Translate

sábado, 26 de setembro de 2015

memórias literárias - 249 - BEM-TE-VI

BEM-TE-VI

249
12/05/2009

Em minha última viagem à casa do Pastor Timofei Diacov, em Cafelândia, SP, a Tia Ruth, sua esposa, falou-me: “Está escutando esses piados? São os filhotes de bem-te-vis, que nasceram há alguns dias e que já querem cantar. Mas são novinhos”. Era um canto trêmulo, fino e baixinho, uma graça. Ouvíamos, mas não víamos.

Agora, aqui em casa, já por alguns dias percebi outros bem-te-vis jovens. Ao voltar da caminhada matinal vi sobre a antena o jovem bem-te-vi tentando cantar o seu frasear especial: “bem-te-vi”. Mas por ser inexperiente só consegue fazer a parte do “vi” e emitir alguns sons para o resto, desafinadamente e sem sentido. Faz uma semana que ele está tentando. Toda manhã, antes do sol nascer, lá está o passarinho treinando o seu canto, tão importante para a sua vida de pássaro: demonstrar que é adulto, atrair e cortejar uma fêmea, passar mensagens, etc. Ele poderia estar voando em alguns outros lugares, aproveitando o frescor da manhã. Mas julgou mais importante treinar até conseguir cantar. E ele conseguirá (se nenhum gato o comer).

Sem treinamento não há desenvolvimento. Há um custo a pagar pelas vitórias que alcançamos. Elas não são automáticas. Há muita coisa que necessita de treino, inclusive o nosso crescimento na vida cristã.

A salvação é gratuita para nós (tendo sido caríssima para Cristo, custando o Seu precioso sangue). Para sermos salvos não precisamos fazer nada, além de crer: “Jesus respondeu, e disse-lhes: A obra de Deus é esta: Que creiais naquele que ele enviou.” (Jo 6:29). Crer é o elemento-chave para a salvação.

Mas para o exercício da fé, para o crescimento espiritual, para a vitória sobre o pecado, é necessário perseverar, lutar e treinar.

Quem não costuma orar não conseguirá ser um grande orador na primeira tentativa. Mas não deve desistir. Deve aumentar o seu tempo a sós com Deus o quanto for necessário, até que seja um íntimo buscador do Pai em oração: “Por esta razão, nós também, desde o dia em que o ouvimos, não cessamos de orar por vós,”(Cl 1:9); “Orai sem cessar.” (1Ts 5:17)

Quem não costuma ler a bíblia deve treinar, perseverar e não abandonar o estudo bíblico sistemático. Sem bíblia não há Palavra de Deus na vida do crente. Talvez demore até sentir gosto e prazer, mas deve ler mesmo assim. “Persiste em ler, “(1Tm 4:13) “Com que purificará o jovem o seu caminho? Observando-o conforme a tua palavra.” (Sl 119:9)

Quem não luta contra as tentações nunca as vencerá. Sempre terá uma boa desculpa e nunca terá paz em seu coração. Prostituição, preguiça, glutonaria, fofoca, mentira, frieza espiritual e outras obras da carne são tentações a vencer. Talvez hoje não as tenha dominado completamente e então pensa em desistir.  NÃO DESISTA! Continue orando, enfrentando e tentando! Quem persevera, luta, enfrenta e mantém-se atento no Senhor, obtém a vitória. “Bem-aventurado o homem que suporta a tentação; porque, quando for provado, receberá a coroa da vida, a qual o Senhor tem prometido aos que o amam.” (Tg 1:12); “E os que são de Cristo crucificaram a carne com as suas paixões e concupiscências”. (Gl 5:24)

O bem-te-vi jovenzinho está treinando toda manhã. Ele conseguirá. Lute e treine para ser um crente vitorioso e cheio de dedicação, e também vencerá.
 
Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco SP


Nenhum comentário:

Postar um comentário