao oprimido, à viúva, aos órfãos, que busca o melhor para o seu território, que zela pelos estrangeiros e que prima pelo que é justo Ele concede a subida de governantes bons e justos.
 
Ao final Deus está dizendo: EU SOU SOBERANO E A HISTÓRIA NÃO ESTÁ DESCENDO LADEIRA ABAIXO.
 
O nosso país está nas mãos de ímpios. Deus permitiu isso, não por serem bons, mas para juízo e ajuste de contas com um povo que ousou contra o Senhor. Relembremos algumas coisas: um cristo fantasiado sendo vencido por um satanás fantasiado; os carnavais e toda a sua promiscuidade a céu aberto; a confusão de gênero e o império da vontade dessa militância sobre o ensino público; a corrupção generalizada em toda a política, comércio, indústria e, pasmem!, IGREJAS!
 
Há muito tempo os pregadores do evangelho vinham alertando o país, usando Ii Crônicas 7.14: "Se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face, e se coverter dos seus maus caminhos, então EU ouvirei dos céus, perdoarei os seus pecados e sararei a sua terra." Mas o Brasil fez de conta que não ouviu.
 
Em nossas igrejas trocamos o santo pelo profano. Jogamos fora a bíblia e adquirimos os gurus da auto-ajuda. Fizemos dos templos teatros e casas de show. Transformamos pastores em animadores de auditório. Muitos passaram a fazer piadas com a palavra de Deus e com as igrejas nos aplicativos de vídeo. Muitos passaram a ganhar dinheiro buscando pecados e escândalos em igrejas, não para mostrar o erro a quem de direito e consertar, mas para se tornarem grandes canais com milhões de visualizações. As denominações trocaram a cooperação missionária pela gestão financeira de conglomerados. Trocaram as bíblias boas pelas bíblias de almofadinhas travestidos de intelectuais, que já fizeram meia dúzia de novas versões. Acabaram com o casamento monogâmico e indissolúvel, trocando-o por um compromisso de ninguém, celebrado sem pejo. A juventude deixou-se levar pela promiscuidade. Os lares deixaram de fazer o culto doméstico. As esposas deixaram de cumprir os seus compromissos com os maridos, e estes passaram a traí-las, senão na prática, nos vídeos.
 
Então Deus permitiu o que estamos vendo hoje: um país debaixo do império do mal. JUÍZO DE DEUS, MÃO PESADA DE DEUS, retrato de nossa própria iniquidade.
 
MAS, e bendito seja Deus, sempre existe um MAS, Deus pode reverter tudo isso. O poder pertence a Ele, não às instituições que criamos, não aos países amigos ou inimigos, não às carabinas e aos mísseis. Deus poder reverter todo o mal, caso o juízo não tenha sido decretado com consequências longas. E como saber?
 
Não dá pra saber. O que precisamos é orar, clamar, implorar. Assim como o profeta Daniel, pedir perdão pelos pecados do Brasil. Assim como Israel em pecado, prestes a ser conquistada pelo inimigo, rasgar as vestes e cobrir-se de pó, dando a Deus o domínio completo de si próprio. Nós, brasileiros, precisamos implorar a Deus para desamarrar e desmontar esse império que nos avassala e que une governo, mídia velha e tradicional, escolas públicas e organizações de militância malévola.
 
DEUS CONTINUA SOBERANO.
 
Onde estão os joelhos em terra?
 
Pr. Wagner Antonio de Araújo
MNISTÉRIO ESSÊNCIA CRISTÃ.
 

sábado, 11 de maio de 2024

memórias literárias - 1480 - TÃO GRANDE, TÃO VAZIA ...

 TÃO GRANDE,

TÃO VAZIA...
1480
 
Era uma igreja de bairro. Tinha um bom pastor que pregava a Bíblia, fazia visitas, atendia em gabinete e administrava bem. O povo era unido, possuiam grande amor uns pelos outros. Atendiam aos carentes, festejavam as alegrias, choravam as dores e eram queridos no bairro. O templo tinha cara de igreja: órgão de um lado, piano do outro, púlpito no meio, batistério ao alto, quatro cadeiras para os dirigentes, bancos do coral e um berçário ao fundo, onde as mamães podiam cuidar dos filhos e ainda escutarem a mensagem.
 
Eles não tinham muito, mas nada faltava. Eram generosos e amavam ao Senhor. Os seus cultos eram encontros com Deus. Choravam na hora da oração, alegravam-se na hora dos cânticos, eram unidos nas campanhas missionárias e abriam congregações em bairros que ainda não estavam alcançados pela mensagem do evangelho ou com igrejas cristãs.
 
Deus os abençoou. A fama de ser uma igreja cheia do Espírito Santo correu e várias pessoas pediam ingresso na membresia. O estacionamento tornou-se pequeno e alugaram um terreno vazio ao lado. O pastor, sentindo a necessidade de repartir tarefas apresentou à igreja uma proposta para um ministro auxiliar. Os membros novos, com direito a voto forçaram a vinda de um pastor com espírito diferente. Era moderno, cheio de cursos, mas vazio do Espírito Santo. Vestia-se secularmente, mas atraía muita gente, inclusive gente de dinheiro. O pastor submeteu-se à decisão da assembléia da igreja e repartiu funções com o tal ministro. Em pouco tempo o auxiliar levou a igreja a demitir o veterano ministro e a convidar um colega, invertendo as posições.
 
A primeira coisa que fizeram foi jogar fora o hinário tradicional da igreja, implantando música contemporânea de péssima teologia, de origem duvidosa e que atendia em cheio ao desejo de transformar o culto num misto de emocionalismo e celebração mundana. Os bancos do coral foram arrancados e o regente, que há vinte anos cuidava com amor paternal do coral, foi desconvidado. O coral morreu.
 
Então tiraram o púlpito e montaram uma plataforma, colocando luzes coloridas, fumaça e câmeras com gente secular contratada. O auditório lotou de pessoas de todas as procedências, que eram aceitas como membros sem profissão de fé, sem batismo e sem compromisso de discipulado. Os crentes antigos, estranhando aquilo tudo tentaram propor nas assembléias o retorno ao primeiro amor, à posição de igreja de bairro, pautada nos evangelhos. Mas agora foram votos vencidos e não eram mais os donos da casa. As uniões de treinamento acabaram e a escola bíblica dominical foi transformada em um misto de encontros de empresários, pequenos grupos por interesse e eventos sociais.
 
Os obreiros, empodeirados, decidiram demolir o templo e comprar os 3 terrenos do lado. Dinheiro não faltava, pois a gente que atraíram tornou-se financiadora daquilo tudo. Montaram um salão de eventos para mil e quinhentas pessoas. Coloraram 2 telas gigantescas à frente e um púlpito com parede de vidro. Um contrassenso, pois depois tiveram que tapar com panos pretos, senão ninguém enxergava quem estivesse à frente dirigindo as atividades. O teto tornou-se preto, juntamente com as paredes. Assim como nos cinemas a parte de cima estava cheia de quadrados, luzes apagadas que acendiam ao ritmo das músicas. Fumaças saíam das colunas e quem se sentava ao fundo enxergava tudo distante, quase sem nitidez.
 
Em lugar dos introdutores piedosos à porta colocaram leões de chácara , gente de segurança mal encarada para cuidar da entrada e da saída. Ninguém mais se conhecia. Cada um chegava, fazia a sua algazarra religiosa, ouvia uma série de mensagens de auto-ajuda, empoderamento, política e de mobilização financeira para aumentar o patrimônio da instituição. Quem ali chegava podia comparar o lugar como uma grande casa de shows, em nada devendo para as mesmas. Talvez até melhor.
 
E lá está a igreja. Grande, preta, cheia de carros ricos, gente endinheirada, mas sem Cristo e sem a sua essência. Deixou de ser igreja; tornou-se um centro de espetáculo.  Era um lugar de esperança; hoje uma casa de ostentação.
 
Um irmão, antigo crente, que já não via mais nem Deus e nem o Espírito Santo no meio do povo orou em lágrimas, dizendo: "Senhor, como as coisas mudaram! Eu queria tanto que o Senhor voltasse para aquela igreja!" Enquanto orava ele escutou em seu ouvido uma voz que dizia: "Eu também..."
 
Pr. Wagner Antonio de Araújo
MINISTÉRIO ESSÊNCIA CRISTÃ
 

quinta-feira, 9 de maio de 2024

memórias literárias - 1479 - SÊ FIEL ATÉ...

 SÊ FIEL ATÉ ...

 
1479
 
O texto bíblico diz o seguinte: "Sê fiel até a morte, eu te darei a coroa da vida". Isto está em Apocalipse capítulo 2 e versículo 10. Foi Jesus quem disse ao anjo da Igreja em Esmirna, uma palavra que se aplicava a toda aquela igreja local, às igrejas de todos os lugares e de todas as épocas. O texto se aplica a mim. Também se aplica a você que é cristão e que está lendo estas linhas.
 
Conhecer a Jesus Cristo como Senhor e Salvador é algo que deve durar por toda a vida. Não é uma decisão temporária, casual, que tenha prazo de validade ou que possa ser reavaliada. Assim como um crucificado estava destinado à morte e não tinha outra alternativa após o ato, assim um cristão está crucificado com Cristo e sua vida está escondida com Cristo em Deus, um ato permanente, perpétuo e que deve durar até a nossa morte. Na eternidade estaremos com Jesus, que nos concederá a coroa da vida.
 
Mas o povo de Deus desta geração está REESCREVENDO A BÍBLIA, com versões espúrias, modernistas, com equivalências dinâmicas e absolutamente contrárias aos originais. Muitos nem percebem a maneira com que estão a reescrever e a mudar a redação do texto. Eles nem sabem que fazem isso!
 
Vou mostrar como este texto tem sido REESCRITO PELA PRÁTICA na vida de muita gente.
 
"SÊ FIEL ATÉ ... QUE SOFRA UMA CONTRARIEDADE NA IGREJA".
 
Há pessoas que recebem a fé cristã com alegria e cumprem o mandamento do Senhor quanto ao batismo, passando a congregar numa das igrejas cristãs. No entanto, ao mais leve desapontamento ou no meio de uma crise decidem romper com o compromisso, com a profissão de fé e abandonam ao Senhor e não congregam mais. Se questionados quanto ao assunto darão inúmeras razões para o próprio afastamento. Nenhuma delas, no entanto, se sustenta diante do que fizeram: comprometeram-se com Cristo até morrerem e não cumpriram! "Não deixeis de congregar-vos..." (Hebreus 10.25)
 
"SÊ FIEL ATÉ ... QUE REALIZE OS SEUS SONHOS".
 
Outros buscam a fé cristã e o convívio na igreja até superarem os seus próprios problemas. Chegaram na igreja decepcionados com o fim de um relacionamento, mas, assim que reconstróem as emoções abandonam a Cristo, da mesma forma que um doente deixa as muletas ao consertar a perna quebrada. Outros vieram ao Senhor para que tivessem as necessidades financeiras supridas. Assim que conseguem comprar casa, objetos, carros ou se tornam auto-suficientes, abandonam o Senhor que os abençoou. Estavam em busca da bênção, e não do abençoador.
 
"SÊ FIEL ATÉ ... QUE OUTRO OFEREÇA MAIORES VANTAGENS"
 
Tem gente que chega à igreja e encontra a possibilidade de crescimento, de desenvolvimento. Adere aos departamentos existentes, busca conhecer muitas coisas e participar de tudo. Porém, em algum momento descobrem outro senhor, uma seita qualquer, que lhes provoca uma ambição de ter reconhecimento, de participar de uma hierarquia ou de obter vantagens políticas, monetárias, sentimentais ou comerciais. Então, sem pejo algum abandonam a fé, vestem uma nova camisa, submetem-se a batismos diversos e vão para outras confissões antagônicas, cuspindo no prato cristão em que comeram. São pessoas que se vendem pelo melhor preço.
 
"SÊ FIEL ATÉ ... QUE AS PESSOAS A QUEM PRESTA CONTA VENHAM A MORRER".
 
Sim. Há pessoas que são fiéis ao Senhor enquanto o pai e a mãe as levam à igreja ou que as mantém com uma rotina de oração, de leitura bíblica e de compromisso eclesiástico. Há pessoas que apenas buscam agradar a quem amam. Não abandonam a fé para não decepcionar aos seus admirados. Mas basta que eles faltem, que tenham morrido ou que venham a morar distantes de suas localidades para que abracem outra fé ou fé alguma. São pessoas que serviam por aparência, por estilo social ou por interesse emocional.
 
"SÊ FIEL ATÉ ... QUE A UNIVERSIDADE MUDE OS SEUS CONCEITOS".
 
Quantos jovens dantes fiéis, partícipes de suas congregações, que levavam uma vida séria, deixam-se envolver pelas ideologias de esquerda em suas faculdades ou universidades, abandonando a fé cristã e se tornando massa de manobra do império do mal e das ideologias totalitárias! Quantos envolvem-se com a perversão moral, com o uso de entorpecentes e com as sociedades secretas e misteriosas! Na universidade mostram que a sua fé era tão firme quanto um prego num monte de areia mole. Basta um vento e ela tomba!
 
"SÊ FIEL ATÉ ... QUE O SEU PASTOR LHE ESCANDALIZE"
 
Por causa de maus obreiros, maus crentes, más congregações muita gente abandona a Cristo. Eles ficam de tal forma desmotivados, decepcionados e feridos, que não querem saber mais do Senhor ou de congregar como cristãos. Eles punem a Deus pelo que os seus líderes fizeram, tornando-se tão réprobos quanto os seus próprios líderes em pecado. Eles se justificam com uma série de lamúrias e lamentos, dizendo que o que viram, o que ouviram ou o que testemunharam foi a gota d'água, mas, na verdade eles eram superficiais em sua fé. Uma tempestade arranca árvorres frágeis, mas não pode destruir uma árvore de raízes profundas e de tronco forte.
 
Vou parar por aqui, pois isto não teria fim.
 
Eu já tive inúmeras contrariedades em igrejas. Como membro eu vi coisas que não queria ter visto. Como pastor eu testemunhei outros acontecimentos que poderiam ter me conduzido ao abandono da fé.
 
Eu tive orações atendidas e respondidas pelo Senhor e as demandas apresentadas absolutamente resolvidas. Eu poderia dizer: já consegui o que queria, não tenho mais nada para fazer na igreja.
 
Eu já recebi propostas para aderir a outras crenças, em lugares que me dariam oportunidades de projeção, de posição política, de vantagens financeiras ou de repercussão pública. Eu poderia ter me tornado um líder reconhecido em outras confissões religiosas.
 
As pessoas que me motivavam a manter a fé e a ser fiel ao Senhor, em sua maioria já morreram. Meus pastores, os meus pais e muitos irmãos a quem eu tanto respeitei já descansam em Cristo e, se eu tomasse outros rumos eles não seriam mais afetados, não mais se decepcionariam.
 
Eu cursei teologia em 3 escolas e fui submetido a teorias tão horriveis e tão destrutivas que, se não tivesse conceitos profundos poderia ter abortado a fé e deixado a vida cristã. Ouvir professores que se apresentavam na igreja como crentes e na faculdade como hereges e apóstatas fizeram a minha mente e o meu coração lamentar por tanta hipocrisia.
 
Eu poderia ter deixado a Cristo por tantos escândalos que já tive e por tantas coisas erradas que já assisti.
 
Mas eu não deixei a Cristo e nem a fé cristã. Muito menos o meu compromisso com a igreja do Senhor. Quando eu fui convertido a Cristo foi PARA SEMPRE. Eu morri para o mundo e nasci para Jesus. Eu fui crucificado interiormente e fiz a confissão pública de minha fé, submetendo-me ao batismo, como que a dizer: VESTI A CAMISA E JAMAIS DEIXAREI O SENHOR E OS VALORES QUE HOJE CONFESSO PUBLICAMENTE.
 
Pode a minha denominação ou a maioria das igrejas cristãs modificar conceitos ou abandonar a fidelidade; ISTO NÃO AFETA O MEU COMPROMISSO E A MINHA FÉ. Eu não coloquei a minha fé nos homens, na denominação ou nos líderes. Eu fui convertido e batizado POR CRISTO e só a Ele eu temo. Por ser a Sua vontade que eu congregue eu JAMAIS DEIXAREI A IGREJA DO SENHOR. Eu não me venderei por nada, seja por promessas, seja por oportunidades, seja por interesses. Já estou crucificado com Cristo.
 
Para mim o versículo citado não precisa de outra redação. Eu não tenho direito de redigi-lo de forma diferente, nem de crer antagonicamente ao seu enunciado.
 
Para mim o que está escrito me basta!
 
SÊ FIEL ATÉ A MORTE, E EU TE DAREI A COROA DA VIDA.
 
Que assim seja comigo, e que o meu leitor também considere esta palavra. NUNCA ABANDONE A SUA FÉ EM CRISTO E O SEU COMPROMISSO COM O SENHOR.
 
Pr. Wagner Antonio de Araújo.
MINISTÉRIO ESSÊNCIA CRISTÃ - canal do youtube

quarta-feira, 8 de maio de 2024

1478 - POR QUE TANTA CATÁSTROFE?

 POR QUE TANTA

CATÁSTROFE?

1478
 
Há um bom tempo não escrevo. As vicissitudes da vida, a administração de um canal de mensagens (MINISTÉRIO ESSÊNCIA CRISTÃ), o aguardo de um novo pastorado e as comorbidades da saúde debilitada e da idade fizeram-me relegar a literatura ao apêndice do meu tempo.

Contudo, em virtude de questões sinceras que me são encaminhadas decidi rabiscar algumas linhas.

POR QUE TANTA CATÁSTROFE?

Uma senhora sincera, ávida por saber o que Deus diz sobre a matéria, perguntou-me sobre o porquê de tanta água em alguns lugares (neste momento o sul do país) e tanta seca em outros (neste momento a região Sudeste do Brasil). Perguntou-me se a Bíblia tinha algo a dizer. Eu disse que sim, encaminhei alguns textos de minha lavra, apontei textos bíblicos e mensagens em vídeo. Mas gostaria de considerar algumas questões que julgo importantes para a reflexão de nós todos.

1) POR QUE ESTÃO ACONTECENDO ESTAS CATÁSTROFES?

Resposta: Catástrofes sempre existiram. Antes elas ocorriam de forma local e o mundo só ficava ciente tempos depois. Hoje elas acontecem e o mundo toma conhecimento imediato. Secas, enchentes, incêndios, tudo isso sempre aconteceu. Contudo, há uma diferença nos acontecimentos atuais. Eles estão acontecendo de forma acelerada e global. As enchentes do sul são semelhantes ao que acontece na China, em Dubai, na Índia e em tantos outros lugares. O planeta geme. O sistema está em colapso. A crosta terrestre, líquida e fervente, que girava sem parar, está parando e invertida. A Bíblia indicava que no final dos tempos, quando Jesus Cristo estivesse para regressar isto seria fortemente sinalizado. Ouçamos a Jesus em Lucas 21:

8 Disse então ele: Vede não vos enganem, porque virão muitos em meu nome, dizendo: Sou eu, e o tempo está próximo. Não vades, portanto, após eles.
9 E, quando ouvirdes de guerras e sedições, não vos assusteis. Porque é necessário que isto aconteça primeiro, mas o fim não será logo.
10 Então lhes disse: Levantar-se-á nação contra nação, e reino contra reino;
11 E haverá em vários lugares grandes terremotos, e fomes e pestilências; haverá também coisas espantosas, e grandes sinais do céu.
25 E haverá sinais no sol e na lua e nas estrelas; e na terra angústia das nações, em perplexidade pelo bramido do mar e das ondas.
26 Homens desmaiando de terror, na expectação das coisas que sobrevirão ao mundo; porquanto as virtudes do céu serão abaladas.
27 E então verão vir o Filho do homem numa nuvem, com poder e grande glória.

2) ESTAS CATÁSTROFES SÃO CASTIGOS?

Resposta: A humanidade em si está sendo severamente castigada por Deus. Isto não significa que estas consequências locais sejam prova de maiores pecados. Quando o Rio de Janeiro e São Paulo atravessaram catástrofes o país todo sofreu. Hoje, com a dor dos gaúchos choramos todos nós. Não são terras diferentes, somos um só povo, um só país.  Ouçamos a Jesus novamente, em Lucas 13:

1 E, Naquele mesmo tempo, estavam presentes ali alguns que lhe falavam dos galileus, cujo sangue Pilatos misturara com os seus sacrifícios.
2 E, respondendo Jesus, disse-lhes: Cuidais vós que esses galileus foram mais pecadores do que todos os galileus, por terem padecido tais coisas?
3 Não, vos digo; antes, se não vos arrependerdes, todos de igual modo perecereis.
4 E aqueles dezoito, sobre os quais caiu a torre de Siloé e os matou, cuidais que foram mais culpados do que todos quantos homens habitam em Jerusalém?
5 Não, vos digo; antes, se não vos arrependerdes, todos de igual modo perecereis.

O Brasil está debaixo da ira de Deus, quer seja o sul, o norte ou qualquer outro espaço geográfico. As escolhas do Brasil têm consequências sérias diante de Deus. Enquanto a Bíblia indica um caminho de paz, prosperidade, santidade e verdadeira felicidade o ser humano escolhe para si os caminhos tortuosos, as religiões de mistério, o pecado, a promiscuidade e a corrupção generalizada. As consequências avassaladoras estão aí. E, enquanto as catástrofes chegam o país continua mergulhado no pecado, invocando a Satanás e entregando mais uma geração para o inferno. Os recentes shows satânicos expostos em público no Rio de Janeiro terão consequências severas, não apenas para aquele estado, mas para o país em geral. As escolhas políticas que a nação (ou quem controla o sistema) fez estão dilapidando a nossa economia, a nossa liberdade e a nossa esperança nacional. TODOS somos pecadores e, de forma geral o país abandonou o cristianismo, quer sejam os romanistas quer sejam os evangéicos. Trocou-se o Deus verdadeiro pelo deus midiático.

3) O QUE FAZER DIANTE DE TUDO ISSO?

Resposta: Deus, no passado, deu a Israel a Terra Prometida. Permitiu que fosse construído o Templo para ser local de adoração. Mas alertou aos judeus de forma veemente: ouçamos Deus em II Crônicas 7:

13 Se eu fechar os céus, e não houver chuva; ou se ordenar aos gafanhotos que consumam a terra; ou se enviar a peste entre o meu povo;
14 E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra.
17 E, quanto a ti, se andares diante de mim, como andou Davi teu pai, e fizeres conforme a tudo o que te ordenei, e guardares os meus estatutos e os meus juízos,
18 Também confirmarei o trono do teu reino, conforme a aliança que fiz com Davi, teu pai, dizendo: Não te faltará sucessor que domine em Israel.
19 Porém se vós vos desviardes, e deixardes os meus estatutos, e os meus mandamentos, que vos tenho proposto, e fordes, e servirdes a outros deuses, e vos prostrardes a eles,
20 Então os arrancarei da minha terra que lhes dei, e lançarei da minha presença esta casa que consagrei ao meu nome, e farei com que seja por provérbio e motejo entre todos os povos.
21 E desta casa, que é tão exaltada, qualquer que passar por ela se espantará e dirá: Por que fez o Senhor assim com esta terra e com esta casa?
22 E dirão: Porque deixaram ao Senhor Deus de seus pais, que os tirou da terra do Egito, e se deram a outros deuses, e se prostraram a eles, e os serviram; por isso ele trouxe sobre eles todo este mal.

4) TAIS ACONTECIMENTOS TÊM RELAÇÃO COM A VOLTA DE CRISTO?

Resposta: Sim, com certeza. Não o acontecimento em si, pois catástrofes sempre aconteceram. Várzeas de rios nunca foram um local adequado para construções. Contudo, com a degradação da natureza, com o acúmulo de lixo e com a depravação da humanidade tais acontecimentos estão se proliferando de forma única, jamais vista no planeta, acelerando o nível de tragédia, pânico, morte e desespero. E Cristo afirmou que isto aconteceria. São sinais de que o Senhor Jesus Cristo está mais perto do que nunca. Sua volta gloriosa porá fim à degradação da humanidade. Mas as consequências serão extremas. O livro de Apocalipse nos mostra de forma clara e literal tudo o que está acontecendo e que em breve acontecerá.

É hora de clamarmos a Deus.
O país precisa arrepender-se de seus pecados.
A nação precisa parar de aceitar corruptos no poder e nas instituições.
O povo brasileiro precisa arrepender-se de seus múltiplos pecados.
Nosso povo precisa parar de invocar os mortos, de sacrificar aos demônios, de buscar o ocultismo, de sensualizar a juventude e de secularizar a fé.
Se isto não acontecer as tragédias serão generalizadas e múltiplas, afetando não um estado apenas, mas, como de fato o é, a nação inteira, quer seja de uma forma quer seja de outra.

5) O QUE FAZER DIANTE DAS TRAGÉDIAS?

Resposta: Demonstrar amor, empatia, socorro, acolhimento e solidariedade. A crise mostra o que há de melhor e o que há de pior no ser humano. Os cristãos são chamados a amarem o próximo. E nós, brasileiros, temos que nos ajudar, nos auxiliar mutuamente e estarmos prontos a dar do que é nosso para os que sofrem. Afinal, o que hoje ocorre no sul do país já aconteceu no litoral norte de São Paulo, na região de Petrópolis no estado do Rio de Janeiro, no Vale do Rio Doce em Minas Gerais, na Bahia e em tantos outros lugares. Está na hora de servirmos uns aos outros.

6) OUTRAS DESGRAÇAS ACONTECERÃO?

Resposta: SIM! Muitas outras. E cada vez mais concentradas, ceifando populações inteiras. Ouçamos o Apocalipse no seu capítulo 16:
1 E ouvi, vinda do templo, uma grande voz, que dizia aos sete anjos: Ide, e derramai sobre a terra as sete taças da ira de Deus.
2 E foi o primeiro, e derramou a sua taça sobre a terra, e fez-se uma chaga má e maligna nos homens que tinham o sinal da besta e que adoravam a sua imagem.
3 E o segundo anjo derramou a sua taça no mar, que se tornou em sangue como de um morto, e morreu no mar toda a alma vivente.
4 E o terceiro anjo derramou a sua taça nos rios e nas fontes das águas, e se tornaram em sangue.
5 E ouvi o anjo das águas, que dizia: Justo és tu, ó Senhor, que és, e que eras, e hás de ser, porque julgaste estas coisas.
6 Visto como derramaram o sangue dos santos e dos profetas, também tu lhes deste o sangue a beber; porque disto são merecedores.
7 E ouvi outro do altar, que dizia: Na verdade, ó Senhor Deus Todo-Poderoso, verdadeiros e justos são os teus juízos.
8 E o quarto anjo derramou a sua taça sobre o sol, e foi-lhe permitido que abrasasse os homens com fogo.
9 E os homens foram abrasados com grandes calores, e blasfemaram o nome de Deus, que tem poder sobre estas pragas; e não se arrependeram para lhe darem glória.
10 E o quinto anjo derramou a sua taça sobre o trono da besta, e o seu reino se fez tenebroso; e eles mordiam as suas línguas de dor.
11 E por causa das suas dores, e por causa das suas chagas, blasfemaram do Deus do céu; e não se arrependeram das suas obras.
12 E o sexto anjo derramou a sua taça sobre o grande rio Eufrates; e a sua água secou-se, para que se preparasse o caminho dos reis do oriente.
13 E da boca do dragão, e da boca da besta, e da boca do falso profeta vi sair três espíritos imundos, semelhantes a rãs.
14 Porque são espíritos de demônios, que fazem prodígios; os quais vão ao encontro dos reis da terra e de todo o mundo, para os congregar para a batalha, naquele grande dia do Deus Todo-Poderoso.

DEUS ESTÁ AVISANDO!
 
Deus está dizendo: preparem-se, busquem a Jesus, estejam atentos ao regresso de Jesus!

Preparemo-nos!

Wagner Antonio de Araújo

terça-feira, 10 de outubro de 2023

memórias literárias - 1477 - CHORA, Ó RAQUEL...

 CHORA, Ó RAQUEL...

 
1477
 
Quando o Senhor Jesus Cristo fez-Se homem, nascendo do ventre de Maria, Herodes o Grande desejou matá-Lo. Como não O conhecia pessoalmente, mas sabia que era apenas um bebê, procurou exterminar esse Rei Eterno para sempre, matando-O logo na primeira infância. Ordenou aos seus soldados para que matassem a todos os bebês de Belém, a terra natal do Salvador.
 
Hoje, à luz das imagens e notícias que chegam de Israel, mais uma vez contemplamos o choro de Raquel. O que significa essa expressâo? Raquel foi esposa de Jacó, mãe de parte dos filhos de Israel. Ela encontra-se no texto bíblico de Jeremias 31.15. Assim lemos: "Assim diz o Senhor: Uma voz se ouviu em Ramá, lamentação, choro amargo; Raquel chora seus filhos; não quer ser consolada quanto a seus filhos, porque já não existem." (Jr 31:15). Jeremias não compreendia bem o que ouvia e via, mas sabia que era um acontecimento futuro. Tal acontecimento foi exatamente o que citei, quando soldados entram em Belém e matam todos os bebês de dois anos para baixo. Hoje novamente Raquel chorou.
 
Crianças judias estão presas em gaiolas na faixa de Gaza. Outros 40 bebês foram moídos e transformados em pedaços pelos terroristas do Hamás. Centenas de outras crianças foram encontradas no chão do território invadido, mostrando que a crueldade dos soldados contra Raquel não mudou com o passar do tempo. Jovens, idosos, pais, mães, turistas, todos mortos pelas mãos dos endemoninhados terroristas. Raquel ainda chora. Mas não chora sozinha.
 
Choramos todos nós, que sofremos com o povo de Israel. Estes, fruto da velha aliança entre Deus e os homens, continuam sendo amados por Deus e serão tratados por Ele num futuro bem próximo, quando haverão de reconhecer, como nação, que JESUS CRISTO é o seu autêntico Messias, o Ungido, o Cristo. Seus olhos ainda estão fechados e o coração endurecido, mas aos judeus que se convertem ao Salvador a luz de Deus se acende. Porém, por amor de Abraão e da promessa feita a Isaque nós também amamos a Israel e oramos pela paz em Jerusalém.
 
Os inimigos de Israel são também inimigos dos cristãos, apesar de Israel não nos admitir como seguidores do seu Messias. Nosso amor por eles é ordem de Deus, ainda que eles tenham a alma endurecida para Cristo. O seu regresso à terra prometida é cumprimento de profecias; também o reestabelecimento de seu estado soberano. O ódio dos palestinos é a expressão máxima do sentimento que Ismael tem pelo seu irmão herdeiro Isaque: inveja e ciúmes. A falta de prudência de Sara e a ordem para que Abraão gerasse um filho por meio de Agar (não acreditava que poderia ser mãe ainda) continua a trazer as suas consequências. E que consequências tristes! Igualmente a falta de obediência dos hebreus quanto a possuirem a terra prometida por completo, sem permissão de mesclar-se com povos ali outrora residentes nos tempos bíblicos continua a trazer as mais desastrosas consequências... E isto caminha para a cena final desta batalha: o Armagedom.
 
A invasão de Israel num dia de feriado, com requintes de DIA D e de 11 DE SETEMBRO, por terra, céu e mar é algo que não nos entra no entendimento. Como nada apareceu nos sistemas de radares? Como as câmeras não acusaram sirenes à primeira destruição das cercas da fronteira? Como não vieram mísseis que destruíssem os aviões repletos de terroristas com paraquedas? Como não perceberam um movimento de milhares de combatentes ao mesmo tempo? Teria sido fato que a inteligência egípcia avisara com dez dias de antecedência aos judeus? Para nós, que julgamos Israel o país melhor equipado para segurança, com o exército mais bem preparado do mundo e com uma proteção tecnológica à toda prova, é algo que não dá pra ser compreendido. Mas tal fato nos mostra grande similaridade com a ação de Satanás contra as nossas vidas.
 
Israel estava entretida com suas reformas de justiça, com suas discussões internas quanto a políticas e celebrava uma nova era nos acordos de paz. Esqueceram-se do que os profetas diziam: "Pois que, quando disserem: Há paz e segurança, então lhes sobrevirá repentina destruição, como as dores de parto àquela que está grávida, e de modo nenhum escaparão." (1Ts 5:3). Satanás nos dá distrações e tira o nosso foco da vigilância.
 
Como cristãos somos vítimas das armadilhas do inimigo igualmente. Esquecemo-nos de vigiar, de observar, de buscar a Deus, de interceder, de mantermos a guarda. Então Satanás nos dá joguinhos para a diversão: humor, vídeos de aplicativos, piadas, séries intermináveis para entreter-nos toda a noite. Nós nos desviamos da oração, da leitura bíblica, do culto doméstico, do testemunho, da dedicação incondicional. Então o inimigo vem como uma onda avassaladora por todos os meios, por todos os lados, de todas as formas, apossando-se de nossa agenda, de nossa paz, de nossa saúde, de nosso ganha-pão, de nossa racionalidade. Caímos nas suas ciladas e colocamos a nossa biografia na lama. Caímos estirados.
 
Mas há uma promessa: "E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra". (2Cr 7:14). "Eu, porém, invocarei a Deus, e o Senhor me salvará." (Sl 55:16).
 
Isto serve para Israel. Clame a JEOVÁ, o Senhor, o Deus de seus pais. E prepare o coração para ter a revelação dEle, de que JESUS CRISTO é o Messias prometido, o Cordeiro de Deus, a atual Luz dos Gentios. Deus poderá socorrê-los!
 
Isto serve para nós, cristãos. "Porque sete vezes cairá o justo, e se levantará; mas os ímpios tropeçarão no mal." (Pv 24:16). Reconhecer que caímos nas garras de Satanás que nos surpreendeu e que precisamos urgentemente sair dessa situação, e que isto só será possível pela intervenção divina, é a grande e única alternativa. "Clamou este pobre, e o Senhor o ouviu, e o salvou de todas as suas angústias." (Sl 34:6)
 
"Salva, ó Senhor, a Israel da amargura desta hora! Livra-os dos terroristas filisteus e da Pérsia! E dá-lhes a luz n'alma, para que reconheçam que Jesus Cristo é o Messias! Amém!"
 
Pr. Wagner Antonio de Araújo

sexta-feira, 15 de setembro de 2023

memórias literárias - 1476 - ARTIFICIAL OU SATÂNICA?

 ARTIFICIAL

OU SATÂNICA?
 
1476
 
O meu celular tocou e eu atendi. Um rapaz cordialmente me cumprimentou e perguntou como eu estava. Respondi suas questões e então ele me perguntou se eu conhecia uma tal Sônia. Eu então perguntei por que? Ele disse: desculpe, não compreendi. Foi somente aí que eu notei que não estava falando com um ser humano, mas com uma inteligência artificial. Nesta semana, num programa de variedades um pai estava contando, de forma desesperada um relacionamento de sua filha adolescente com um rapaz pelo whatsapp. A menina estava depressiva e com ares de suicídio. O pai tomou o celular e verificou o diálogo. Entre conversas por áudio e por escrito a máquina induzia a menina a dar fim à vida.  Por último, uma cena de cortar o coração. A mãe, cheia de eletrodos e um capacete, caminha num estúdio verde, chroma key, e no visor para o público todos enxergam o que ela vê: a filha morta, que conversa, reage e se deixa abraçar.
 
A inteligência artificial é uma realidade. Ela é o aglomerado de todas as informações acumuladas pelo computador que acolhe, mais as rotinas de programação de máquina, mais as interações e o auto-desenvolvimento dos algoritmos de raciocínio da máquina. O resultado: um monstro eletrônico. Há inúmeros filmes de ficção, mostrando o risco altíssimo do ser humano desenvolver a sua própria máquina de aniquilamento. Contudo, sem ser ficção, o ser humano conseguiu criar uma versão tecnológica de toda a sua falta de ética. Criou uma inteligência que pode vir a destrui-lo como espécie.
 
E foi-lhe concedido que desse espírito à imagem da besta, para que também a imagem da besta falasse, e fizesse que fossem mortos todos os que não adorassem a imagem da besta. (Ap 13:15).
 
Os antigos escatologistas não podiam conceber a veracidade literal deste texto. Hoje isso tornou-se mais do que claro: uma imagem monstruosa da própria maldade humana, constituída de sistemas eletrônicos acoplados a tudo, detendo o poder decisório, executivo, educacional, político de toda a humanidade.
 
Para piorar as coisas cientistas israelenses (como podem?) conseguiram GERAR um bebê sem ESPERMATOZÓIDES, in vitro, com curta duração, para estudarem células. Quando informações assim são vazadas só Deus sabe o quanto mais já caminharam nessa invasão da esfera criadora divina. O que se faz em um laboratório genético só Deus conhece, e experimentos malignos seguem à toda velocidade.
 
Estamos diante do palco do anticristo. Este, que poderá ser um ser híbrido, desumano, ou um sistema nefasto universal, conseguirá aprisionar toda a humanidade em seu arcabouço decisório, mental, sentimental, anti-divino e satânico. E já começou a fazer isso. Vivemos mais pelo mundo virtual, conectado, com celulares à mão, do que no mundo real, com vida viva, num ambiente terreno e sem fantasias.
 
Haverá um dia em que a inteligência artificial dominará a humanidade. Por trás dela Satanás. E somente um cataclisma eletrônico, fora da Terra, vindo do Rei dos Reis e Senhor dos Senhores, poderá deter, desligar, "resetar" e limpar o mundo desse lixo eletrônico que escraviza a todos nós.
 
Usemos a tecnologia, mas não deixemos que ela nos use. Dominemos as tecnologias, mas que não sejamos dominados por ela.
 
Como cristãos, que tenhamos a coragem de congregar pessoalmente, de fazer parte de igrejas de gente, humanas, com expressões visíveis, reais e pessoais de compartilhamento entre seres humanos. Não substituamos a fé por um aplicativo, nem a comunhão por um entretenimento. Cristo está às portas e não levará conSigo a IGREJA VIRTUAL. Essa não existe para Ele. Somente os autênticos humanos, salvos por Sua graça, por Seu sacrifício na cruz é que serão salvos da Sua ira.
 
Wagner Antonio de Araújo
15/09/2023

quinta-feira, 14 de setembro de 2023

memórias literárias - 1475 - O FIM DOS TEMPOS

 O FIM

DOS TEMPOS
 
1475
 
 
Sim. Alguma dúvida? Já era o fim quando a igreja primitiva clamava "MARÃN ATHÁ", Maranata, "Ora Vem, Senhor Jesus!". Já era fim quando o povo aguardava o tocar da última trombeta. Já era fim quando Paulo recomendava aos cristãos que não tivessem embaraços no serviço do Senhor, pois a volta de Cristo era iminente. O fim está chegado há pelo menos dois milênios.
 
Mas há sinais que se esperavam há séculos. Israel precisava voltar ao seu território. Em 1948 o país voltou a existir. O evangelho de Cristo tinha que ser pregado até os confins da Terra. Hoje, com a computação quântica, internet e a Inteligência Artificial todos os povos serão unidos numa comunicação global, podendo verter qualquer coisa para qualquer idioma. A natureza deveria evidenciar um cataclisma generalizado. Hoje verificamos a veracidade destes sinais, múltiplos e globais: tsunamis, furacões, aquecimento global, seca, pestes, sinais nos céus e na Terra, angústia das nações e um volume infindável de catástrofes. Epidemias acontecem a todo o tempo e uma nova pandemia pode surgir em questão de dias.
 
O mundo estaria em guerra antes da volta de Cristo. Estamos em guerra. Guerras internas, com a polarização dos poderes entre direita e esquerda, guerras globais, com as superpotências medindo forças, influência e poder bélico; guerras comerciais, onde um país destrói a capacidade do outro; guerra ideológica, onde países formam um conglomerado de poderes impondo uma paulta de religião, costumes e amoralidade, contra outro grupo antagônico. O mundo não melhorou, como queriam os pós-milenistas. O mundo não está sinalizando normalidade, como queriam os amilenistas. O mundo sinaliza os sintomas da chamada Grande Tribulação e os pré-milenistas estavam certos.
 
Teólogos graduados, em denominações seculares tornaram-se agentes da destruição da própria fé cristã. Gente conhecida, com literatura ampla publicada, com autoridade em imprensas cristãs, bíblicas, evangélicas proclamam de forma efusiva que tudo não passa de mito. Bíblias estão sendo substituídas por versões adaptadas ao gosto desta socieade, sob o pretexto da equivalência dinâmica, mas que fere a manutenção da integridade dos textos. O que um muçulmano jamais admitiria que fizessem com o Alcorão os cristãos estão fazendo com a Bíblia, e de forma organizada! Cada vez mais a temática cristã se torna antropocêntrica, mirando a felicidade neste mundo e a força interior, e cada vez menos o Reino dos Céus e a vontade de Deus. Cristo está sendo substituído pelo Eu.
 
O anticristo, anunciado em Apocalipse, mostra a sua possibilidade, existência e realidade. Hoje, diferentemente do passado, todos estão ligados, entorpecidos e capturados por uma caixinha que coordena o que todos devem conhecer, assistir, aceitar ou fazer. Trata-se do telefone celular, a internet de mão. Nos mais remotos locais do planeta todos estão com celulares conectados, produzindo ou consumindo de tudo, mergulhando num mundo virtual e abandonando o planeta real. Satanás criou o seu veículo mais eficaz e não tem dificuldade alguma em fomentar suas ideias, pensamentos, diretrizes, urgências e pautas. Cristãos trocaram as bíblias por aplicativos. Os cultos presenciais tornaram-se espetáculos e as salas de culto são estúdios de gravação. A comunhão foi substituída pela inscrição e exibição. Os relacionamentos foram encaminhados para um mundo virtual.  O real é o digital; o mundo  tornou-se mera peça secundária.
 
Em nosso país vemos Satanás em cada manchete no andamento das decisões de nossa sociedade. Hoje já não se pode mais usar a Bíblia nos juramentos oficiais. Tornou-se errado. Também não se pode mais dizer que casal é um homem e uma mulher. Em alguns dias o aborto será legalizado. As drogas estarão permitidas e quem se contrapõe a tudo isso é taxado de monstro, criminoso ou golpista. Gente que se elegeu para posicionar-se como cristão foi comprada pelo poder econômico e aceitou fazer vista grossa ao andamento da desgraça social ateísta. São falsos cristãos, falsos conservadores, falsos seres humanos.
 
Em Israel cristãos turistas estão sendo apedrejados e agredidos, mostrando o quanto os judeus continuam a rejeitar a Jesus, o seu Messias. Líderes cristãos fazem vistas grossas, dizendo que isso nada é. Mas isto é muita coisa. Um dia Deus tratará com Israel e terão que reconhecer o seu erro. No mundo árabe continua sendo crime passível de morte ser batizado como cristão. No mundo comunista cristãos são desterrados para minas de pedra e carvão, ou então perdem todas as oportunidades. No mundo ocidental não há mais espaço para cristãos bíblicos: a população ridiculariza e hostiliza o Cristo da Bíblia.
 
O que fazer? Enquanto escrevo vejo países sendo varridos por chuvas e ventos, tempestades e terremotos. O mundo geme, chora, se arrasta e cai em ruínas. E o ser humano continua sem olhar para cima, para o céu, para o seu criador.
 
Jesus Cristo voltará, mais dia ou menos dia, não importa. Deus está preparando a Sua Igreja para o dia do arrebatamento, quando o tempo da humanidade cessar e a porta da graça se fechar. A cada dia torna-se mais evidente a diferença entre um cristão autêntico, a minoria, e um cristão nominal, a vasta maioria. Igrejas são tomadas por falsos pastores, falsos evangelhos e falsa salvação e os fiéis expulsos de seus lugares. Aqui ainda podemos congregar, mas talvez não por muito tempo. O fim vem.
 
Lá fora chove moderadamente. No meu quintal a figueira está a brotar. Estava seca há 15 dias, mas, sem que eu tenha feito nada ela resolveu soltar seus brotos e agora está cheia de folhas novas. Ela me anuncia a chegada da primavera/verão. Assim os sinais estão mostrando de forma generalizada, ampla, global que um cataclisma se aproxima, uma hecatombe universal. Em breve tudo irá desmoronar. E o ser humano terá um encontro com o Senhor.
 
Será um dia lindo e maravilhoso para nós, os que cremos no Senhor Jesus Cristo. Mas será uma catástrofe para os demais. Além de terem que confessar que Ele é real, que vive e é o Senhor, terão que prestar contas de seus atos e serão condenados pela eternidade.
 
"Senhor, dá-me a graça de ser seletivo em minha vida, escolhendo o que Tu queres, fazendo o Teu querer, deixando de lado as coisas que não possuem valor algum. E que eu aproveite cada instante que me resta para proclamar a Tua volta gloriosa. Vem, Senhor Jesus! Amém!"
 
Pr. Wagner Anttonio de Araújo
14/09/2023

domingo, 13 de agosto de 2023

memórias literárias - 1474 - SOLIDÃO - LAMENTO POÉTICO

 SOLIDÃO - LAMENTO POÉTICO 


Há horas em que no peito

Sentimos a falta de um amigo

Alguém com quem falar e rir

Alguém que nos faça bem 


Mas nem sempre há jeito

E por esta razão eu lastimo

Muitos amigos estão a sumir

E dos que há contato não vem 


Viro-me pro lado e me lembro de um

Mas há anos se foi deste mundo

Penso em outro e igualmente

Impossível com ele falar


Abaixo a cabeça e não vejo nenhum

Que comigo queira um assunto

Os amigos se vão lentamente

Deixando um vazio no lugar


Quanto aos jovens, não os conheço

Eles têm suas vidas e histórias 

O coração apertado se sente

E a solidão vem sentar-se do lado


Envelhecer é um passo com preço

A gente passa a viver de memórias

Nosso assunto é de fatos e gente

Sem ouvintes, porém, sou calado.


Vejo a cama, a poltrona e o sofá

As mobílias de minha morada

Tem lugar pra chegar e sentar

Mas sem gente minha sala é fechada


Que bom, meu Senhor, que não somes

Como os amigos que cedo se vão

Se as pessoas e histórias consomes

Tua graça não saí de mim não!


Pro teu ZAP não preciso ligar

Nem buscar teu perfil no Instagram

Não te encontro no meu Facebook

Nem no YouTube o teu vídeo assisto


Para achar-te eu preciso orar

Tua presença meu ser alegrar

E contrito eu abraço teus pés

E em ti eu deposito minha fé


E a solidão, que me fez querer um amigo

Resolve seu caso num encontro contigo

E agora, acarinhado por Teu Espírito

Não há mais solidão, é gratidão que sinto!


Obrigado, Senhor!


Wagner Antonio de Araújo,

13 de agosto de 2023

quarta-feira, 9 de agosto de 2023

memórias literárias - 1473 - ANO NOVO 2021 - 04 - PESSOAS PARA UM ANO NOVO

 04 - ANO NOVO 2021 - 04 - PESSOAS PARA UM ANO NOVO

 
Olá! Aqui é o Pr. Wagner Antonio de Araújo. Feliz Ano Novo, prezado ouvinte!
 
O que fazer neste ano novo que em breve vai começar? Que tipo de pessoas Deus espera que sejamos?
 
Eu acredito que a pergunta petrina cabe bem neste momento: Havendo, pois, de perecer todas estas coisas, que pessoas vos convém ser? Pessoas que vivam  em santo trato, e piedade, (2Pe 3:11). Aqui está o segredo para que nós tenhamos um ano novo muito abençoado. Vejamos:

1) PESSOAS EM SANTO TRATO – Deus deseja que nós tratemos de tudo com santidade. Ser santo é ser separado para Deus. Assim, viver em santo trato e tratar todas as coisas da vida com o devido respeito, com temor, com sabedoria, com consagração a Deus é o desejo do Senhor. Isto nos lembra o que Paulo orientou há muito tempo: Portanto, quer comais quer bebais, ou façais outra qualquer coisa, fazei tudo para glória de Deus. (1Co 10:31).
 
Tudo o que fizermos deve ter como propósito a glória de Deus. O nosso trabalho, os nossos estudos, o nosso convívio em família, as nossas mensagens em redes sociais, a nossa prática de esportes, a nossa vida de oração, a nossa maneira exemplar no comércio e nossa vida sem dívidas, a nossa comunhão e cooperação numa igreja do Senhor Jesus, tudo isso precisa ser feito em santo trato.
 
Quem vive com reverência colhe muito mais de cada atividade. A oração feita com santo trato nos faz encontrar a Deus de forma especial. A leitura bíblica, a comunhão com os irmãos, o testemunho de nossa fé, tudo ganha ares de profundidade, relevância e importância! O novo ano necessita de pessoas que tratem tudo com grande cuidado e dedicação.

2) PESSOAS EM PIEDADE – Piedade significa, além de nossa dedicação religiosa, uma atitude de quem sente a dor do próximo, de quem contribui para dirimir o sofrimento alheio, de quem auxilia na minoração das dores do outro. Se nós, como cristãos, repartirmos o nosso pão, repartirmos as nossas vestes, chorarmos com os que choram, ajudarmos as crianças desamparadas, fizermos companhia e prestarmos socorro aos idosos tão carentes e usarmos a nossa vida para sermos exemplo de quem ama com atitudes, então o mundo será muito melhor e as dores serão muito menos intensas. Poderemos ajudar a crianças carentes, famílias em dificuldades e idosos em seus asilos. Isso pode ser através da igreja em suas múltiplas atividades sociais, como também de forma pessoal, fazendo em segredo o que deve continuar em segredo. Para que a tua esmola seja dada em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, ele mesmo te recompensará publicamente. (Mt 6:4).
 
O meu desejo é que todos nós sejamos pessoas assim, que façam do ano novo um ano muito mais solidário e feliz. Feliz Ano Novo!

memórias literárias - 1472 - ANO NOVO 2021 - 03 - HOMENS PARA UM ANO NOVO

 03 - ANO NOVO 2021 - 03 - HOMENS PARA UM ANO NOVO

 
Olá! Aqui é o Pr. Wagner Antonio de Araújo. Feliz Ano Novo, prezado ouvinte!
 
Os tempos são ruins e o mundo está em crise. Há muitos desempregados, muitos doentes, muitos sem recursos disponíveis e haverá a necessidade de muita sabedoria, de muito trabalho, de muita dedicação. O mundo precisa de homens de valor, homens como José, o pai adotivo de Jesus. Vejamos algumas características desse homem de valor:
 
1) HOMEM TRABALHADOR – Em todos os registros sobre ele encontramos a sua profissão como identificação: Não é este o filho do carpinteiro? e não se chama sua mãe Maria, e seus irmãos Tiago, e José, e Simão, e Judas? (Mt 13:55). José era um honrado trabalhador.
 
2) UM HOMEM DE FAMÍLIA – José, em cumprimento das leis mosaicas e da lei de seu povo, casou-se com Maria, a sua prometida. Ora, o nascimento de Jesus Cristo foi assim: Estando Maria, sua mãe, desposada com José, antes de se ajuntarem, achou-se ter concebido do Espírito Santo. (Mt 1:18). O casamento era realizado em duas etapas. Na primeira a mulher já era identificada como esposa, mas não convivia. Já a segunda etapa era o dia em que iriam residir juntos. José cumpriu tudo que deveria.
 
3) UM CUMPRIDOR DA LEI
– Quando foi decretado que todos fossem se recensear nas cidades de origem, José não titubeou. Tomou a sua esposa e foi para Belém. Ali nasceu seu filho, o prometido de Deus. Ele foi a Belém “a fim de alistar-se com Maria, sua esposa, que estava grávida.” (Lc 2:5)
 
4) UM HOMEM SENSÍVEL A DEUS – Quando titubeou em receber a Maria por ela estar grávida, ouviu um anjo a falar-lhe num sonho e atendeu. Depois, em Belém, ouviu o anjo a orientar-lhe para que fugisse. Ele atendeu. E depois ouviu-o novamente, dizendo para voltar do Egito. Ele obedeceu.

Quantas virtudes neste homem honrado e maravilhoso! Ele inspira os homens que me ouvem hoje. Eu e você somos convocados por Deus para sermos como José: homens trabalhadores, homens de família, homens cumpridores dos compromissos cívicos, homens sensíveis à voz de Deus. Jesus Cristo também foi carpinteiro, porque seu pai o ensinara. Como é bom ter o que ensinar aos nossos filhos!
 
Eu desejo a todos os homens que ouvem este programa que tenham um feliz ano novo e que se inspirem no exemplo de José, um homem especial para tempos especiais. Amém!
 

memórias literárias - 1484 - A MULHER JUNTO À PORTA DE CASA

  A MULHER JUNTO À PORTA DE CASA 1484     Depois que as visitas jantaram E as conversas se atualizaram Lá vai a mulher à porta ...