Translate

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

memórias literárias - 151 - INGRATOS!

151 -
INGRATOS!
 
No início do mês de fevereiro de 2015 o nível de nosso sistema de abastecimento de água, sistema CANTAREIRA, marcava nível de 5%, já contado o segundo volume morto (águas de buracos das represas que o compõem). Lembro-me do governador em Brasília dando os dados alarmantes.
 
Hoje, 10 dias antes do término do mês, o sistema DOBROU A CAPACIDADE, isto é, de 5% passamos para 10% do atual volume. E NÃO HÁ UMA ÚNICA LINHA DA MÍDIA ESCRITA, FALADA ou de qualquer espécie a dizer: MUITO OBRIGADO, DEUS! Pelo contrário, as frases de manchete são: "NÍVEL A 10% MAS A SITUAÇÃO É ALARMANTE"; "10% NÃO RESOLVEM E A SITUAÇÃO CONTINUA PÉSSIMA" etc.
 
Ninguém está dizendo que tudo se acertou. Longe disso! O nível está assim por dois motivos: 1) A SABESP (companhia de água) está retirando A METADE do que retirava diariamente da represa; 2) CHUVAS CONTÍNUAS AO LONGO DE 20 DIAS. Quando o nível alcançar 20% é que teremos enchido apenas o volume morto. Todos sabemos disso.
 
Mas poderia não ter chovido e agora estaríamos com 4 ou 3% e a situação seria muito, muito mais grave! Poderíamos estar sob os efeitos do bloqueio atmosférico, com o insuportável calor de 40 graus em SP, com noites de 35 graus, e a água estaria secando com rapidez. Mas não estamos! Só que não há na boca do povo, da mídia, de ninguém uma única frase a dizer: SOMOS GRATOS!
 
O difícil, e daí o lamento, é que NEM ENTRE OS CRENTES ouvimos palavras de gratidão! Sim, porque dos ímpios nada se espera. Como diz o Dr. Luiz Antonio Ferraz, "o que mais nos entristece não é o que os ímpios estão fazendo, pois deles não esperamos outra coisa". Sim, dos ímpios nada surpreende. O que surpreende é não ouvirmos crentes a dizer: "obrigado, Senhor, por dobrar a capacidade hídrica nesta crise sem precedentes". O que ouvimos é: "Isso não resolve"; "está péssimo e essa chuvinha não resolveu"; "Fiquei feliz, MAS..." Não se ouve uma palavra de gratidão a Deus!
 
E não é só na crise hídrica! Há muita ingratidão no coração de muitos crentes:
 
"Estou trabalhando MAS detesto o que faço, ganho pouco e não estou realizado"
 
"Gostei do almoço, MAS bem poderia ser um prato mais requintado, não essa miséria"
 
"Eu vou bem MAS poderia estar melhor, se fosse mais novo ou não tivesse essa hemorróida.."
 
"Eu consegui passar MAS não é o curso que gostaria"
 
"Consegui reformar o carro MAS não ficou do meu gosto e o que queria era outro"
 
"O pastor é bom MAS é muito retrógrado, está velho e não dá oportunidades do jeito que gostaríamos"
 
"Meu marido é bom MAS não é o príncipe encantado com o qual sonhei"
 
"O remédio ajudou MAS não curou"
 
"Minha firma está funcionando MAS não está prosperando como deveria"
 
I N G R A T O S! Sempre a ingratidão! Ontem, conversando com Daniel Jardim, filho do Pastor Altivo Jardim, em Mogi das Cruzes, SP, disse-me: "Quando as pessoas reclamam de algo para mim, eu digo: mas você anda, você está de pé, e o meu pai está na cama, não é capaz de falar; por isso não reclame, agradeça!" E é a mais pura verdade.
 
A represa está só com 10%? Agradeça, pois poderia estar com 5% apenas!
 
Trabalha e não gosta do que faz? Agradeça, porque há muitos que dariam tudo para ocupar a sua vaga!
 
Não gostou do almoço? Lembre-se que há, neste momento, inúmeras pessoas comendo terra ou lixo pela severidade da fome e você ainda tem um prato de comida sobre a mesa!
 
Não está tão bem de saúde? Dê graças ao Senhor por não estar na ala terminal do Hospital do Câncer!
 
Não está fazendo o curso mais adequado? Louve a Deus por ter faculdade, porque há pessoas que não têm nem o primário completo!
 
Não gostou da reforma do carro? Há gente que só anda à pé ou de ônibus!
 
O pastor é retrógrado? Bendiga a Deus que ainda há um pastor com valores que detém a apostasia em sua igreja!
 
O seu marido não é um príncipe? Bendiga a Deus pelo casamento, pois muitos não conseguem casar-se!
 
O remédio não curou, só ajudou? E aqueles que têm doenças que não encontram remédios para detê-las?
 
Sua firma está em crise? Mas está aberta e tem conseguido atravessar a tempestade! Vá ver quantas fecharam, faliram e levaram tantos à bancarrota!
 
Do crente Deus espera um espírito agradecido o tempo todo, pois Deus é bom e Sua misericórdia dura para sempre! 
 

Entrai pelas portas dele com gratidão, e em seus átrios com louvor; louvai-o, e bendizei o seu nome. (Sl 100:4)
 
E a paz de Deus, para a qual também fostes chamados em um corpo, domine em vossos corações; e sede agradecidos. (Cl 3:15)
 
Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco. (1Ts 5:18)
 
Isto não significa ignorar os problemas, relevar as dificuldades ou tornar-se passivo diante dos enormes desafios. Não! Precisamos orar, precisamos lutar, precisamos progredir, precisamos melhorar! Mas MESMO em crise, mesmo em dificuldades, mesmo na carestia, temos a obrigação de dizer: OBRIGADO, SENHOR NOSSO DEUS! Lembremo-nos do que Cristo disse e confiemos em Sua sabedoria:  "Respondeu Jesus, e disse-lhe: O que eu faço não o sabes tu agora, mas tu o saberás depois." (Jo 13:7)
 
Pensou em algo e foi tentado a reclamar? Pare imediatamente! Não reclame; agradeça!
 
Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas do Rodoanel em Carapicuíba, São Paulo, Brasil
20/02/2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário