Translate

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

memórias literárias - 319 - POR QUE A PORNOGRAFIA NÃO SERVE PARA O CRISTÃO

POR QUE A
PORNOGRAFIA
NÃO SERVE PARA
O CRISTÃO?
319

Há inúmeras razões e inúmeras questões bíblicas que poderiam ser colocadas. No entanto, mesmo sabendo disto, um número monstruoso de PASTORES, PROFESSORES BÍBLICOS, HOMENS CASADOS E ADOLESCENTES, CRENTES, assistem a vídeos pornográficos, gratuitamente distribuídos na internet e facilmente assistidos nos telefones celulares e computadores. No domingo presta-se culto a Deus, cantam-se músicas que enaltecem a santidade, e no banheiro, no quarto ou no escritório assistem-se vídeos de promiscuidade, de adultério, de orgias, de homossexualidade e de pedofilia.
A incoerência do que se diz e do que se faz é notória. A tentação também. TODOS nós, que somos inteligentes e temos acesso à informação da internet, somos tentados com os vídeos pornográficos oferecidos. Não somos assexuados. Todos nós, que somos cristãos, temos uma luta interna, onde as duas naturezas em nós brigam ferrenhamente, buscando a primazia. Diferentemente do que os pregadores da impecabilidade do crente afirmam, nós somos tentados e somos capazes de cair em tentação. Não fosse assim Jesus não teria dito, em sua oração do Pai Nosso: "Não nos deixes cair em tentação, mas livra-nos do mal". Pedir algo impossível seria, na economia de Deus, sem sentido algum.
Quero alistar 10 razões pelas quais o crente, principalmente o homem crente deve manter-se longe da pornografia, seja ela pela internet, pelo dvd, pela tv a cabo, pelo cinema ou pelas revistas e publicidades em papel.
01) A pornografia expõe atores que poderiam ser nossos filhos - hoje eu sou pai de uma linda menina. Imagino o que um pai sentiria, ao deparar-se com a própria filha em atos de promiscuidade e pecaminosidade. Quantos pais não infartaram, não adoeceram, não tiveram a vida destruída por moças que menosprezaram as orientações morais e espirituais dos seus pais? Imaginem os filhos, os jovens que, ao invés de se dedicarem ao trabalho digno e à formação de uma família, mergulham na promiscuidade e no pecado, envergonhando pai e mãe! Quantas mães (que eu sei!) adoeceram por tomarem conhecimento da vida promíscua de seus filhos! Cada vez que um crente clica e assiste a essas produções, torna-se cúmplice do pecado e realimentador do sistema de lucro através das orgias.
02) A pornografia escraviza os seus atores - semelhantemente ao serviço escravo do campo, onde os operários são obrigados a comprar nos empórios das fazendas e cujas contas só sobem, jamais quitando os débitos, os atores pornográficos assinam contratos com os produtores e são obrigados a filmar horas e horas por semana, pagando pelos objetos, pelos produtos, pelas roupas, pelas produções, sempre devendo um pouco mais, até que, velhos, são descartados e jogados como roupas rasgadas. Quantos atores de pornografia estão nas sarjetas perdidos, destruídos, sem um tostão no bolso, sem família, sem dignidade, doentes e até dementes! Quando um crente assiste à pornografia ele está concordando com o império da escravidão do pecado.
03) A pornografia destrói a estrutura familiar na qual o cristão acredita - Como cristãos cremos no papel da família conforme a bíblia apresenta: pai, mãe, filhos, marido, esposa. Mas na pornografia não há nenhum limite para as aberrações bestiais e imorais, destruindo os vínculos e transformando tudo em motivos de falso prazer. Assim, há vídeos de promiscuidade entre pais e filhos, entre mães, filhas e sogras, entre homens com outros homens e entre seres humanos e animais. Deus chama esses atos de ABOMINAÇÕES. Na Lei que Deus decretou a Israel tais atos eram punidos com o apedrejamento. Na nova aliança o pecado continua sendo tão abominável quanto era no passado, mas a punição é a perdição eterna e a ida  ao Inferno. Quando o crente consome esses vídeos está se colocando entre os que se perdem e, talvez (só Deus sabe!) demonstrando que não é salvo e que sua verdadeira natureza continua sendo a do mundo, não a nova natureza, transformada. A pornografia destrói os valores familiares de quem faz e de quem assiste.
04) A pornografia exige o consumo secreto e discreto - exceto nos lares promíscuos ao extremo, quem consome esse material o faz escondido. O marido não conta à esposa, nem esta ao marido. O filho não conta aos pais e nem estes aos filhos. Todos escondem de todos, mesmo desconfiando que todos enganam a todos. Imagine o filho a descobrir essa prática mundana por parte do seu pai. "Papai, o senhor me ensinou a respeitar as moças, a não manter pensamentos impuros, a ser fiel; por que o senhor faz tudo ao contrário?" Quantas esposas flagram seus maridos no consumo dessas bestialidades e quantos casamentos naufragam por isso! Se a pornografia fosse boa não seria feita nem de forma escondida e nem contrária aos ensinos da boa convivência moral, espiritual e social. O crente que consome esse material esconde-se porque não quer que a luz o exponha.
05) A pornografia é um tropeço e um escândalo - Alguém que se diz cristão, que parece ser honrado e moralmente sadio, ao ser descoberto como promíscuo e consumidor de pornografia pode escandalizar a fé alheia e, infelizmente, causar a perda de vidas para o Inferno. Imagine uma mãe ao contemplar a filha nas chamas eternas da perdição do além a dizer-lhe: "Mamãe, a senhora me ensinou algumas palavras e me decepcionou com a sua prática, hoje eu estou no Inferno porque copiei a sua maneira de ser e não tenho como sair daqui. Mamãe, por que a senhora me concebeu? E por que não cuidou de minha alma? Mamãe, por que me fez isso?" Eu não posso imaginar o quanto um pai ou uma mãe sofreriam ao ver a perdição de um filho ou de uma filha, sabendo que estão no Inferno por culpa de sua promiscuidade! Quem usa a pornografia torna-se motivo de escândalo, e ai daqueles que são pedra de tropeço!
06) A pornografia cria um universo irreal - O mundo da pornografia não existe na realidade. Pessoas sedentas de prazer libidinoso, atléticas em suas práticas, sem pejo e sem nenhum constrangimento na frente de amigos e familiares, com corpos perfeitos e absolutamente completos, não passam de ilusões criadas pelas lentes e pelas câmeras! Os estúdios onde essas produções são feitas trabalham pela artificialidade e plástica, escondendo os defeitos, as limitações, os conflitos, o cansaço, a vergonha e a náusea que existem. Após a edição o vídeo mostra a mentira, o irreal, a ilusão. Quem consome pornografia acredita na mentira.
07) A pornografia drena a comunhão com Deus - Davi drenou a sua comunhão com Deus ao pecar em adultério com Betsabá. Salomão drenou a sua comunhão com Deus ao contrair núpcias políticas com filhas de reis e destruiu a sua comunhão com o Senhor. Inúmeros pastores colocaram fim aos seus ministérios por causa da promiscuidade e membros de igreja deram cabo da família por causa de sua lascívia e imoralidade. A consciência dói após cada vídeo de pornografia; não por causa de uma falsa culpa, mas porque o ESPÍRITO SANTO, que habita no coração do crente, ENTRISTECE-SE e sinaliza um abismo gigantesco nesta comunhão. As igrejas do Senhor, no século XXI são as mais bem equipadas e mais ricas da história do cristianismo, e as mais baixas e sem comunhão com Deus, pois deixaram-se drenar por causa do pecado. Quem consome pornografia consome a sua comunhão com Deus.
08) A pornografia promove indiretamente a fornicação e o adultério - Nenhum homem (digno) desejaria ser traído por sua mulher, assim como nenhuma mulher (digna) o desejaria. Porém, segundo Jesus, o DESEJAR já é o PRATICAR, quando o assunto se chama ADULTÉRIO E FORNICAÇÃO. Na prática, quando consumimos pornografia, somos os atores, sentimos o que os atores sentem, tomamos os seus lugares em nossas mentes. Por alguns momentos somos os protagonistas. E isto nos torna PRATICANTES de fornicação e adultério, pois desejamos e fazemos aquilo dentro de nós. Logo, não há crente que tenha paz diante de Deus e diante do cônjuge após esse tipo de prática imaginativa. Passam a funcionar duas realidades: a real, escondendo o que o coração sente, e a irreal, criada mentalmente em nossa imaginação. Quem consome pornografia fornica e adultera diante de Deus.
09) A pornografia não tem justificativa - Deus criou o sexo para a multiplicação da espécie e, para o ser humano, qualificou-o para dar maior comunhão e felicidade à família. Deve ser algo que solidifique os vínculos e o amor sincero, não a prática bestial, animalesca e doentia. Nada pode justificar a pornografia, nem a falta de motivação sexual do cônjuge. Quando alguém se casa, está assumindo uma vida de dedicação e absoluta fidelidade, INDEPENDENTE do que o cônjuge venha a fazer ou deixar de fazer. A minha fidelidade, educação ou espiritualidade não dependem de outra pessoa; depende apenas de mim. Nós não nos casamos com pares sexuais apenas; casamo-nos com pessoas, que sentem, que têm enfermidades, que se magoam, que se aborrecem, que precisam de paciência. Assim, se mesmo com tratamentos ou boas conversas não houver remédio, AINDA ASSIM nada justificará o consumo da pornografia por vingança, por necessidade ou por opção. A pornografia não tem justificativa.
10) A pornografia leva ao Inferno - Soa impopular falar de Inferno, de perdição, de condenação nos dias de hoje quando o próprio protestantismo e evangelicalismo não acredita muito em Inferno. Mas a Bíblia não mudou e a realidade é nua e crua: os fornicadores, os promíscuos, os adúlteros, os afeminados, os que cometem torpeza com o mesmo sexo, os que não são fiéis ao cônjuge serão condenados. Podem frequentar as igrejas, podem cantar louvores, podem ler quinhentas vezes a bíblia, podem doar fortunas para o trabalho de Deus. O Senhor não se deixará escarnecer. A santidade do corpo, da mente, da família e do sexo continuará sendo fundamental na vida de um cristão. Em Cristo somos libertos da pornografia. Sem Cristo somos escravos dela. E os escravos do pecado irão para a perdição.
Diante do exposto, pergunto: como anda a sua relação com a pornografia? Se há alguma, rompa-a, peça perdão a Deus e conserte-se diante do Criador. Não dê lugar ao Diabo e não se deixe seduzir pela irrealidade dos filmes. Deus prepara a Igreja de Cristo para levá-la e glorificá-la. Esteja pronto para isso. Não macule o nome do Senhor.
Pr. Wagner Antonio de Araújo

23/02/2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário