Translate

quarta-feira, 27 de novembro de 2013

memórias literárias - 129 - A NUVEM DE TESTEMUNHAS


129 - A NUVEM
DE
TESTEMUNHAS
 
Portanto nós também, pois que estamos rodeados de uma tão grande nuvem de testemunhas, deixemos todo o embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia, e corramos com paciência a carreira que nos está proposta, (Hb 12:1)
 
O texto bíblico acima nos fala sobre uma nuvem de testemunhas. Que nuvem seria essa? Uma nuvem de crentes que já morreram e que estão a olhar para nós? Certo dia ouvi um pastor pregando tal opinião e lamentei profundamente o seu desconhecimento bíblico. É impossível que crentes mortos acompanhem e "torçam" pela nossa vitória e pela continuidade de nossa carreira. Champlim, o comentarista universalista, assim compreende. Ledo engano! As muitas letras fazem os comentaristas orgulhosos delirarem num espiritismo velado! Porque os vivos sabem que hão de morrer, mas os mortos não sabem coisa nenhuma, nem tampouco terão eles recompensa, mas a sua memória fica entregue ao esquecimento. (Ec 9:5). Saul foi condenado pelo Senhor por ter consultado médiuns, por ter conversado com um suposto "samuel", inexistente e falso. E lhe disse: Como é a sua figura? E disse ela: Vem subindo um homem ancião, e está envolto numa capa. Entendendo Saul que era Samuel, inclinou-se com o rosto em terra, e se prostrou. (1Sm 28:14). Saul "entendeu" que era Samuel; entendeu errado, como quase tudo que fez na vida. Sobre contato com os mortos, vemos a impossibilidade desse contato na revelação do rico e de Lázaro: ao solicitar a volta de Lázaro para a Terra, para orientar os familiares a não irem para o inferno, Disse-lhe Abraão: Têm Moisés e os profetas; ouçam-nos. (Lc 16:29). Quis ele dizer: têm a Bíblia (Moisés, o Pentateuco, e os Profetas, 4 maiores e 12 menores, o Velho Testamento). Conclusão: não há contato entre os dois mundos.
 
Então quem seriam as testemunhas da nuvem? Os crentes que venceram e que deixaram seus sólidos exemplos de heroísmo, de fé, de abnegação, de resistência às tentações, de amor a Deus, de coragem para lutar, de suprimento de tudo quando nada possuiam. É o testemunho dos heróis da fé em todos os tempos.
 
Urge perguntarmos: e o que essas testemunhas que nos rodeiam como nuvem dizem?
 
Elas dizem:
 
1) Suportem as provações! Jó foi um exemplo disso. Aguentou toda sorte de sofrimentos. No final obteve a sua vitória.
 
2) Suportem as tentações! José, no Egito, suportou as insinuações da mulher de Potifar. E Jesus, no monte, foi tentado por Satanás, mas aguentou com vitória e maestria. Eles venceram e nós poderemos vencer também.
 
3) Suportem as enfermidades! Paulo deveria ter forte problema visual e Timóteo problemas estomacais. No entanto foram vasos de bênção nas mãos do Senhor maravilhoso!
 
4) Tenham o suprimento de todas as suas necessidades, mesmo que nada possuam! Elias comeu do bolo que a viúva lhe ofereceu e teve o suprimento de todas as suas necessidades. Na seca comeu carne e pão trazidas pelos corvos e bebeu água do rego que passava junto à sua habitação.
 
5) Vençam mesmo quando o inimigo for mais forte do que vocês! Maior é Deus! Assim Gideão com 300 venceu um exército de milhares. Assim Davi venceu inúmeras batalhas. Assim Israel conseguiu derrubar as muralhas de Canaã.
 
6) Perseverem em oração e as respostas chegarão! Foi dessa forma que Daniel, o profeta político, conseguiu interpretar a tremenda visão do futuro; ele aguardou em abstinência alimentar e consagração profunda 21 dias, até que chegasse dos céus a resposta às indagações feitas.
 
7) Suportem as perseguições! Paulo e Silas, Barnabé e Timóteo, tantos servos do Senhor, suportaram perseguições cruéis, mas suas vidas estão escondidas em Cristo, com Deus!
 
8)  Semeiem a Palavra e o fruto virá abundantemente! Foi assim com os 12 apóstolos: num ministério tão pequeno, propagaram-se em 120, em 3 mil, em 5 mil e depois em número sem conta, a ponto de serem chamados "perturbadores de todo o mundo".
 
9) Dêem graças em toda e qualquer circunstância, pois o Senhor está edificando a fé! Moisés passou 40 anos no deserto, sendo preparado pelo Senhor para libertar Israel do Egito. Davi teve que fugir de Israel e viver na Caverna de Adulão, até que chegou o tempo de seu reinado e glória. Abraão teve que levar seu filho Isaque para ser  sacrificado na montanha, mesmo que acreditasse em sua posterior ressurreição; e assim todos os servos do Senhor lutaram, deram graças e venceram.
 
10) Aguardem a glória que está por vir! Os heróis da fé sabiam que este mundo jazia no maligno e esperavam uma pátria além da morte, uma terra nova, santa, pura, uma terra onde não existisse morte, pranto, doença ou saudade. Eles já venceram e estão com Cristo. Nós também venceremos e com Ele reinaremos!
 
Eis a grande nuvem de testemunhas! Pedro, Paulo, Abraão, Noé, Moisés, Tiago, João, Maria, Débora, Jesus. Suas vidas inspiram-nos. Seus exemplos ensinam-nos. Sua fé motiva-nos.
 
Tenhamos paciência e corramos a carreira que nos foi proposta, sem embaraços que nos derrubem. Na nossa paciência, fidelidade e imitação das testemunhas do passado, obteremos a nossa vitória. E um dia serviremos também de modelo para novos crentes, que serão inspirados com a nossa própria vida.
 
Para a glória de Deus.
 
Wagner Antonio de Araújo

Nenhum comentário:

Postar um comentário