Translate

sexta-feira, 2 de outubro de 2015

memórias literárias - 260 - CONFERÊNCIAS EUROPÉIAS 2010

CONFERÊNCIAS EUROPÉIAS 2010 - ITÁLIA - SUIÇA - PORTUGAL - INGLATERRA
Memórias de uma viagem inesquecível, de muitos dias, com quase tudo maravilhoso, exceto Inglaterra, cuja experiência eu não descrevo aqui, por ter sido tremendamente amarga e cheia de dificuldades. Mas a vida é feita de tudo isso também.
Registro estas memórias para não mais me esquecer.
Espero que seja edificante à fé de alguém.
 
 
 
 
 
 

EUROPA 2010 - CHEGADA À ITÁLIA




Milão, 01 de abril de 2010

Diletos leitores:
Graça e paz!

Aí são 11 e 13, enquanto aqui são 16 e 13. Estou na residência da irmã Gláucia, que me hospeda no dia de hoje, até que o Pastor Fernando Pasi chegue de Curitiba. Estou no sótom de sua linda residência, onde tenho cama, quarto e banheiro. O fuso-horário me deixou bem atordoado e logo vou tentar domir um pouco. Quis, porém, aproveitar a memória, para não esquecer-me das coisas. Como sempre, aprecio compartilhar as coisas com os leitores, uma vez que é como se todos estivessem viajando comigo. Obrigado pelo carinho!

CADÊ A MALA?
Faltava uma hora para que a Elaine me conduzisse ao aeroporto. Foi quando descobri que a mala que a Milú estava montando era quebrada, rasgada. Meu Deus, e agora? "Elaine, por favor, compre-me uma mala aí na Lapa"! Quase que eu venho sem nada!

MARGINAL PARADA
Como sempre, e principalmente agora, o tráfego estava absolutamente parado. As reformas nas marginais Tietê são desanimadoras. O Thadeu, que foi de ônibus, chegou antes de nós.

AMIGOS DE VERDADE
O Thadeu e a Conceição são amigos verdadeiros. Não que outros não sejam, mas que eles fazem questão de demonstrar o afeto que têm. E desta vez não foi diferente. Quando desci em Guarulhos para fazer o check-in, lá estava o casal, que nos acompanhou em toda parte. Fomos à polícia federal declarar o laptop e a câmera de fotos. Sobre o laptop o policial perguntou: "veio doar essa velharia?" Não precisava humilhar também... Bom, antes velho do que apreendido, não é mesmo?

UM LANCHINHO PARA CELEBRAR
Sem grandes opções para o momento resolvemos comer um hamburguer. A Elaine, que havia ido ao banheiro telefonou de lá para o meu celular, dizendo: "escutei chamar o seu nome no auto-falante; o que será que aconteceu?" Então o lanchinho ficou para depois.

"EU NÃO PODIA DEIXAR DE LHE ABRAÇAR!"
O rapaz da INFORMAÇÕES perguntou se eu era pastor. Disse que sim. Então mandou-me aguardar. Em seguida chegou correndo uma irmã extremamente simpática, por nome Maria, que é leitora minha na lista do Seminário de Guarulhos, dizendo que não poderia deixar de celebrar esse momento tão importante. Meu Deus, que felicidade! Que riqueza! Ela chegara correndo para ao menos demonstrar o seu grande amor e carinho! Fomos comer o lanchinho e tirar uma fotografia. Foi muito bom ... e rápido. Faltava 10 minutos para eu entrar no "matadouro" (aquele corredor da alfândega/saída/imigração) e o Thadeu falou: "Vamos deixar o Pastor Wagner com a Elaine; este é um momento só deles". BRIGADO, THADEUZÃO!

É AQUI MESMO QUE EU FICO???
Entro pra procurar o 5C. Estão faltando as poltronas até a 7. Desespero-me. Pergunto onde estão, se foram removidas, se estão no maleiro, e a aeromoça me conduz à frente. Era um reservado especial. "Moça, tem certeza de que não erraram? É aqui mesmo?" "Sim senhor; aproveite". E realmente tinha que aproveitar. Um diferencial: no geral,quando lhe oferecem JANTAR a opção é: SIM ou NÃO. Ali se podia escolher frango ou peixe. E outras coisas mais. Eu disse: Obrigado, Senhor!

AO LADO DA DRA. ALICE
Viajei junto com a Dra. Alice, uma judia brasileira que errara o avião (ela iria para Madrid e pegou o vôo para Milão...). Uma pessoa extremamente distinta, educada, inteligente, com quem conversei muitas horas. Que companhia agradável! Foi um privilégio sentar-me ao lado desta senhora. Ela agora deve estar chegando em Portugal, onde passeará com seu esposo. E eu fui enriquecido com essa amizade tão boa.

OLHA O AVIÃOZINHO....
Lembro-me quando menor, quando mamãe me mandava comer (hoje alguém me manda PARAR de comer...). Então dizia: OLHA O AVIÃOZINHO... Pois era o que estava acontecendo. Ninguém acertava a boca, pois as turbulências de céu aberto eram muito, muito fortes. Eu tenho voado muitas vezes. Mas este vôo, sem dúvida alguma, foi o segundo pior que já fiz. Não tanto pela força das turbulências (elas foram fortes, não fortíssimas), mas pela constância, repetição e sustos que nos causavam. A poltrona virava uma semi-cama, mas quem disse que se conseguia dormir? A cada 15 minutos o piloto mandava afivelar-se e acertar a poltrona; ficávamos 40 minutos num "apertem os cintos; o piloto sumiu", e aquietava. Mais meia hora e tudo de novo... Mas eu enfim consegui acertar a boca e comer.

2 EUROS
Já viram um absurdo assim? Para usar o carrinho de carregar malas precisa-se pagar 2 euros, que se colocam em moedas num buraco, livrando-os das correntes. Na teoria se recupera no fim do trajeto, quando o guardamos. Mas lá no estacionamento um franelinha pediu para guardar o carrinho e ficar com os 2 euros. Como ele não era aquela simpatia de pessoa, e como desconheço os costumes daqui, resolvi perder logo esses 2 euros. Começou a gastança.

ABRA AS MALAS!
Tinha que ser comigo. De novo... Lá estava o povo saindo belo e faceiro pela porta do NADA A DECLARAR. Quando eu sai o policial me enquadrou. Perguntou o que eu iria fazer lá, se iria pra hotel, etc. Então mandou-me abrir as malas. 26 quilos de tranqueiras na mala, tirar essa coisa toda, até o policial teve dó. Quando ele viu minhas meias, lenços e gravatas, creio que desistiu de ver o resto esperado e mandou-me embora com um ARRIVEDENTI. E eu disse: "pro senhor também".

MARCO, MEU ANFITRIÃO
Já começou mal a chegada: "Pastor Wagner, eu lhe conheci pela barriga, o irmão era o fortinho que ia chegar..." Relevei, senão ele me deixaria ali e eu ficaria em maus lençóis, ou sem lençol algum... Lá fora eu me emocionei. E Marco orou comigo, agradecendo a Deus o retorno de um descendente 120 anos depois que a família partiu da Itália. Como foi com a família do meu pai, assim estava acontecendo agora, eu pisava o chão que as gerações passadas pisaram. Deus seja louvado!

CAFEZINHO BOM ... E CARO!
Marco pagou-me um café expresso. Um cafezinho. Menos de meia xícara pequena. Oitenta centavos de euro. Que preço exorbitante! Mas o café valeu à pena.

CORAÇÃO SAUDOSO, INTERNET AMPLA
Marco deixou-me na casa da jovem irmã Gláucia, uma empreendedora na área de festas. Casa linda, boa, ela é jovem, um casal bonito. Já sei que pregarei agora á noite, às 8 e 30. Mas o ar condicionado do avião estava tão forte que realmente gripei.

Então agora vou dormir um pouco e ver se consigo falar posteriormente.

Um abraço a todos!


Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco SP
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

comunicações comigo só em bnovas@uol.com.br

===================

EUROPA 2010 - SEGUNDO DIA: 2 CULTOS




ATENÇÃO

SE VOCÊ NÃO INGRESSOU NO GRUPO DE FOTOS,

ESTÁ PERDENDO A PARTE VISÍVEL DO QUE ESCREVO.

INGRESSE NA LISTA, ENVIANDO UM

E-MAIL EM BRANCO PARA

fotositaliaeportugal2010-subscribe@yahoogrupos.com.br

QUANDO O SISTEMA MANDAR UM E-MAIL,

É SÓ CONFIRMAR, OK?

Milão, 04 de abril de 2010

Diletos leitores:
Graça e paz!

Agora é uma e trinta e dois da madrugada, cinco horas depois do horário de vocês. Lembrando-me de uma velha propaganda, "eu sou você amanhã"...

ACORDA, PASTOR!
Eu pensei que era uma voz do além, do tipo "Lázaro, sai para fora!". Aliás, deve ter sido uma senhora experiência a de Lázaro: 3 dias depois de chegar ao Paraíso, já acostumado ao ambiente, com amizades iniciadas, ser puxado novamente, quando a Voz lhe ordenou: "Sai para fora!"...

CÉLULAS
Mas a minha foi bem do aquém mesmo. Era o Marco e o Ricardo, à porta do meu quarto (o sótom, no quarto andar), a me chamar para o culto da "célula" (a igreja é toda dividida em grupos que se reúnem nas casas, pois o salão onde cultuam só pode ser usado no domingo, segundo regras contratuais; acreditam??? Então a igreja reúne-se nas casas ao longo da semana. O sistema é absolutamente diverso de qualquer semelhança com grupos de G12 ou "igrejas em células"; é algo autóctone e localizado)


DUAS FAMÍLIAS
Ricardo & Gláucia, com a filhinha Júlia, os donos da casa; Marco & Ângela, com os filhos Alessandro e Cecília, os líderes. Duas lindas famílias, só o Ricardo é italiano. O Marco é um excelente líder, muito carismático e profundamente interessado no crescimento espiritual dos seus liderados. Tocou-nos violão para que juntos cantássemos ao Senhor. Cantamos 3 canções, todas em italiano (eu "cantei em línguas" e garanto que não era italiano; só uma tentativa...). Depois oraram uns pelos outros e passaram-me a palavra.

E AINDA ESTOU AQUI...
Para quem leu "CRÔNICAS DE DEZEMBRO" deve lembrar-se dessa. É o meu testemunho de livramento da morte, quando descobriram minha enfermidade letal cardíaca. Falei do que Deus havia feito em minha vida e do quanto eu era grato a Ele por tudo que me fizera. Falei sobre um plano divino para a vida humana (ainda que Kivitz & Gondim não acreditem haver um...) e como o Senhor responde às orações quando a glória é para o Seu nome. Todos prestaram muita atenção. Depois oramos uns pelos outros.

SERÁ QUE POSSO?
A irmã Gláucia é uma crente relativamente nova; ela lida com festas, principalmente infantis. Algo foi solicitado para ela, uma festa de adultos. E ela queria saber qual seria a vontade de Deus para a sua vida. Que lindo! Sua preocupação era não fazer nada que desagradasse a Deus! Marco também contou como perdera ganhos gigantescos em sua papelaria, pelo fato de não fazer coisas que quebrassem os mandamentos de Deus. Até cartões incompatíveis com a fé cristã não são comercializados ali. E Deus os tem abençoado! Que testemunho maravilhoso! Houve um lamento: muita gente aparece, pedindo que o Senhor lhes conceda um serviço, uma saída para viver na Itália, e, quando a resposta vem, alguns trocam o Senhor pelo serviço e por outros compromissos. Mas o caminho é não trocar o Reino pelo reinado humano. Aleluia!

BOLO E TORTA
Findo o banquete espiritual fomos àos acréscimos que o Senhor misericordiamente deu: uma sociabilidade. Tínhamos torta e bolo, além de refrigerante. Que delícia! Lembrei-me dos "friendships" da minha saudosa Boas Novas de Osasco ou dos "convívios" da inesquecível Oliveira do Hospital, em Portugal. Conversamos, nos despedimos e fomos dormir.

NOITE MUITO RUIM
O meu nariz parecia uma bica dágua; a minha testa queimava; o sono era um delírio. Eu tive febre a noite toda. O clima também estava difícil para mim; a adaptação nunca é fácil. Pela manhã acordei suado e com a fronha suja de sangue: o nariz tinha sofrido. Que sensação ruim a dessa gripe. É uma "porcaria" (mas não deve ser suína; deve ser TAMina, da TAM...)

ALMOÇAR
"Vamos comer pasta com camarão? O senhor gosta?", perguntou-me a serviçal da casa. Pensei: não posso mentir, dizendo "ó, que maravilha", mas não posso recusar simplesmente (eu detesto...). Então pensei em meu curso de vendas e perguntei: "Pasta com camarão é um prato muito apreciado. O que há além disso?" "Ah, temos arroz e bife". "Eu prefiro, se não for incômodo". Graças a Deus não era. E que comida boa! Fome, porém, eu não tinha. Estava com febre e não trouxera comigo o RESFENOL ou AFRIN necessários. Bem, vamos nos virar como pudermos.

BAGUNÇAS NA MALA
Eu não sei como as mulheres ou alguns homens conseguem organizar suas malas de viagem. Mas eu tenho certeza de uma coisa: eu sei desorganizar uma mala em dois dias. Até em um, se me esforçar bastante! Tinha roupas em toda parte no quarto; polvilho granado, perfumes da BLESS, meia furada, livros, estava uma beleza! Eu sabia, contudo, que o Pastor Fernando Pasi estava para chegar e me buscar e que não gosta de esperar; assim, tratei de entrar na MISSÃO SOCAR - socar a roupa e o que estiver fora para dentro da mala. O mais interessante é que sempre que se termina lembramos de achar alguma coisa, e desmanchamos tudo de novo. Meia hora depois, desci as malas.

PASTOR FERNANDO & GIOVANI
Escutei o Pastor Fernando lá embaixo. Como bom italiano ele fala bem BAI-XI-NHO - eu o ouvi do quarto andar (ele estava no primeiro...). Chegou com um irmão da igreja, o Giovani, atleta de Cristo, o líder, e carreteiro pela Itália. Mas, "cadê a irmã Ione, pastor?" "Ela ficou; erraram a passagem dela, ela só virá no fim de abril..." (volto a sugerir a ele e a todos: para tranquilidade nas viagens, voem, rodem ou caminhem com a ROBERTOUR VIAGENS E TURISMO; lá não há esses chabús). E agora? Dois marmanjos numa casa, sem a orientação e direção de uma mulher sábia E ORDEIRA? Ai, ai, ai...

NO APARTAMENTO DO PASTOR
Viemos até o seu apartamento, na entrada de Milão. Que casa linda! Arrumada, com modéstia e bom gosto, com conforto, grande e aconchegante. Fiquei realmente encantado. E ganhei um quarto para os meus 19 dias por aqui. E com internet! Claro, tudo tem um custo: lavar todos os trens da cozinha, a casa 3 vezes por semana, passar a roupa, etc... (brincadeirinha). O Pastor Fernando é uma das mais hospitaleiras pessoas que conheço. Quer me fazer sentir-me rei,mesmo sendo um plebeu!

CAFÉ PAULISTA!!!!
Distante durante um mês, o Pastor Fernando encontrou a despensa e geladeira vazias. Precisamos visitar o supermercado para comprar víveres. Um supermercado de bairro, um Pão de Açúcar igual ao nosso, claro, com outro nome e donos. A diferença está em dois aspectos: o primeiro é quanto as frutas: não se pega com a mão as frutas que se escolhe; usam-se luvas descartáveis. Sejam abacaxis, laranjas ou morangos, tudo com luvas.

Mas a segunda diferença estava num produto na área dos cafés: CAFÉ PAULISTA!!! Sim, pensei que se tratasse de engano, mas é isso mesmo: aqui tem um café que vem DE SÃO PAULO desde 1959 e que faz o maior sucesso! Eu, que sou um provinciano de coração apaixonado, que sou paulistano de pai e mãe, nunca vi o bendito do café em loja alguma da cidade! Precisei vir à Itália para encontrar o CAFÉ PAULISTA! Como podem fazer isso conosco? QUEREMOS CAFÉ PAULISTA!!!

SEGUNDO CULTO: JACKSON & JOSI
Há quarenta quilômetros daqui mais uma célula; dessa vez na casa desse casal maravilhoso. Eles são católicos carismáticos, decididos por Cristo, congregados e trabalhadores intensos na igreja do Pastor Fernando, e que não assumiram ainda o desejo de serem batizados. Que casal lindo! Logo foram chegando outros irmãos, dos quais, infelizmente, eu não conseguirei declinar os nomes. Porém estávamos em quase quinze pessoas. Uma jovem irmã tocou violão e cantou (eu gravei e vou colocar no youtube). O Pastor Fernando foi calorosamente recebido, pois esteve um mês em Curitiba e João Pessoa. Depois disso passou-me a palavra. Confesso que me perguntei: "Deus, como começar? Eu não conheço ninguém!"

HINO, CORAÇÃO E MAMÃE
Cantei o hino DEUS DÁ MAIOR GRAÇA, que aprendi com o Pastor Ivênio dos Santos (quem quiser ouvi-lo originalmente é só sintonizar a RÁDIO NAFTALINA WEB, que está sempre tocando).

Então contei-lhes sobre E AINDA ESTOU AQUI. Para finalizar, dei-lhes o testemunho do sofrimento que Daniel e eu tivemos com relação à nossa saudosa mamãe e do quanto Deus foi sábio ao levá-la em 2005, mesmo que com isso mais da metade de nosso coração tenha subido junto. Vi que cada um identificava-se ou com o milagre (meu) ou com o basta (para mamãe). Ao final, todos pediram oração.

LANCHINHO E BOLO DE MILHO
Mais uma vez fomos consolados barrigalmente com uns comes-e-bebes após o culto. Que gostoso! Gostosa a comunhão, mas gostoso também o lanche e o bolo de milho. O fenômeno que observo é que no início do culto éramos grandes estranhos; agora éramos já amigos, podendo rir uns com os outros ou uns dos outros. Como Deus é bom!

TUMTUM
Na volta o Pastor Fernando perdeu-se. Claro, eu era a pessoa mais "desindicada" para ajudar. Eu acabaria levando-o para a Rússia ao invés de Milão... Então ele disse: preciso de TUMTUM. Imaginei: terá ele algum sistema psicológico que funciona se der uns socos no cocoroto dele? Estaria ele pedindo uns tapas? Precisa ser beliscado para acordar?

Não. Tumtum é a operadora de GPS em Milão. É o aparelho e o programa que têm esse nome. Bastou ligar e o italiano foi indicando onde ele deveria ir. Um aglomerado de "sinistra, ichita, destra", palavras que significam "esquerda, saída, direita", mas que se não me traduzissem eu pensaria que era para seguir a via do cemitério...

FIM DE EXPEDIENTE
Após o banho decidi escrever tudo isso. Se deixasse para amanhã 50% do que vivi estaria perdido para sempre. A gente esquece. Sei que escrevo e depois me arrependo, dizendo "seu bobão, pra quê escrever essas coisas? O que interessa pros outros?", mas prefiro me arrepender amanhã do que deixar de cumprir minha compulsão de registrar o meu DIÁRIO DE BORDO DE VIAGEM.

ESPANHA
Uma igreja de Bilbao, em Viscaya (pra mim eu só conhecia esse nome como banco) está tentando agendar-me durante o meu tempo na Europa. Esse lugar fica na Espanha. Orem por mim, para que, se for da vontade do Senhor eu vá. Senão, que eu não vá.

Um abraço para todos!

Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco SP
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

comunicações comigo só em bnovas@uol.com.br

=====================

03 - JAMAIS ME ESQUECEREI





ATENÇÃO
SE VOCÊ NÃO INGRESSOU NO GRUPO DE FOTOS,
ESTÁ PERDENDO A PARTE VISÍVEL DO QUE ESCREVO.
INGRESSE NA LISTA, ENVIANDO UM
E-MAIL EM BRANCO PARA
fotositaliaeportugal2010-subscribe@yahoogrupos.com.br
QUANDO O SISTEMA MANDAR UM E-MAIL,
É SÓ CONFIRMAR, OK?
Milão, Itália, quinta-feira, 8 de abril de 2010

Diletos leitores,
irmãos e amigos:

Quem passa,  nós ou o tempo? Confesso que às vezes eu acho que é o tempo; outras eu penso que nós. Talvez ambos passamos. Só a Palavra de Deus não passa; ela permanece para sempre.

DOMINGO, 04 DE ABRIL DE 2010

Foi um dia inesquecível. Chovia razoavelmente forte lá fora. O termômetro marcava 4 graus centígrados. A minha gripe era forte. Mas o desejo de servir a Cristo maior ainda.

CASORATE PRIMO
O Pastor Fernando levou-nos para uma outra cidade, Casorate Primo. Ali existe uma igreja batista fundada por americanos, uma igreja italiana chamada CHIESA CRISTIANA EVANGELICA BATTISTA, com um templo muito bonito, um povo também belíssimo. Seu pastor é o missionário brasileiro Manoel Florêncio, da Junta de Missões Mundiais da Convenção Batista Brasileira. Ele é um fundador de igrejas. Fundou 3 batistas brasileiras, inclusive a que o Pastor Fernando pastoreia. Mas há alguns anos está cuidando dessa igreja italiana e seu trabalho tem sido um sucesso.

Ao chegarmos ali encontramos um grande grupo de jovens e adolescentes da JOCUM, da Holanda, que viajara mil quilômetros de ônibus para passar a Páscoa com aqueles irmãos. Eles não falavam nada em italiano e os italianos também não falavam o holandês. Então ficou um a um. Havia uma senhora loira que era a intérprete. Eles apresentaram 2 performances sobre a Páscoa.

A equipe de louvores, composta por 3 pessoas, era linda. A senhora que cantava possuia um grande carisma. O violonista também; o jeito italiano de expressar-se musicalmente é em si um show à parte. Louvamos ao Senhor com canções contemporâneas, talvez Hillsong, talvez Vineyard, não sei bem quais eram as fontes. Mas lembro-me bem do cântico RESSUSCITOU!, que cantamos com os jovens brasileiros. Até a gesticulação é semelhante.

Preguei nessa manhã. Que privilégio! Eu tive uma intérprete para o italiano. Falei sobre OS TRÊS SÍMBOLOS DO CRISTIANISMO. É interessante como a Palavra de Deus se renova a cada manhã; por mais que já tenhamos falado a respeito de algum assunto ele sempre ressurge renovado, com detalhes contextualizados ao auditório e aplicações que o Espírito Santo permite fazer de maneiras diferentes. Que bom foi repartir a Palavra!

ANIVERSÁRIO DA GLÁUCIA
De lá saímos para CUSAGO, onde reside a Gláucia & Ricardo, casal que hospedou-me no primeiro dia. Ela estava aniversariando. Havia um almoço especial com churrasco. Fomos para lá e tivemos o privilégio de conhecer diversas pessoas da igreja brasileira pastoreada pelo Pastor Fernando. Que alegria poder ouvir a experiência de outros irmãos, conversar, interagir! As crianças a brincar, a comer chocolate, os adultos a conversar, a rir, e o almoço delicioso à mesa. Ficamos por lá até às 5 horas da tarde, pois seria distante retornar à casa do Pastor Fernando para depois ir ao culto. Fomos ao culto direto da casa deles.

UM CULTO POR DOMINGO
A igreja reúne-se uma vez por domingo naquela dependência. Nos outros dias e horários outras igrejas étnicas reúnem-se. Aluguel caro, situação precária, sem possibilidade de desenvolver adequadamente ou adaptar o ambiente às necessidades. Um grande sofrimento para a igreja, mas que, com a graça do Senhor, está com os dias contados. Eles estão pleiteando o aluguel de uma outra sala, muito melhor e mais ampla, com divisões, onde poderão ter a posse completa durante todo o tempo. Eu aproveito este testemunho e peço a oração de todos para que eles consigam alugar. É muito difícil conseguir autorização para o funcionamento de uma igreja; mas eles estão quase no final do processo e há sinais de que irão conseguir alugar o espaço.

A CHIESA BIBLICA BATTISTA DE MILANO
Um sugestivo nome para uma maravilhosa igreja. O povo que reuniu-se nas casas veio em peso. Cada um trazia sua família; uns traziam também alguns comes-e-bebes para depois do culto. Era culto de celebração da Ceia do Senhor; assim, algumas irmãs preparavam a mesa do Senhor. O Pastor Fernando, sempre atento a tudo, procurava deixar tudo em ordem para o início dos trabalhos: funcionamento de microfones, som, instrumentos; a ordem nas dependências (banheiros, cozinha, salinha de crianças), enfim, um cuidadoso zelador das coisas de Deus.

UM CULTO CONTEMPORÂNEO
As pessoas que aqui congregam vêm de diversas partes do país e na sua absoluta totalidade são jovens (de 40 para baixo). A maioria não veio de igrejas tradicionais no sentido absoluto; não conhecem os hinos que cantamos; mas o pastor, com extrema sabedoria, os ajuda a escolher das canções que conhecem as melhores teologicamente e liturgicamente. O povo canta com boa vontade, com lágrimas nos olhos. A Camila, uma jovem da igreja dirigiu de forma brilhante e tremendamente espiritual os momentos de louvor cantado.

CANTORIAS E PREGAÇÃO
O pastor passou-me a palavra e pediu para que eu cantasse alguns hinos. Então lembrei-me da prática que tenho em alguns lugares, onde deixo a memória chamar algumas primeiras estrofes de hinos. Como sou um instrumentista muito complexo (só três posições ao violão...), vou grudando uma com a outra e faço uma salada. Terminei com PORQUE ELE VIVE, que a maioria conhecia, e graças a Deus o Espírito Santo falou aos nossos corações.

Falei igualmente sobre outro texto tremendamente relevante para o dia da Páscoa, João 21. Fiquei emocionadíssimo ao ler na bíblia italiana que fizeram uma tradução literal do diálogo entre Jesus e Pedro, coisa que, infelizmente, não encontramos em nossas bíblias em português. O jogo de palavras gregas (filéo e agápe) é que dá ao diálogo um colorido emocionante e profundamente revelador. Pena que ainda não encontrei nada igual em português. Mas os italianos podem levantar a mão ao céu e agradecer.

DEUS, SOMENTE DEUS
No momento do apelo à reconsagração de vidas, dos 40 presentes, grande parte veio à frente. Aleluia! Foi um momento de profundo toque do Senhor nas vidas, inclusive na minha. Quantas orações, quantos compromissos reatados, quanta convicção gerada pelo Espírito Santo! Quando um culto é antropocêntrico (centrado no homem), nós enaltecemos quem pregou e falamos do que Deus fará por nós; quando é teocêntrico (centrado em Deus), nós enaltecemos a Palavra de Deus e tudo o que Deus já fez por nós em Cristo e o quanto somos imerecedores de tudo. O culto terminou com rendição ao Senhor. E isso diz tudo!

SEGUNDA-FEIRA, 5 DE ABRIL DE 2010

SUIÇA E OS ALPES
Bombom Alpino, quem não se lembra desse doce de chocolate? Sua embalagem trazia os Alpes suiços, algo tão distante da própria imaginação, apenas retratos de livros e enciclopédias.

Mas a cidade onde estou é bem pertinho de lá; é como se descêssemos de São Paulo a Santos, só que no sentido inverso, pois subimos. E o Pastor Fernando decidiu que teríamos que ir até lá. Eu não iria brigar com ele.

Durante o trajeto víamos os Alpes lá longe, uma cordilheira imensa, branquinha, às vezes cor de ouro, dependendo do lado da luz do sol, algo magnífico. Então subimos à cidade de Lugano.

LUGANO
Lembrei-me imediatamente do meu irmão Daniel. Nós dois, quando pequenos, gostávamos muito de assistir aos filmes de Peter Sellers, que fazia A PANTERA COR-DE-ROSA. Ele era o Inspetor Closeau. E lembrei-me que num dos filmes a acusada de ter roubado aquele diamante era Maria Gambrelli, e que deveria estar em Lugano. Ele e a polícia francesa foram para lá. Quando entrei em Lugano lembrei-me de tudo isso e pensei: preciso contar para o meu irmão Daniel!

À BEIRA DE UM LAGO
Um lago imenso, azul escuro, com as montanhas ao redor e os Alpes fazendo paredes lá no alto. Coisa espetacular. Uma cidade construida à beira da água, com prédios bonitos, um comércio bem servido e muita gente de fala estranha (italianos, alemães, austríacos e outras línguas "glossolálicas")

Eu acho que a câmera que comprei arrependeu-se muito de ter sido vendida para mim. Eu tirei mais de 1500 fotos! Claro, num lugar desses não podemos pestanejar e deixar de fotografar. Afinal, estar lá não é algo como estar a 100 quilômetros de casa. Pode ser a única oportunidade. Pelo menos as fotos nos ajudam a lembrar.

Lembrancinhas? Meu Deus, como são caras! Um sorvete à beira do lago custa 4 euros! Como pode isso? Um chaveiro 7 euros! É realmente um absurdo. Então fica mais barato fotografar o sorvete e o chaveiro.

UM RETORNO CINEMATOGRÁFICO
Foi mesmo um bate-e-volta, algo rápido, só para marcar.  Mas o pastor resolveu voltar pelo lago (não dentro dele, mas ao redor). E entramos em cidades pequenas, construídas à beira da pista, com ruas muito estreitas e construções muito antigas. Realmente um espetáculo à parte. Almoçamos no caminho. O pão com alguma coisa estava seco, mas o bife à milanesa estava bom.

TERÇA-FEIRA, 6 DE ABRIL DE 2010
Reservei esse dia para um compromisso de família, particular. Os sobrenomes de minha família, por parte de mãe, são BONFANTE, OLIBONE, PERINA, RAGONHA, certamente que já aportuguesados. Mas minha tia Elza afirmou categoricamente que meus bisavós sairam de GENOVA para o Brasil, e eu me lembro de minha avó e minha mãe terem dito isso também. Eu precisava constatar algo que favorecesse a idéia. Como não teria compromisso de púlpito, pedi para que me levassem lá.

Meu Deus, foi muito mais do que eu esperava.

Encontrei um museu, o museu do imigrante, que fala sobre as saídas maciças de italianos de 1850 até o início do século 20. E eles possuem um navio de simulação, fazendo de conta que estamos no navio dos imigrantes. Que coisa maravilhosa! Entrar lá foi como retornar aos lombos dos meus bisavós, que foram ao Brasil quem sabe nos braços de suas mamães, ou jovens solteiros, ou casados recentemente; são informações impossíveis de reconstituir, mas eu sou a evidência viva de que sua imigração foi verdadeira, pois sou fruto deles.

Eu me vi naquela história!

Eu me senti naquela viagem!

Só essa visita ao museu onde minha família seguiu ao Brasil já valeu tudo. Isso é mais importante que Roma para mim, pois foi dali que uma história de luta e sobrevivência começou.

Eu gravei alguma coisa. O Pastor Fernando ajudou-me, explicando alguma coisa.
http://www.youtube.com/watch?v=ENA0mLvAw0Q
http://www.youtube.com/watch?v=wNuJdi1Vw8o
http://www.youtube.com/watch?v=auOWCp_lwig

Eu não sei como agradecer ao Pastor Fernando por tamanha cortesia, conduzindo-me a essa região tão importante para o resgate dessa questão familiar histórica. Pastor Fernando, muito obrigado!


AGENDA
HOJE: PREGAR NA IGREJA - TEMA: TENDÊNCIAS TEOLÓGICAS CONTEMPORÂNEAS
AMANHÃ ATÉ DOMINGO: AS 5 LINGUAGENS DO AMOR, RETIRO DA IGREJA EM OUTRA CIDADE.

Muito obrigado a todos pelo imenso carinho.

Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco SP
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

====================

04 - ATUALIZAÇÃO DA NOSSA VIAGEM


Pastor Wagner, por favor, pode alterar o e-mail de envio de mensagens. Entrei lá mas não consegui. Agradeço a sua ajuda, pois gosto dos seus e-mails. Endereço: manancialnc@gmail.com


Em 13 de abril de 2010 21:18, Pr. Wagner A. de Araújo - IB Boas Novas Osasco SP  escreveu:







Vocês poderiam me ajudar?
Eu ficaria muito, muito feliz e agradecido se me enviassem um e-mail PARTICULAR,
para bnovas@uol.com.br,
dizendo-me seu nome, igreja, cidade, estado e país,
falando que está acompanhando meus diários de viagem.
Aqui tão distante é tão precioso receber uma notícia de que
há quem esteja nos lendo! Posso contar com vocês?
Mas só mandem para bnovas@uol.com.br e não para as
listas, combinado?
Muito obrigado!


Milão, Itália, 14 de abril de 2010

Amantíssimos amigos e
irmãos em Cristo,
leitores pelo mundo afora:

Graça e paz!

Devido às múltiplas atividades aqui na Itália não tenho conseguido parar para testemunhar, contando em palavras o que tento traduzir em fotos. Aliás, para quem desejar ver as fotografias que tiro ao longo da viagem, podem pedir ingresso no meu grupo de fotos. As fotos recentes, as que enviarei à partir de agora, circularão. As fotos anteriores poderão ser vistas na página que o Missionário Yrorrito Abe mantém para nós.

Para pedir ingresso no grupo: enviar um e-mail em branco para fotositaliaeportugal2010-subscribe@yahoogrupos.com.br
Quando o sistema enviar um email, basta reenviar do jeito que estiver e pronto.

Para ver as fotos antigas: acessar o link:
www.uniaonet.com/bnovas.htm


08 DE ABRIL DE 2010, QUINTA-FEIRA
TENDÊNCIAS TEOLÓGICAS CONTEMPORÂNEAS

Quando chegamos à igreja encontramos a outra igreja italiana ocupando o espaço. Eles iriam fazer uma assembléia. Depois de uma boa prosa o Pastor Fernando conseguiu organizar: os italianos ficariam com a sala da cozinha e nós com o salão maior. Imaginem vocês uma situação dessas, ter que disputar o horário do salão de cultos com outra igreja! Eu ergui as mãos aos céus em gratidão ao Senhor, pois na Boas Novas, com todas as dificuldades que já enfrentamos, nunca passamos por algo assim. E oro para que esses irmãos consigam alugar a propriedade exclusiva que estão pleiteando.

ASSUNTOS DESSA PALESTRA
Quem é quem no universo pneumatológico da teologia contemporânea? Quem somos diante de tanta variedade de práticas e comportamentos? Onde e como surgiram? O que é certo e o que é errado em termos gerais? Abordamos a existência dos seguintes grupos: TRADICIONAIS - PENTECOSTAIS - FUNDAMENTALISTAS - NEOPENTECOSTAIS - NEOAPOSTÓLICOS - NEOJUDAIZANTES. Foi algo lindo de se ver, o rosto iluminado de quem descobre finalmente a resposta a inúmeras indagações que fazia (por que somos assim? o que é certo e o que é errado? O que é adoração antropocêntrica? Por que a música gospel contemporânea não é louvor na maior parte do tempo? O que fazer diante de tudo isso?) Ao final o povo não queria ir embora, tal era o número de perguntas, mesmo com um frio de lascar lá fora.

09 DE ABRIL DE 2010, SEXTA-FEIRA
UM ALMOÇO EM FAMÍLIA
Filipo & Rebeca, e os filhos Isaque e Iasmim, são uma linda família jovem. Moram num apartamento num ponto muito bom da cidade. Ele fala vários idiomas; ela é uma simpatia em pessoa. Pudemos desfrutar da culinária grega junto á mesa e conversar sobre vários temas ligados aos assuntos da noite anterior, uma vez que eles não puderam se fazer presentes no estudo. Foi um "estudo delivery". Que Deus abençoe poderosamente a vida desses amados e queridos irmãos.

IDA AO ACAMPAMENTO
Chegamos ao local do acampamento em meia hora. Um lugar aprazível, uma escola católica. Várias quadras de futebol, compactas, e um prédio de 3 andares muito bem construído. O pastor alugara o último andar, que tinha 2 quartos com 20 leitos cada, dois banheiros amplos, uma cozinha de primeira linha. No andar de baixo podíamos usar para os nossos estudos. E foi assim que aconteceu.

10 DE ABRIL DE 2010 - O SÁBADO DO RETIRO

O ESTUDO DA MANHÃ
Reunimo-nos para estudar o tema AS CINCO LINGUAGENS DO AMOR, baseado no livro homônimo de Gary Chapman, um psicólogo cristão, conselheiro conjugal, de North Carolina, USA. O texto é riquíssimo e nos ajudou a entender uma série de coisas nos nossos relacionamentos, tanto a nível de casais quanto em todos os demais níveis. Em três horas de estudos abordamos as 5 concentrações de idiomas de amor: PALAVRAS DE ENCORAJAMENTO - ATOS DE SERVIÇO - TEMPO DE QUALIDADE - DAR E RECEBER PRESENTES - O TOQUE. Foi cansativo, porém muito elucidativo. Só paramos porque as tripas suplicavam por um suprimento; essa era a SEXTA LINGUAGEM DO AMOR: almoço no retiro!

O ESTUDO DA TARDE
O Pastor Franco, um pastor nacional, falou sobre problemas entre casais e entre pais e filhos. Sua abordagem foi direta, boa, construtiva e bíblica. Sua fala cobriu quase 2 horas e deixou muita saudade. Que Deus abençoe esse seu servo e sua esposa.

O FUTEBOL
Conquanto tenham me esquecido (acharam que eu não jogava futebol, porque meu corpo é, digamos, um tanto inadequado para esse jogo - espero que não tenham me considerado lutador de sumô...), disseram que foi uma boa partida. A igreja conta com um time de futebol de grande qualidade. Aqui em Milão são três times principais, dois timinhos, o MILAN e o INTER, e o BATTISTA, esse sim, de ponta.... Os jogadores são internacionais, a maioria de Valadares, Ipatinga, norte do Espírito Santo, etc.

O ESTUDO DA NOITE
Abordamos o tema O SER E O NÃO SER DO VERDADEIRO AMOR, baseados em I Coríntios 13.4-7. Fomos até o verso 6. Foi algo simplesmente impressionante o que a Bíblia fez em nossos corações. Velhos pecados, velhos preconceitos, velhas dúvidas, foram sendo tratadas pela Palavra de Deus, sendo medicadas e corrigidas. Problemas de preconceitos e piadas raciais (os brasileiros são .... e as italianas ..., etc) foram sendo confessados e perdoados, coisa linda mesmo, vinda do Espírito Santo. Foi emocionante.

A NOITE DOS VENTOS UIVANTES
Estava calor até ali, uns 22 graus. De repente alguns ventos dos Alpes começaram a soprar e as janelas dos alojamentos mais pareciam lobos uivantes diante de uma lua cheia. E o frio então? Entrava fino e frio pelas orelhas. Pelo menos pela minha entrava.

11 DE ABRIL DE 2010, DOMINGO
Complemento matinal do estudo de I Coríntios 13. Certamente o mais longo. Só paramos mesmo porque a irmã que cozinhou para nós precisava de um tempo para lavar os trens; então tivemos que subir. Mas o período de estudos foi marcante. Perguntas sobre divórcio, documentos, piadas étnicas, problemas de mágoas, pecados, perdão 70x7, tudo isso foi exposto e mostrado na Palavra de Deus com a participação da totalidade dos participantes. Quando um avivamento acontece o amor á Palavra de Deus e a aplicação da mesma é marcante.

UM ALMOÇO MARAVILHOSO
Havia feijão preto, arroz, salada, bife à vontade, meu Deus, que almoço maravilhoso! O gostoso em tudo isso foi ver o CRESCENDO em termos de afetividade e comunhão de uns para com os outros. Foi a primeira experiência de retiro dessa igreja. Todos trabalham muito, muito, muito, durante a semana e só se reúnem uma vez por semana, quando vão à igreja. E dessa vez ficaram de sexta a domingo juntos. Que lindo foi ver a união, o amor, a ternura, as brincadeiras, a convivência! Bendito seja Deus por tamanha bênção! Parabéns ao querido Pastor Fernando pela iniciativa brilhante!

O CULTO NA IGREJA
Voltei para casa só para acertar tudo, tomar banho e retornar para a igreja. Lá encontramos o pessoal dos louvores jovens já treinando e acertando o som (lembrem-se de que parte dos instrumentos e som tem que ser montado sempre...).

As pessoas foram chegando. Eu pensei que poucas iriam, uma vez que estavam cansadas. Que nada! O povo foi para suas casas, tomou seu banho, passou o seu POLVILHO GRANADO e voltou à Casa do Senhor! O Pastor Fernando estava que não se aguentava de felicidade. Então chegaram alguns italianos também e o pastor disse que eu teria que pregar com intérprete.

Os louvores, as músicas, tudo foi lindo e maravilhoso. Eu gravei alguma coisa.

CULTO NO CULTO DE MILÃO EM 11 DE ABRIL DE 2010
===================================

Equipe de música: BOM É ESTARMOS AQUI (em italiano)
http://www.youtube.com/watch?v=RC80I_dP-5g

Equipe de música: SENHOR TE QUERO (em italiano)
http://www.youtube.com/watch?v=Gki6U6YBjBM
http://www.youtube.com/watch?v=8ChSZdXtCTs

Apelo de reconsagração após a pregação
http://www.youtube.com/watch?v=RkrZlltNfgo

Oração de despedida do irmão Jackson, que vai à Alemanha
e final do culto
http://www.youtube.com/watch?v=ci0AoJNg3jY

Retiro da Igreja de Milano:

(brincadeiras nos bastidores e saudações)
http://www.youtube.com/watch?v=VUbvC9xQGgI
http://www.youtube.com/watch?v=xAuzP9a85w4
http://www.youtube.com/watch?v=xYd_xu3zrVc

A PACIÊNCIA DE DANIEL
Não, não errei o nome do profeta. Seria de Jó, que não era profeta. Mas Daniel também teve uma baita paciência, quando esperou 21 dias pela resposta às orações que fizera, pedindo a interpretação das visões apocalípticas. Não foi fácil, como a vida dos brasileiros e italianos não é. Mas em meio às dificuldades e necessidades podemos ter a resposta se perseverarmos na busca do Senhor. Temos que estar disponíveis quando a reposta vier e só Deus sabe quando ela será.

CONSAGRAÇÃO
Como no último domingo o povo já tinha ido à frente, pensei que não haveria ninguém no momento do apelo. Mas enganei-me.  O povo quis pontificar esse momento ímpar de renúncia, entrega, confiança e auto-determinação na perseverança. Aleluia!




JACKSON E ROSI
O Jackson estava se despedindo de todos. Ele irá trabalhar na Alemanha e precisará mudar-se de Milão para Frankfurt. Aliás, ele já foi. Ele e sua esposa eram carismáticos no Brasil, aproximaram-se da igreja batista por causa do ministério de futebol e fizeram a decisão ao lado de Cristo. As lágrimas que o povo derramou eu também derramei, como se eu mesmo morasse em Milão! Como isso é possível? Pois para mim ele continuará morando longe! Mas é a comunhão e o desejo do Corpo de Cristo de estar sempre, sempre, sempre junto!

NÃO ACABAVA MAIS
O culto terminara, mas quem dizia que o povo queria ir embora? Estava todo mundo feliz, emocionado, compartilhando do Senhor. Teve janta ainda (e eu nem vi a cor da comida, porque todo mundo queria conversar). Mas depois o pastor Fernando me levou pra comer um trem de pizza. A aparência, contudo, gerou muito riso. Parecia um tumor! Era bom à beça, mas feio que doía...


Bom, meus amigos,
Agora eu vou deixá-los à vontade.
Depois eu narro as coisas dessa semana, combinado?

Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco SP
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br


======================

05 - OS QUE ME ACOMPANHAM NESTA VIAGEM



Bom dia, amigos.

Eu pensei que não estava escrevendo para ninguém; descobri que junto comigo várias pessoas estão a viajar. Entre elas estão as seguintes (que me escreveram; inclui os dados que me enviaram):

1) Evangelista Ricardo Miranda, da Assembléia de Deus, em São Paulo.
2) Pastor Marcos Dornel, batista, de São Paulo
3) Débora Dias Vieira, batista, de São Paulo
4) Pastor Ivo Gomes do Prado, Presbiteriano Renovado, de Assis, SP
5) Pastor Martinho Krebs, luterano, de Toledo, PR
6) Pastor Ronem Rodrigues do Amaral
7) Roseli Leite Fernandes, batista, São Vicente, SP
8) Fernanda Ale Hespanhol, batista, de Sumaré, SP
9) Pastor Luis Carlos Pereira, batista, Estrela DOeste, SP
10) Eliane Moraes Rosa de Proença, batista, Sorocaba, SP
11) Pastor José Roberto, Igreja Evangélica do Brasil, São José dos Campos, SP
12) Oswaldo Brizola Soares, Presbiteriano, Marília, SP
13) Eri da Silva
14) José Thadeu, IURD, São Paulo
15) Pastor Afonso Irlaw, Igreja da Amazônia, Belém, PA
16) Eduardo Sichero, Quadrangular, São Paulo
17) Fábio Cardoso Fleury, batista, Guarulhos, SP
18) Auta Rangel
19) Abeniel Monteiro, batista conservador, Bagé, RS
20) Klebão & Tânia, Massachussettss, USA
21) Wanderson Braga, Missão Cemitas
22) Pastor Walmir Vigo Gonçalves, Foz do Iguaçu, PR
23) Pastor Elizeu Rodrigues de Souza, Taubaté, SP
24) Walcir Gomes da Silva, Brasília, DF
25) Célia Maria Salgueiro Salles, Igreja da Graça, Curitiba, PR
26) Pastor Victor Penner, batista, Mogi das Cruzes, SP
27) Alexandre Camilo Azarias, batista, Guarulhos, SP
28) Ana Maria Soares Eugênio Alves, Assembléia de Deus, Natal, RN
29) Pastor Walter Melechco Carvalho, batista, Cuiabá, MT
30) Pastor César Arraes, presbiteriano avivado, Guarulhos, SP
31) José Stahl, Igreja Betesda, SP
32) Pastor Dener Oliveira, batista, São Paulo, SP
33) Pastor Rivas Bretones, batista, São Paulo, SP
34) Jefferson Alcântara de Souza, batista, Guarulhos, SP
35) Pastor Marcos de Oliveira, batista do 7o. Dia, Santa Rosa, RS
36) Pastor Lucas Ferreira, batista, Franco da Rocha, SP
37) Daniel Paulino de Araujo, batista, Cotia, SP
38) Heidi e Pastor Alceu Ferreira
39) Miguel Tavares
40) Pastor Lindemberg Ferreira, Caucaia, CE
41) Cida Ribeiro, Restauração Cristã Movimento Apostólico, Montes Claros, MG
42) Pastor Ibraulino Batista de Souza, batista, São Paulo, SP
43) Pastor Carlos Magno Ramos, batista, Sorocaba, SP
44) Pastor Jussy Eduardo Costa, batista, Carapicuiba, SP
45) Luiz Alberto, Assembléia de Deus Madureira, Volta Redonda, RJ
46) Jacira Maria de Lima, batista, Carapicuiba, SP
47) Hugo William e Laura, batista, São Paulo, SP
48) Thiago Herrera Dametto, batista, Cafelândia, SP
49) Pastor Luiz Silva Loreto, Recife, PE
50) Maria Tereza Fontoura, assembléia de Deus, Campo Novo, RS
51) Rosemeire Matos de Almeida, batista, São Paulo, SP
52) Vera Patrão Carrille, Rancharia, SP
53) Pastor Demétrio de Souza Mendes, Magé, RJ
54) Diácono Eduardo Vicente Ferreira da Silva, batista, Rio de Janeiro, RJ
55) Carlos Eduardo de Carvalho, batista, Rio de Janeiro, RJ
56) Professora Elizabeth Palm, presbiteriana, Santos, SP
57) Pastora Neide Constâncio
58) Vital Souza, batista, Taubaté, SP
59) Daniel Glauber de Melo, presbiteriano, Fortaleza, CE
60) Alberto Carneiro, batista, Alcobaça, Portugal
61) Pastor Wilson de Abreu, pentecostal, São Paulo, SP
62) Euclides Júnior, batista regular, Fortaleza, CE
63) Paulo Sérgio Dias Carias, batista, Osasco,SP
64) Pastor Renato Vargens, em viagem ao Peru
65) Renato Ramos Batalha, batista, Niterói, RJ


A todos vocês que me lêem:

Muito, muito obrigado pela paciência!

no próximo e-mail vou atualizar as informações.

por enquanto OREM POR MIM, a nuvem vulcânica está aqui, em cima, no céu da Itália, e amanhã é o meu vôo. Não sei o que há de acontecer.

um abraço.

Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco SP
direto de Milão, na Itália

==========================

06 - A SEGUNDA-FEIRA DIA 12 04 2010




12/04/2010 - SEGUNDA-FEIRA
========

CONHECER A FEIRA DE MILÃO


A feira fica perto do salão da igreja. Ela funciona às segundas-feiras. Vende-se de tudo: peixes, aparelhos eletrônicos, roupas, sapatos, frutas, verduras, legumes, comes-e-bebes, enfim, uma perfeita e típica feira de semana.

Andamos por toda parte. Eu vi de tudo ali. Há muitos árabes e muitos chineses. Também indianos se instalaram com suas barracas.

Mas uma constante de todos é não dar muita atenção ao cliente. A impressão que se tem é que o cliente atrapalha. Não respondem com boa vontade às perguntas, não explicam nada. Também não podemos pegar as coisas na mão. Claro, existem exceções. Mas no geral os clientes são vistos como impertinentes. Mas o que percebi é que a clientela aguenta....

Pechinchar? Difícil. MAS EU CONSEGUI. Comprei 3 panos de prato e chorei o quarto. Quase que uso o quarto pano de prato como lenço. Em Gênova eu também chorei um cachorrinho que late e acende um olho só (era 6 euros, consegui por 2...)

JANTAR NA CASA DO ANDERSON


Anderson é um jovem crente consagrado ao Senhor. Mora com sua cunhada Mariana e com seu irmão Júnior. Receberam-nos principescamente em sua residência. Fomos lá compartilhar das bênçãos do Senhor. Pudemos orar juntos, ler juntos a Palavra de Deus e compartilhar das coisas do Senhor.

O jantar estava delicioso: bifes, muitos bifes, com arroz e feijão. Quer coisa melhor? Principalmente quando se está sujeito a um cardápio regado a pasta o tempo todo.

Mas uma coisa muito engraçada aconteceu. Enquanto conversávamos, o Anderson virou-se para a cunhada e disse: "Mariana, TEM GÁS?" Eu ouvi aquilo, olhei pro rosto da Mariana, pensei: "ela vai ralhar com ele". Não, ela disse: "tem"... Pensei: o que ele vai dizer agora? Então ela deu a ele a garrafa de pepsicola. "Ufa", pensei, "eu imaginei algo tão diferente...". E comecei a rir sem parar. As pessoas da mesa ficaram curiosas, então eu disse: "Anderson, eu entendi algo tão diferente, rapaz! Pensei que você perguntara pra sua cunhada se ela estava com gases..." Rimos todos gostosamente.

Obrigado, Anderson, Júnior e Mariana, por um jantar  tão fraterno e gostoso!


Wagner Antonio de Araújo
Em Milão, na Itália
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

==================

07 - RETIDO NA ITÁLIA




Milão, Itália, 21 de abril de 2010, 5 horas da manhã, uma da manhã no Brasil.

Diletos leitores

Estou retido na Itália. Os irmãos não imaginam o transtorno que isso traz para nós. É muito ruim chegar num aeroporto em situação caótica (MALPENSA), ver na tela o seu vôo cancelado, o povo aflito, e os guichês com nenhuma informação.

O Pastor Fernando foi muito paciente, em tudo procurou fazer o melhor, e eu agradeço imensamente. Ele se prontificou a retornar ao aeroporto assim que houver uma solução. São 60 quilômetros da casa dele até MALPENSA. Não é fácil. Voltei aqui para a residência pastoral.

Quero também agradecer imensamente á ROBERTUR VIAGENS E TURISMO, na pessoa de seu diretor irmão Roberto, pelo sempre pronto atendimento e profundo envolvimento em nossas dificuldades. Viajar com uma companhia como essa, dirigida por gente que ama e teme a Deus e que valoriza o ser humano, é um privilégio. Porisso eu recomendo e sempre recomendarei a ROBERTOUR como uma opção de primeira linha para as viagens de perto e de longe. Muito obrigado!

Mas o desgaste físico e emocional é grande. Portugal estava com um esquema montado, tiveram que mudar às pressas; e pode ainda acontecer de chegar no dia e estar tudo cancelado de novo.  Que Deus dê ao irmão Carneiro, de Alcobaça, ao Pastor Marcos Amazonas, de Coimbra, a graça, a paciência e a sabedoria para esquematizarem um "plano B" nesta eventualidade. Afinal, trata-se de uma tragédia natural, não há muito o que fazer senão esperar tempos melhores.

Quero que orem por essa viagem. Que orem pela minha continuidade aqui na Itália. Já fui escalado para falar sobre escatologia na próxima quinta-feira. Eu não tenho enviado os relatórios de viagem por falta de forças mesmo, mas amanhã e depois espero atualizar nossas prosas. As fotos têm ido normalmente. Quem não as viu poderá vê-las no site que o Missionário Yro Abe com muito amor mantém há anos para nós: www.uniaonet.com/bnovas.htm  . Aliás, foi o Yro que disse que quem já enfrentou um furacão em 2004 não temeria uma fumacinha de vulcão. Pois é. Mas que fumacinha chata!

Abaixo um texto que o pastor Fernando fez circular para os contatos dele. A Deus toda a glória.

Com amor e estima,

Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco SP
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br


----- Original Message -----
From: Fernando
To: Undisclosed-Recipient:;
Sent: Wednesday, April 21, 2010 2:33 AM
Subject: (cbp 2) Noticias di Milano




            O amado irmão que tem investido tempo orando pelo nosso ministério, é com muita alegria que envio este breve relatório, da série de conferencias e retiro que a Chiesa Biblica Battista di Milano, esteve encolvida nestes ultimos quinze dias.

    O preletor e conferenciasta foi o pastor Wagner Antonio de Araujo, pastor da igreja Batista Boas Novas em Osasco, São Paulo.

        O retiro teve como tema As cinco Linguagens do Amor baseado no livro de Gary Chaman, o tema foi abordado com muita profundidade, e  as conferencias aconteceram as quintas e sextas-feiras além das mensagens aos domingo.

        A igreja foi impactada grandemente, e pudemos ver que a mairia dos membros da igreja estão buscando uma maior consagração.

               Tema do retiro.

            Uma Vida Plena em Cristo
       
                Temas das Conferências
           
            Tendencias Teológicas Conteporrâneas

            Os Dons do Espirito Santo

            O fruto do Espirito Santo

         Com o cancelamento do seu vôo para o Porto-Portugal, e remarcação para sexta-feira próxima, ainda o teremos conosco, e ele estará nos falando sobre

            Tendências Escatologicas Conteporâneas

        Outra grande benção, a igreja está agora equipada com uma Web rádio, com música de boa qualidade  e mensagens, leitura da biblia, vinte quatro horas por dia. Acesse e conheça e ouça boas musicas em Italiano e mensagens que edificarão sua vida.

http://www.hospedy.com/radios/Radio-CBBM/

            Acesse o link e veja um pouco do que aconteceu neste dias maravilhosos, onde o pastor Wagner foi o instrumento usado por DEUS para compartilhar a palavra de DEUS. A Ele toda honra e toda Glória.

                  http://www.youtube.com/watch?v=4SUYgsZWFYo

               Atenciosamente



            Missionrios Em Milano

            Fernando e Ione

==============================

08 - TERÇA-FEIRA 13 04 2010




ANDAR DE METRÔ

Vir a Milão e não andar de metrô é muito ruim. O metrô aqui é um meio de locomoção muito utilizado. Também os trens de rua e tróleibus. O pastor Fernando levou-me a andar pelo metrô e fomos até um local especial. Foi lá que a cidade começou. Eu dei a minha versão histórica: naquele castelo a esposa do proprietário estava com um bife à mão, o chão estava coberto de farinha e tinha alguns ovos na mesa. Sem querer ela escorregou, puxou os ovos, que se espatifaram sobre o bife, sujando-se de farinha ao chão. Para não perder o bife ela o fritou assim mesmo. Estava inventado o BIFE À MILANESA... Claro, o Pastor Fernando disse que essa não era uma história confiável, mas uma estória (pra boi dormir...)

CASTELO DE SFORZESCO

Conservado pelo governo esse castelo remonta a uma época antiquíssima na vida da cidade, quando a Itália era um aglomerado de pequenos povos. No castelo sediou-se a sede desta povoação. Interessante que só recentemente a Itália foi unificada; assim, em cada região do país (aqui na Lombardia, ou no Vêneto, ou Verona, ou Napoli) há um dialeto típico, específico; às vezes tão difícil e diverso que é praticamente impossível o povo de uma parte entender o povo de outra.

O castelo é lindíssimo. Muitos turistas do mundo inteiro ali estavam para ver as belezas que a história preservou.

SONHO

Para almoçar fomos a uma lanchonete que tinha SONHOS! Sim, aquele doce que compramos nas padarias paulistas, cheio de creme, que, quando não estão bons viram PESADELOS. Nós comemos um bom sonho e tomamos um refresco. Foi muito bom. E, para variar, tudo muito caro.

JANTAR ESPECIAL DE DESPEDIDA
RICCARDO E GLAUCE

Riccardo convidou-nos para jantar em sua casa. Foi lá que fui hospedado no primeiro dia na Itália, lembram-se? Os pais dele, calabrezes, estavam presentes. Também um seu irmão. O jantar foi finíssimo, de muito bom gosto. A conversa à mesa estendeu-se até altas horas, uma vez que seu pai é ateu e seu irmão é panteista. O pastor Fernando evangelizou-os de forma bíblica, profunda, clara, direcionada, maravilhosa. Se eu não fosse convertido teria entregado minha vida a Jesus ali. Ao serem convidados para o culto os familiares ficaram de ir, exceto o pai (no final ninguém foi realmente)

Oremos por essa lindíssima família.

O Ricardo tem 3 MESES de vida cristã!!!! E já é um evangelista!

Wagner Antonio de Araújo
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

===========================

09 - QUARTA-FEIRA 14 04 2010





MENDIGOS PROFISSIONAIS
                


Aqueles que vivem dizendo que na Europa não há lixo na rua ou não há pedintes enganam-se. Há as duas coisas; claro, dentro de padrões diferentes. Mas há.

Há um senhor, numa esquina de Milão, que (tucanamente falando) é um profissional da área auto-assistencial: um pedinte com doutorado. Ele pede todos os dias, o dia inteiro. E é saudável à primeira vista, não está mal vestido. Ele agradece e vai pro outro carro, e cada vez que o semáforo para novos pedidos. Eu fiquei impressionado ao fazer a conta de cabeça.

No metrô há uma senhora que pede ao lado da máquina eletrônica que faz o ticket e que está com um baita cigarro à mão, sem nenhum pejo. E há um outro, perto de um ponto de ônibus, que nem obrigado fala. Coisas típicas do ser humano.

ALMOÇO NA CASA DO MARCO

Marco e Angela são um casal maravilhoso, líderes na igreja. Angela é italiana, Marco é brasileiro. Seus filhos Alessandro e Cecilia são verdadeiras dádivas do Pai celestial. Moram num belíssimo apartamento, conquistado com muito esforço e dedicação. Possuem uma papelaria muito popular aqui e não medem esforços para dar o melhor para Cristo.

Almocei com eles.

Angela decidiu fazer-me conhecer como era a culinária genovesa nos tempos em que meus bisavós partiram para o Brasil. Fez comidas típicas. Que delícia! Os nomes das comidas eu não conseguirei lembrar-me ou escrever corretamente, mas jamais esquecerei o sabor dos pratos e o sabor do amor com que foram preparados!

À tarde, enquanto foram trabalhar, eu adormeci no sofá, aguardando o retorno deles. As crianças e a avó chegaram mais tarde. Aliás, o Alessandro é um menino cuja sensibilidade nos emociona. Ele sente, ele ama, ele compartilha. A Cecília é uma gracinha de menina. Mostraram-me todo o arsenal de brinquedos e de coisas que têm em seus quartos.

Obrigado por uma recepção tão principesca, mesmo sendo eu um plebeu!

ESTUDO BÍBLICO
NA CASA DO GIOVANI


Fomos até a casa do Giovani e da Arlene. Lá estavam também seus dois filhos e filha. Receberam-nos muito, muito bem. São trabalhadores muito dedicados, tanto profissionalmente quanto para o Reino de Deus. Prossionalmente labutam de sol a sol, dia após dia, com muito esforço. No Reino de Deus fazem tudo o que podem, são prestativos, expressam o amor deles com atos de serviço. Eles nos receberam com alegria em seu lar.

TEMA ESPINHOSO: CARISMAS/DONS/PNEUMATOLOGIA

Estudar os dons do Espírito Santo num mundo que caminha para a homogeneidade carismático-pentecostal, é muito difícil; foge-se muito à regra. Maior dificuldade ainda é separar o que é posição diferente do joio do neopentecostalismo em vigência. Mas com a graça de Deus estudamos esse assunto com os irmãos. Seguindo a lista de I Coríntios 12 meditamos sobre cada um dos dons, sobre a época de sua escrita, sobre sua atualidade (ou não), sobre seus pressupostos, suas condições e sua necessidade. O assunto foi tremendamente polêmico e só deixávamos um dom quando não havia mais o que se questionar sobre ele. Não fomos todos concordes (se bem que alguns, hoje, enquanto escrevo, já me noticiaram que, após grande meditação e consulta à Palavra de Deus, concluiram que nossa exposição tinha razão de ser).  Ainda que divergentes nas periferias, fomos unidos no amor de Cristo.

Após o estudo (e durou mais de duas horas, as pessoas não queriam parar), interrompemos por absoluta falta de tempo, comprometendo-nos a continuá-lo na sexta-feira, quando nos reuniríamos na igreja.

Foi servido um cachorro quente com refrigerante, ao final. As minhas tripas e as tripas de todos disseram: muito obrigado! Claro, ninguém ouviu-as. Mas os sorrisos demonstraram grande gratidão.

Brincadeiras à parte, foi uma noite inesquecível, com a presença gloriosa do Espírito Santo em nossos corações. O nome de Cristo foi exaltado. E a Palavra de Deus foi exposta. Aleluia.


Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco SP
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

=======================

10 - QUINTA-FEIRA 15 04 2010




QUINTA-FEIRA, 15 DE ABRIL DE 2004

DESENZANO DEL GARDA

  

  

  

Tendo em vista que tínhamos a tarde livre o Pastor Fernando desejou levar-me conhecer o Lago del Garda, outra obra-prima das mãos de Deus, que criou a Natureza. Outro lago formado pelas águas dos Alpes, que ao se liquefazerem da neve formam essas maravilhosas e paradisíacas paisagens.

Como da outra vez fomos por um caminho e voltamos por outro. Conhecemos diversas pequenas cidades ao redor do lago. Ele é imenso, há ondas, há iates, barcos, tudo que se possa imaginar.

ALGUÉM ME EXPLICA ESSA PLACA?



Algo interessante nós vimos no caminho. Muitas placas, cada uma indicando um destino. Mas uma em si lembrou-me o DIA DE TODOS OS SANTOS (criado para que os devotos deles os homenageassem, caso tivessem esquecido de alguns): uma placa dizia: TUTTE LE DIREZIONI. Pensei: todos os meus problemas acabaram; afinal, se eu quiser ir para qualquer lugar, até fora da Europa, basta seguir esta placa...

Foi um momento de pausa, perto de Milão, onde conheci mais um pedacinho da criação do Senhor.

Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco, SP
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

======================

11 - SEXTA-FEIRA 16 04 2010


2004???
onde eu estava com a cabeça
quando enviei o e-mail anterior
com uma data, digamos, tão
remota???
onde se lê 2004 leia-se 2010.



CONTINUAÇÃO DO ESTUDO
PNEUMATOLÓGICO

Chegou a sexta-feira e com ela o final dos estudos sobre DONS DO ESPÍRITO SANTO. Como sempre os dons de sinais (para uma exposição cessacionista) são os mais demorados, mais difíceis de se compreender. Mas ao longo das duas horas (!) de estudo pudemos exaurir as dúvidas imediatas (muitas outras surgem no caminho).

Falar de línguas (não estranhas), revelação, profecia e cura divina não é coisa simples, principalmente quando um grupo heterogêneo de pessoas possui uma tradição tão homogênea de cultura bíblica. Mas aos poucos vamos, com a graça de Deus, em prol de uma fé racional e piedosa, desconstruindo alguns paradigmas e erigindo outros.

Muitas, muitas perguntas. Muitos questionamentos. O difícil é admitir que a experiência pessoal pode ser verdadeira e não ser bíblica. E que a bíblia não precisa ser credenciada por experiência alguma. A fé é o firme fundamento, não a emoção ou o nosso "achismo".

E como é difícil recarrilhar o trem desgovernado da fé bíblica! Mas o Senhor é capaz de fazer isso em um coração realmente piedoso. Eu pude ver tais corações.

Coisa absolutamente estranha á fé pentecostal ou tradicional é o que se faz hoje no crescente neopentecostalismo híbrido: manifestações sem base bíblica, sem direção ou condução divinas. Enquanto escrevo tomei conhecimento de um fenômeno acontecido neste mês, em Minas Gerais, envolvendo mais um grupo neopentecostal. Agora eles combatem EXU BOIADEIRO com BOTA DE COBRA PHYTON e com ORAÇÃO NA FERRADURA. Não citei isso no estudo, mas seria algo interessante verificarmos a que tantas podemos ir quando ignoramos a Palavra escrita de Deus e nos norteamos pelo que achamos, sentimos ou pelo que os nossos líderes preconizam. (quem interessou-se pelo que citei deve assistir em http://www.youtube.com/watch?v=CG2QKFvCH-Q )

Depois do estudo mais uma sessão de fotos.
  

  

  

As fotos, para mim, são as recordações da história de nossas vidas. Nós envelheceremos, algumas pessoas não mais veremos, mas as fotos nos lembrarão do quanto fomos felizes.

Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco SP
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

===============================

12 - SÁBADO - 17 04 2010 - DA-ME UM CORNETTO





DÁ-ME UM CORNETTO

Quem não se lembra do comercial da GELATO, onde um italiano cantava em alto e bom som: DÁ-ME UM CORNETTO!

Pois é. A Gelato fechou, foi vendida, talvez pelo preço de uma viagem de Gôndola: CEM EUROS... Sim, é isto mesmo: CEM EUROS para dar uma volta ao redor da cidade!

Eu, quando vi o preço, quase me afoguei mesmo estando fora da água.

Agora eu posso escrever e achar graça. Mas na hora...

Mas vamos à história (não é estória...)



Era bem cedo, pegamos quase o primeiro metrô. Fomos até a estação de trem que o Mussolini construiu ainda na época da segunda guerra mundial. Coisa faraônica mesmo.

Pegamos então o trem para VENEZIA.



As estações eram boas, mas comuns. Passamos por INOCENZA, DESENZANO, PADOVA (Santo Antonio de Pádua e Romeu e Julieta), VERONA, MESTRE.

FEDIDO EU???


O trem lotou até as pessoas ficarem de pé. Em Verona entraram muitos estudantes. Os dois lugares vagos (os bancos são um de frente pro outro) receberam dois adolescentes. Mas (meu Deus), a moça que sentou-se ao lado do Sérgio estava com o cabelo empastado; e o rapaz que sentou-se ao meu lado, com ares de galã, cheirava a brilhantina e suor.

Bem, eu já conseguia identificar o italiano, mas o que aqueles adolescentes sentados e os muitos em pé diziam eu não compreendia. Era uma autêntica língua estranha. Eu vi o Sérgio mudar de fisionomia, mas não entendia nada. Às vezes os garotos riam, outras gritavam. Um outro rapaz abraçou o que estava sentado do meu lado e ficou; uma menina sentou-se no colo da moça, saudando-a com um beijo na boca. E a viagem continuou até Veneza.

Quando terminou a viagem o Sérgio disse: "Pastor, eles estavam falando veronês, um dialeto. Mas eu compreendi. Eles diziam que o trem estava fedendo com a presença de estrangeiros, dessa gentalha alemã, japonesa, indiana, que eles é que tinham direito de sentar nos lugares, pois que eram do país, etc..." Fiquei perplexo e muito triste. Pensei: "Ah, meu Brasil brasileiro, que acolhe a todos e que não lança em rosto..."

CAOS NA MULTIDÃO




Tínhamos um bilhete de volta, mas faltava um. Quando vimos a multidão de gente pra voltar, filas que entravam e saiam da estação, máquinas de passagem eletrônica e filas e mais filas, a nossa vontade era de sair e retornar imediatamente. Já estava chateado com o acontecido no trem, agora mais essa. Bom, em 50 minutos o Sérgio conseguiu comprar o regresso, pelo DOBRO do preço que a primeira passagem foi paga, quase 40 euros...

12 euros!!! 12 EUROS!!!
Estávamos com fome. Procuramos então um lugar pra comer. Os cardápios estavam afixados na porta. Vimos ali uma padaria com umas mesinhas. Lanches de mortadela e de salaminho por 4 euros. Eram os mais baratos. Decidimos sentar e comer.

Bem, repetimos. Tomamos refrigerante. Na hora do pagamento, pensamos que no máximo gastaríamos 18 euros para os dois. 34!!! Eu quis saber o que era aquilo, se nós tínhamos comido pouco e de preço muito diferente. Daí a resposta: "12 EUROS POR TEREM SE SENTADOS E 6 DE SERVIÇO"... Olhei pro Sérgio e disse: "rapaz, você mora na Itália e não sabia disso???" Ele disse: "Mas não tinha nenhum aviso..."

Ah, DOZE EUROS CAROS, como doeram! Foi a sentada mais cara da minha vida. Eu quis continuar sentado pro resto do dia pra compensar. Mas tinha que andar pela cidade pra compensar todo esse preço...

Ainda bem que tiramos a foto ANTES de pagar. Senão a cara seria outra.

CIDADE BONITA, RÚSTICA, ANTIGA

Andamos pelas ruelas da cidade. Não discuto o chão da cidade, mas a água é apenas nos canais, que a atravessam; as casas estão construídas em solo mesmo. é como riozinhos que atravessam a cidade. As ruas são muito pequenas, às vezes estão no meio de residências, muitas lojas de jóias e de figuras do carnaval veneziano (eu não vi nenhuma loja com venezianas...), etc. Há igrejas antiquíssimas, mais antigas que o meu país. Tirei muitas fotos e andei muito.

NAVEGAR É PRECISO - MAS É MUITO CARO - ENTÃO DEIXA...

Bom, convidei o Sérgio (meu fotógrafo-guia turístico que não sabia que sentar na padaria pagava 12 euros...) para navegar num dos barcos que passeavam pela cidade. Talvez uns 5 euros cada um resolvessem o problema. 18 EUROS!!! Sem chance. Vamos andar de gôndola.

Fomos ver o preço dessas pequenas embarcações. Quando ouvimos 100 EUROS, quase choramos. Como é possível??? Daí veio um casal em lua-de-mel, passeando. O gondoleiro não estava uniformizado e falava de futebol com outro que estava parado. Coitado do casal, serviço incompleto.

E NINGUÉM CANTOU "DÁ-ME UM CORNETTO!!!"

Eu cantei:

"DÁ-ME UM DESCONTO", e quase apanhei.

A VOLTA PELO TREM ERRADO...
Fomos embora às dez pras duas. Queríamos sair logo, estávamos cansados (e sem 12 euros...). O Sérgio credenciou os bilhetes, perguntou ao responsável pelo trem se aqueles bilhetes davam pra ir, disse que sim. Eu olhei bem o trem, avaliei, e disse ao Sérgio: "Sérgio, esse trem tem muita areia pro nosso caminhão..."; "não, pastor tá tudo bem...". Bom, então tá. Fomos de trem bala.



No caminho o bilheteiro veio e analisou o bilhete do Sérgio. De repente veio um sermão, e não era pastoral. Ele falou, falou, falou, o Sérgio respondeu, respondeu, respondeu, as pessoas olharam, olharam, olharam, e eu NÃO ENTENDI NADA.

Depois pegou o meu bilhete e virou-se pro Sérgio e começou tudo de novo...

Pensei: ele vai nos jogar do trem....

Mas o Sérgio pagou uma diferença e ficou o dito pelo não dito, sem o são benedito. Só o são euro...

O Sérgio disse que as nossas passagens eram de segunda classe e nós pegamos o trem de primeira (estava na cara...). Mas como éramos turistas ele não iria nos jogar pela janela, desde que pagássemos um pouco de diferença. Mais euros...


UMA VOZ BRASILEIRA!!!
AH, É MÚSICA!!!
No trem havia um rapaz conversando com outro e de repente falou: "rapaz...". Eu somei o RAPAZ ao sorriso brasileiro e gritei: tem brasileiro neste trem... pronto: bastou. Dois brasileiros já se aproximaram, sorriram, conversaram conosco. Como sou agradecido a Deus pelo meu país!!!


Bom, meus amigos, procurei seguir com bom humor a minha visita a Veneza. Não foi um dos melhores passeios, mas foi inesquecível. Houve excelentes momentos e eu agradeço a Deus por cada instante. Obrigado por lerem meu relato não muito formal.


Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco SP
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br



FOTOS COMPLETAS NO SITE ACIMA FORNECIDO,
E AS IMEDIATAS SÓ NA MINHA LISTA DE FOTOS,
QUE PODE SER ACESSADA POR INSCRIÇÃO:

Para pedir ingresso no grupo: enviar um e-mail em branco para fotositaliaeportugal2010-subscribe@yahoogrupos.com.br
Quando o sistema enviar um email, basta reenviar do jeito que estiver e pronto.

=============================

13 - DOMINGO 18 DE ABRIL DE 2010



MILÃO - 18 DE ABRIL DE 2010

CULTO DE DESPEDIDA - Com lágrimas nos olhos participamos de um grande e maravilhoso culto na presença de Deus, o nosso Pai. A Igreja Bíblica Batista de Milão, pastoreada pelo Pr. e Missionário Fernando Vitório Pasi, celebrou ao Senhor um encontro memorável e inesquecível. Os louvores cristocêntricos foram edificantes; havia italianos presentes no evento também.

O culto foi todo bilingue. As pessoas estavam felizes. E eu também.

A mensagem versou sobre O FRUTO DO ESPÍRITO SANTO e o Senhor falou aos nossos corações.

Ao final as pessoas vieram tirar fotos comigo, despedirem-se, e até combinamos uma última visita à pizzaria. Lá fomos nós participar de uma refeição em família. Terminamos mais de 11 da noite. Que saudade de todos!

Obrigado, Senhor, por tão grande bênção, a de ter participado daquela maravilhosa celebração!

Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco SP
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

=======================

14 - SEGUNDA-FEIRA, 19 DE ABRIL DE 2010 - REM



MILÃO, 19 DE ABRIL DE 2010, SEGUNDA-FEIRA

O Pastor Fernando Pasi, nosso anfitrião querido, missionário da Junta de Missões Mundiais da Convenção Batista Brasileira e pastor da CHIESA BIBLICA BATTISTA DI MILANO, nos levou a um maravilhoso evento.

REM, Rede de Evangelização de Milão, um grupo de igrejas conservadoras em Milão (conservadoras teologicamente, em contraponto com os liberais, que não crêem em evangelização ou mesmo em salvação).

Esse grupo é muito unido, são igrejas de várias denominações cristãs que irmanam-se para criar estratégias de alcançar os milaneses para Cristo.

Desta vez estavam discutindo a viabilidade de adotarem um símbolo e um cartãozinho evangelístico para o grupo. Havia um grupo de músicos que nos enlevaram com suas canções e nos conduziram a um momento especial de comunhão.

Fui honrado com a oportunidade de falar a eles. Falei sobre O PODER DO AUTÊNTICO TESTEMUNHO CRISTÃO EM UM MUNDO INCRÉDULO. Bendigo a Deus pela oportunidade. Acredito que umas 15 igrejas ali estavam representadas.

De lá fomos embora com os corações radiantes. Muita coisa boa há de acontecer em Milão para a honra do nosso Deus.

Obrigado, Pastor Fernando, pela oportunidade ímpar.

obs: tudo isso é seguido de fotos, que poderão ser vistas em
www.uniaonet.com/bnovas.htm


Wagner Antonio de Araújo
bnovas@uol.com.br

=====================

15 - TERÇA-FEIRA 20 DE ABRIL DE 2010 - PRESO EM MILÃO




Foi uma noite mal dormida. Eu imaginava que algo não iria dar certo. No dia anterior o vulcão tinha estado muito bravo.

Logo cedo levantei-me, tomei o banho e arrumei a mala. O Pastor Fernando estava otimista e já levou minhas malas com confiança para o carro. Eu, contudo, não sentia a coisa "redonda", "resolvida".

Uma viagem de 59 quilômetros até MALPENSA, um dos três aeroportos da cidade. E MALPENSEI eu já fui sentindo o coração disparar. Em Portugal esperavam por mim e eu não gosto de desmanchar compromissos. O que aconteceria?

Chegamos no aeroporto. O pastor foi estacionar seu carro e eu fui estacionar minhas malas na frente dos visores de vôos, apenas para saber onde o meu estava.

De repente aquela multidão a andar de um lado para o outro, a entrar, a sair, a falar no celular, várias línguas (inteligíveis pra eles, não pra mim).

Procurei o preocupante VÔO 0813. ANULATTO.

Estava feito o estrago. Eu estava preso em Milão. Liguei pra Robertour, liguei ao meu irmão, liguei ao Pastor Marcos Amazonas em Portugal e notifiquei. Foram 120 quilômetros rodados à toa. Ainda bem que o Pastor Fernando é um homem paciente, qualificado para o ministério. Senão, ele me atiraria pela janelinha do seu carro e diria: "sai pra lá, seu mala! Já te aguentei todos esses dias, agora tenho que aguentar mais?"

Ele não fez isso. Pelo contrário, enquanto tantos estavam no aeroporto sem ter para onde ir Deus tocou em seu coração para levar-me ao seu apartamento novamente e prometeu que lá eu ficaria até ter um vôo que servisse para mim. Diziam no balcão da TAP que talvez desse pra ir até Roma, mas não garantiam que de lá tivesse algo para OPORTO. Já pensou eu em Roma, sem falar adequadamente o italiano, sem lugar pra ficar, dias e dias esperando? Ah, eu iria para uma pizzaria e ficaria lá até ter um transporte. Afinal, a frase que o Riccardo me ensinou eu aprendi: MANJA QUE TE PASSA.

Manjaria.

Não manjei. Fiquei.

Obrigado, Pastor Fernando, pelo seu acolhimento!

Wagner Antonio de Araújo
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

=========================

16 - 22 DE ABRIL DE 2010 - ÚLTIMA ESTAÇÃO: LAGO DE COMO



A Robertour Viagens e Turismo, empresa que me transporta em toda essa conferência 2010 (e a quem eu recomendo sem temor e sem dúvidas como uma das melhores companhias de viagem do Brasil, formada por gente séria, crente e digna), conseguiu chorar para a TAP e TAPOU o buraco da minha agenda: o meu vôo ficou para o dia 23, igualzinho, 0813.

E agora, vou chegar aos irmãos da igreja e dizer: QUERIDOS, CHEGUEI! Ou: NÃO CONTAVAM COM O MEU REGRESSO TÃO CEDO, NÉ? Ou EU VOLTEI, AGORA PRA FICAR...

Sim. Isso mesmo. Era o que eu iria fazer à noite. Mas fazer o que durante o dia?

Milão é muito grande. Nos arredores dela há coisas belíssimas. Ela é a capital da moda e do designer no mundo. São belezas raras. E eles possuem uma PARATY (RJ) bem junto de si. Trata-se do Lago de Como, um lago formado por águas do desgelo dos Alpes Suiços, que tem ao seu redor inúmeras cidadezinhas (ou estações de barco), e que criou um LEITEIRO pra levar turistas e trabalhadores (quem é do interior de SP sabe o que é o ÔNIBUS LEITEIRO: É o que não é expresso, que não vai direto ao destino, mas para cidade após cidade).

Pedi ao pastor que me deixasse ver esse trem, ops, esse barco.

E ele deixou. Esse não custava CEM EUROS (como as gôndolas de Veneza), ou 18 euros (como o barco que circulava Veneza por fora), nem os famosos 12 EUROS (a sentada mais cara que já dei na vida, quando me cobraram por ter sentado na cadeira de uma padaria em Veneza). Esse custava 5 euros. Ainda tinha 5 euros. Milagre...

E foi tão lindo! Foram uns bons 50 minutos de vai e volta, entra-e-sai de portozinhos, e umas boas aceleradas no meio da água. Ao redor as múltiplas construções. Casas riquíssimas, de gente muito endinheirada. Mas, cá com os meus botões, eu pensava: algumas casas e mansões estavam construídas em morros tão íngremes e inacessíveis, que até para entrar em casa deveria ser uma aventura, talvez subindo por uma corda, ou sendo lançado de um canhão, ou descendo de helicóptero (é exagero, reconheço.). Mas a pergunta é: como essas famílias podem ficar sossegadas com crianças a brincar em seus quintais? E pra ir à farmácia, ao hospital, ao supermercado, à padaria (de menos euros)?

Bom, eles devem ter seus meios. Eu é que não tenho idéia de como fazem.

Mas valeu construírem essas casas. Elas tornaram o ambiente uma obra de arte!


Quando foi à noite, na casa do Riccardo, fomos ali recebidos gostosamente para o encontro da célula que ali se reúne semanalmente. E não fiquei sem ser alvo das gracinhas: "Já, pastor? Voltou tão rápido?", "Não coube no avião, pastor?", "Temos que chorar de novo, pastor, ou o choro do domingo ainda vale?" (vontade de puxar a orelha dessa juventude...)

Bom, falei sobre TENDÊNCIAS ESCATOLÓGICAS CONTEMPORÂNEAS, abordando rapidamente A GRANDE APOSTASIA (com o neopentecostalismo no cerne do mal dentro da Igreja), AMILENISMO, PÓS-MILENISMO e PRÉ-MILENISMO (PRÉ, MID e PÓS-TRIBULACIONISTA). O DISPENSACIONALISMO não foi abordado (nem o considero escola escatológica, senão uma ressurreição dos intérpretes alegóricos entre os literalistas protestantes do século XIX e XX.

Tirei fotos  (aliás, enquanto escrevo a minha câmera - que se sente a mais infeliz de toda a série da Sony, pois jamais pensou que seria vendida para alguém tão "enfotante", vai completar 7000 fotos batidas nessa viagem).

Depois fomos à cozinha comer alguns quitutes que a querida Glauce, esposa do Riccardo, preparou para todos nós.

E mais uma vez nos despedimos. Pensei: "não vou chorar de novo, porque vai que o vôo é cancelado de novo e eu fico sem reservatório de lágrimas pra chorar o vôo perdido".

Wagner Antonio de Araújo
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

================

17 - 23 DE ABRIL DE 2010 - TCHAU, PASTOR FERNANDO, TCHAU ITÁLIA!!!




23 de abril de 2010 - EMBARQUE NO VÔO 0813 DA TAP PARA OPORTO

DESPEDIDA DO PASTOR FERNANDO PASI

O Pastor Fernando foi muito cortez, hospedando-me nos dias que se seguiram.

Para comemorar almoçamos pizza no aeroporto.

Muito obrigado, Pastor Fernando Pasi, por seu amor, por seu carinho, por sua abnegação, por sua hospitalidade.

Deus o recompense e faça com que seu ministério seja ricamente abençoado. Que consiga alugar a propriedade pública que tenciona e que a irmã Ione em breve venha de Curitiba e esteja ao seu lado, desfrutando de toda a alegria da família unida!

Nunca me esquecerei os dias em que passei com o senhor e com a igreja de Milano.

Obrigado!

Wagner Antonio de Araújo
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

=====================

18 - 24 DE ABRIL DE 2010 - AS CINCO LINGUAGENS DO AMOR




Saí de Milão e fui para Portugal.

Quase 2500 quilômetros.

Uma hora de fuso-horário diferente. Agora são 4 horas de diferença do Brasil.

Ao chegar no Porto eu escutei PORTUGUÊS, eu li PORTUGUÊS, eu me senti em casa.

Com licença:

ALELUIA! GLÓRIA A DEUS!

Não me pegaram na alfândega. Eu também não tinha nada a declarar. Só roupas sujas. Aliás, se o Pastor Fernando não me ajudasse colocando as roupas na sua máquina de lavar eu estaria em maus lençóis (se bem que não trouxe lençóis na viagem).

Ao sair pela porta dos que desembarcam um homem muito bem trajado e simpático olhou para mim e apontou, dizendo: PASTOR WAGNER? E eu sorri, respondendo: IRMÃO ALBERTO CARNEIRO!

Ah, como aquele abraço me foi medicinal! Foi como se eu estivesse no Brasil de novo. Ou talvez melhor: como se eu estivesse na matriz do meu país, na fonte de onde tudo começou! Como eu amo Portugal!

Olhei ao redor, tudo em português! E a educação e o cuidado? São inigualáveis.

Bem, eu estava muito cansado. Mas havia ainda muito chão pela frente. Aliás, 200 quilômetros de chão!

O irmão Alberto levou-me até a sua casa, onde aguardamos o restante da família. Alberto é o líder da Igreja Baptista em Alcobaça, que fica diametralmente oposta ao Porto: ela está bem próxima de Lisboa, e o Porto fica a 200 quilômetros. Ele mora no Porto e na prática pastoreia Alcobaça. Imaginem fazer essa viagem semanalmente e não apenas uma vez! Isso se chama AMOR À OBRA.

Aos poucos todos nos reunimos: Alberto, Anabela, a esposa, a filha Mariana e o filho Simão Pedro. Todos colocaram suas malas no carro e rumamos para Alcobaça pela belíssima autoestrada portuguesa.

Mas a barriga sentia fome. Já era de noite e ele decidiu parar para que jantássemos. Fomos até a MEALHADA, onde comemos um LEITÃO Á BAIRRADA, uma pequena maravilha, absolutamente maravilhoso!

Dali rumamos para Alcobaça.

Chegando na igreja encontramos no prédio anexo a irmã Missionária Filomena trabalhando junto com seu marido Missionário Arlindo, e outros irmãos. Estavam a preparar as bandeiras e faixas que seriam usadas na peça teatral do domingo.

Eu sei que fui hospedado na casa onde Filomena e Arlindo residem. Eu fiquei tremendamente agradecido! E logo cedo eu teria que pregar. Estava literalmente cansado.

Mas o Senhor estava conosco. Viajar 3 mil quilômetros entre céu e terra num só dia e no outro pregar durante todo o dia não é muito simples.

the day after

No dia seguinte estávamos de pé logo cedo. Eu estava com o corpo de pé e a mente deitada.

Seguimos de "carrinha" (van) para a câmara municipal de Alcobaça.

Alcobaça é uma aldeia (talvez correspondente àquelas cidadezinhas do interior do Brasil), mas como o país é pequeno, essas aldeias estão todas muito juntas. Acaba uma começa outra. E essa existe num sítio (lugar) onde dois rios atravessam e se juntam antes de sair da aldeia: o Rio ALCOA e o Rio BAÇA. Como se juntam ficou ALCOBAÇA.

Lá no auditório da câmara o povo foi chegando. Um auditório/anfiteatro de excelente conservação, moderno e bem equipado.

Fui apresentado e já recebi a palavra.

Minha tarefa era falar sobre AS CINCO LINGUAGENS DO AMOR, de Gary Chapman. Mal sabia eu que o Pastor Moisés Costa, que estava presente, fora colega de Gary na universidade! Que surpresa agradável! Ele verá se consegue colocar-me em contato com ele.

Falei até o meio dia e meia. Estava literalmente exausto. E o meu coração começou a sentir taquicardias fortes. Eu perdi as forças nas pernas. Eu não falei nada, mas meu rosto com os olhos fundos (tipo buraco de caveira) denunciavam. E os meus anfitriões ficaram preocupados.

Fomos almoçar. Serviram-nos BURREGO, que é ovelha nova. Comemos COSTELAS DE BURREGO. De sobremesa eu pedi um convental, acho que é isso, pois tem um conventozinho meio velho (1200 anos ali...), mas o doce não era tão velho, fora feito na hora. Tinha também BABA DE CAMELO. (Alguém gostaria de saber como surgiu o doce BABA DE CAMELO? Não? Por que? Porque o que eu iria contar seria meio que previsível?)

Dali fui como que arrastado (por mim mesmo) para o auditório. Deus é bom. Assim que tomei a palavra (e estava disposto a falar meia hora e terminar), senti as minhas forças voltarem e fui até 4 e meia. Aleluia! Dei meu testemunho (E AINDA ESTOU AQUI) e falei sobre I CORÍNTIOS 13, complemento das linguagens desenvolvidas pelo Dr. Gary

Quando terminei eu realmente arriei. Sentei e só queria descansar. A Filomena levou-me para a sua casa e eu dormi. Levantei um pouco à noite, conversei com o casal que me contou sua vida missionária na África do Sul, em Moçambique, no Rio de Janeiro, suas aventuras, lutas, sabores e dissabores e o momento atual. Foi altamente enriquecedor para o meu coração.

Só que as forças estavam esgotadas e eu fui deitar de novo. Dormi até 11 horas, mas isso é assunto pro último e-mail, que eu já escrevi, mas que vou enviar agora (agora eu também estou cansado e com um pouco de febre).

Wagner Antonio de Araújo
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

=====================

19 - 25 E 26 DE ABRIL DE 2010 - ANIVERSÁRIO DE ALCOBAÇA



DOMINGO, 25 DE ABRIL DE 2010
SEGUNDA, 26 DE ABRIL DE 2010

No período da manhã o Irmão Alberto Carneiro liberou-me para que eu descansasse. A escola bíblica dominical aconteceria às onze da manhã. Então eu de fato dormi até onze e meia. Eu precisava!

Ao meio dia o Missionário Arlindo chamou-me, dizendo que o povo da igreja aguardava-me para almoçar em um restaurante da cidade. Então o grande desafio: FECHAR AS MALAS. Ah, que bom seria se pudéssemos viajar sem malas! Agora eu sei o que querem dizer quando nos chamam de MALAS...

BURREGO ASSADO

Um restaurante excelente, com uma equipe de garçonetes altamente simpáticas e qualificadas; pessoas que sorriem, que entendem do que fazem e que trabalham com prazer. Como isso faz diferença!

O irmão Alberto já me aguardava para comermos outro burrego.  Desta feita assado.

Muita gente da igreja presente. Famílias com suas crianças, pessoas ativas no trabalho e que aguardavam o início do culto à noite. Alguns sairam mais cedo, pois tinham ensaio. Eu terminei o meu burrego....

UM LÍDER HUMANO, HUMILDE, INTERESSADO, ATENTO

Sentei-me no gabinete pastoral com o irmão Alberto. Enquanto esperava o início do culto ele falava com um e com outro no celular, atendia este e aquele que entravam no gabinete, chamava um e outro para passar uma responsabilidade ou cobrar uma tarefa, mas tudo com grande sorriso, demonstrando interesse pela obra de Deus e muito interesse em que tudo pudesse sair corretamente.

Tenho ouvido comentários sobre a direção desse irmãos. Todos dão testemunho que neste último ano, em que ele está à frente, tudo tem melhorado, as pessoas têm trabalhado, os irmãos estão mais unidos e consagrados. Ele é um ótimo pregador, um líder eficaz. Já fez parte da executiva da Convenção Baptista Portuguesa. Viaja 200 quilômetros do Porto para Alcobaça toda semana.

Bendito seja Deus por essa vida preciosa!

VÁRIOS VISITANTES

149 pessoas presentes. Isso foi realmente maravilhoso. Um grande número de visitantes.  Representantes de Leiria, Sedofeita, Marinha Grande, Porto, Vila Real de Gaia, Lisboa, etc. Todos vinham festejar os 56 anos de existência daquela formidável igreja, iniciada no tempo do Pastor Antonio Maurício, lendário missionário em terras portuguesas.

As pessoas iam à frente, recebiam a oportunidade e liam um versículo, trazendo algumas palavras de edificação para a congregação. Foi muito bom.

MÚSICA

Uma excelente equipe de louvores, jovens consagrados, canções contemporâneas já universais (EU TE AGRADEÇO, O PODER DO TEU AMOR, etc). Uma solista brasileira de primeira linha, membro da igreja também. E uma característica importantíssima: um louvor CRISTOCÊNTRICO, onde a glória é para Deus, a mensagem é para o homem e a comunhão é generalizada.

PEÇA TEATRAL: IGREJA ADORMECIDA

Foi uma peça maravilhosa preparada pela irmã Filomena. Ela dirigiu vários irmãos da igreja, abordando a situação de sonolência da igreja, que não consegue atender os menores desamparados, os drogados, os prisioneiros e os políticos corruptos. Então o Espírito Santo aparece e desfaz as obras da carne, que estão no saco carregado pela igreja e que lhe faz peso, e troca pelo fruto do Espírito, que desperta e levanta a igreja. Os necessitados encontram, então, resposta às suas indagações.

Foi maravilhoso, inesquecível.

PEDRO, TU ME AMAS?

A mensagem de João 21 ecoou mais uma vez. Deus deu-me o privilégio de pregá-la. Ao final, diversas pessoas irmanaram-se comigo em oração, pedindo para que Deus lhes desse um coração amoroso por Cristo, e não apenas uma situação de amizade. Amar é muito mais que gostar.

CONVÍVIO

Após o culto tivemos o CONVÍVIO, o encontro de confraternização e jantar. Foi inesquecível. Para começar um CALDO VERDE. Para ser uma casa portuguesa necessário se faz que haja "um caldinho", e que caldinho delicioso! Depois os comes-e-bebes diversos, muito bons. Valeu à pena aquele momento de doce confraternização na celebração dos 56 anos de existência da igreja. Obrigado, Senhor!

A VOLTA DO CARNEIRO, A IDA A COIMBRA

O irmão Carneiro voltou com a família, levando-me (levando as três malas, minhas duas e eu...). Conquanto fosse de noite, as autoestradas são muito boas. Em uma hora e pouco chegamos em Coimbra. O Pastor Marcos, a Lilian, o Matheus e a Deborah nos esperavam para um gostoso lanche, onde desfrutamos de nossa profunda amizade e do nosso grande amor cristão. O Irmão Alberto Carneiro é velho amigo do Pastor Marcos. Estávamos todos em casa. Aleluia!

MAIS UMA ETAPA A VENCER

Agora estou na semana de Coimbra. Se o Senhor permitir ficarei na casa do Pastor Marcos mais alguns dias. Pregarei na igreja da cidade, talvez em Cantanhede, e na próxima semana em Arrifana & Rio Maior, com o Pastor Jorge Ligeiro. No outro final de semana em Oliveira do Hospital, com o Pastor Edson Antunes. Daí em Inglaterra, com o Pastor Anderson. E o meu regresso para o Brasil.

BOAS NOVAS - AINDA É POSSÍVEL SEGUIR?

É a grande pergunta que faço ao meu coração. Será que realmente as coisas estão a caminhar adequadamente? Louvo a Deus pelos meus vice-presidentes, preparados e qualificados; agradeço a Deus pelo meu representante, Pastor Aparecido Donizete Fernandes; bendigo ao Senhor pelos pregadores, meus amigos pastores. Porém o coração está ocupado em orar pelo povo e pedindo a alta sensibilidade para ouvir A Voz, para saber se o Senhor dirá: "Volte antes" ou dirá "Continue". Para todos os efeitos devo continuar. Mas não descarto a possibilidade de sair antes do previsto. Porisso peço a todos que orem por mim, pelas igrejas ainda a serem visitadas, pelo PastorAnderson da Inglaterra e pelo regresso. O melhor lugar para se estar é o centro da vontade de Deus. Como homem fiz planos. Como diria Sérgio Pimenta, analisei as condições do mundo. Mas como diz a Palavra, "a resposta certa vem de Deus". Quero fazer o que Deus quiser que eu faça.

Por enquanto só posso dizer: muito obrigado, Deus bendito, por tudo o que já fizeste!

Em Cristo Jesus,

Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco SP
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

====================

20 - nossa agenda para os próximos dias - CONFERÊNCIAS NA EUROPA 2010



Diletos irmãos e amigos,
leitores e contatos pelo mundo:

graça e paz!

Continuamos em viagem. Estamos em nossa estação de descanso por dois dias.

Nossa agenda para os próximos dias:

30 de abril a 02 de maio: RETIRO DA IGREJA BAPTISTA DE COIMBRA - preletor no evento

5 e 6 de maio: PREGAR EM ARRIFANA & RIO MAIOR,  com Pastor Jorge Ligeiro

7 a 11 de maio: pregar num seminário especial e nos cultos da IGREJA BAPTISTA DE OLIVEIRA DO HOSPITAL

12 a 17 de maio: pregar em LONDRES, Igreja do Pastor Anderson

17: ir a Milão, na Itália

18: regresso ao Brasil no vôo da TAM

19: chegada a Guarulhos, São Paulo.

Orem por nós.

Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco SP
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

===================

21 - CANTANHEDE & COIMBRA - PRÓXIMOS PASSOS



COIMBRA, 29 DE ABRIL DE 2010

CANTANHEDE

Continuo em minha estação familiar, a casa do Pastor Marcos Amazonas dos Santos. Seus filhos Matheus e Deborah são duas jóias preciosas; sua esposa Lilian é uma vocacionada que vive o ministério em cada coisa que faz, uma mulher virtuosíssima e de simpatia inigualável. Estar com eles é prazer e privilégio. Muito obrigado pela acolhida!

O Pastor Marcos levou-me a conhecer o salão novo de Cantanhede. Antigamente estavam num local ao nível da rua; agora encontram-se no primeiro andar de um prédio. Um local muito gostoso, amplo, acolhedor, aconchegante. O Pastor Heitor é quem dirige a igreja. Pastor Heitor e Pastor Marcos trocam o púlpito uma vez por mês. Coimbra ajuda Cantanhede nesse trabalho de fortalecimento.

Chegamos lá com o culto começado (são 20 minutos de carro). Ao chegarmos encontramos uma jovem brasileira de sotaque recifense a dar um belo testemunho. Eu descobri que ela era uma pernambucana logo de início; o sotaque lembrava a sonoridade da fala do amado Pastor Neilson Xavier de Brito, da Igreja Batista em Vila Pompéia, SP, pastor de meus saudosos pais e hoje pastor da Milú, minha irmã adotiva.

Cantamos, oramos e deram-me a palavra. Falei sobre Salmos 40.1, lembrando da importância de ter paciência e aguardar no Senhor pela resposta certa. Ah, que experiência boa foi ver o rosto daqueles irmãos a receberem com amor a mensagem do Senhor! Seja Deus engrandecido! Ao final o Pastor Marcos trouxe um preciosa saudação.

COIMBRA, 30 DE ABRIL DE 2010

Começou hoje a tarefa do acampamento da igreja. Na verdade é um congresso interno, um seminário. O tema é IGREJA EDIFICADA. Havia bons 25 crentes presentes. Rostos queridos e conhecidos, pessoas que já fazem parte de minha própria vida. Que abraços saudosos, que afeto demonstrado!  Cantamos hinos e corinhos.

Então falei sobre João 13, destacando 4 reflexões sobre as atitudes de Jesus e a necessidade de imitá-lo como salvo e partícipe da igreja: 1) Comeu com eles; 2) Teve a iniciativa de servir; 3) Serviu aos demais; 4) Transformou cada momento num momento único e especialíssimo. Ah, como foi bom ouvir a participação de todos e ver que a Palavra de Deus é como um óleo que amolece as pedras de nossa alma, como uma água que lava a poeira de nossos pés! Ao final todos bendissemos ao Senhor com o lindo hino MÃOS AO TRABALHO, CRENTES.

Amanhã continuaremos com o retiro, se assim o Senhor nosso Deus permitir.

COIMBRA, 01 DE MAIO DE 2010

Fez um mês que estou fora de casa. O meu corpo está cansado, uma gripe reincidente tomou conta de meu organismo. Contudo, a Obra de Deus deve ser realizada e eu aqui estou com amor e com muita gratidão.

Pela manhã: o povo compareceu. As pessoas chegaram ávidas para ouvir o pregador brasileiro. Já nos conhecemos de longa data. É a quarta viagem que faço para cá. As pessoas já são como se fossem a minha própria família. Sinto-me em casa, feliz e contente.

Discorro o tema 4 EXPRESSÕES QUE AUXILIAM O DESENVOLVIMENTO DE UMA IGREJA EDIFICADA EM CRISTO. Falo sobre MMPP, reflito sobre cada um desses ítens. O povo participa com boa vontade, mostra interesse, discute, complementa. O Pr. Marcos, anfitrião perfeito, procura tudo fazer para que eu me sinta bem e que o evento seja o mais produtivo possível. Desfrutar da amizade de Marcos Amazonas e Lilian é um privilégio. Matheus, o filho, tornou-se meu "cameraboy!. Está tirando boas fotografias. Eu estou muito contenge e agradecido.

Almoço. Arroz de pato. Eu nunca tinha comido isso. E sou obrigado a dizer: é coisa muito boa! Melhor que o pato, contudo, é a comunhão que todos têm uns com os outros. São jovens e velhos, crianças e adultos, portugueses e estrangeiros. A igreja de Coimbra é cosmopolita e uma autêntica "Casa de Oração para todos os Povos".  Há muito respeito e admiração de todos para com todos.

Chega a tarde. Descanso um pouco à beira do Rio Mondego. Há uma praça gostosa à frente da igreja, em frente ao rio.  A brisa é fria, o sol é quente. Quentes também são minhas lembranças do mês todo na Europa. Num minuto passeiam pela memória o Pastor Fernando e os irmãos de Milão, o Irmão Alberto e a igreja de Alcobaça, e as lembranças seguem para o Brasil. Lembro-me de minha POSA, Elaine, a querida, inesquecível e insubstituivel. Lembro-me de meu irmão, cunhada e irmã adotiva. Lembro-me da Boas Novas, dos pastores que são meus amigos pessoais, dos irmãos que lá deixei. A memória voa mais. Sigo até o colo, o colo de minha saudosa e inesquecível mãe Elzira Bonfante. E aqui a memória provoca lágrimas. Lágrimas de dor e de saudades, de gratidão pela salvação e os suspiros do encontro que só no porvir teremos. Vejo em meus traços os traços dela, vejo o tempo passar e nunca a voltar. O tempo é um grande rio, onde uns entrram e outros saem, cada um tendo o seu porto e o seu destino. Que pena que nos separamos ao longo da vida!

Minhas divagações são interrompidas pelos berros de um pastor desesperado: "WAGNÃO, TÁ NA HORA!", era o Pastor Marcos lá da janela da sua igreja, me localizando para começar a conferência da tarde.

Querem saber qual é a minha enfermidade e como foi o meu chamado para o ministério da Palavra de Deus. Mandam-me fazê-lo sentado. Então dei meu testemunho de conversão e chamada. Falo do hospital e da oração decisiva (texto "E AINDA ESTOU AQUI"). Falo do meu prazo de validade já nos bonus e da bênção do futuro casamento. As pessoas fazem perguntas, eu tento responder. Entramos na discussão das mensagens que já tinha apresentado; todos crescemos um pouco.

Chegamos ao final. Cansaço, mas muita alegria.

COIMBRA, 02 DE MAIO DE 2010

A gripe está impiedosa. Passei a noite com muita febre, tosses insistentes e dor no corpo.

Levantei-me e arrumei-me porque tinha o compromisso, mas foi como se não tivesse acordado, tal a sonolência dos remédios (que não estão surtindo efeito).

O culto começa. Lindo auditório, muitas pessoas no culto, o templo cheio. Também pudera, dia de festa: CEIA DO SENHOR e vários batismos. Também o encerramento do retiro. Os jovens da música e louvores cantam maravilhosamente. O pastor pede para que os candidatos ao batismo venham á frente testemunhar. Foi lindo. Eu, entretanto, ouvia tudo com os olhos fechados, orando e também com febre. Parecia que tudo estava longe, muito longe. E o pior de tudo: estava afônico. Não saia nada! Orei ao Senhor: "Meu Deus, eu não sei porque estou assim, mas sei que há muita gente aqui que aguarda por Tua mensagem através do pregador brasileiro. Tenha compaixão deles e de mim, Senhor, desentope minha goela!"

Então o pastor foi batizar os candidatos. Foi muito bonito. Para sair, trocar-se e voltar, ele já passou a palavra para mim. E agora?

A UNÇÃO DO DESENTUPIMENTO
Estou a ajudar os "ungistas" de plantão - eu recebi uma unção de desentupimento, pois a voz saiu. Ruim, cheia de tosses e fanhosa, mas saiu. Aleluia! (é óbvio que estou a brincar, pois não existe tal unção. A Unção que temos é a salvação em Cristo e a presença poderosa do Espírito Santo em nós, que, segundo a Sua vontade, nos capacita, estejamos sadios ou não. Aleluia!)

A IGREJA EDIFICADA NAS TRIBULAÇÕES
Ao refletir sobre Romanos 5 caminhamos com a igreja nos degraus da experiência de tribulação: a tribulação produz a perseverança, que produz a experiência, que produz a esperança. E enquanto eu falava a garganta ia melhorando. O organismo estava reagindo e eu estava agradecido ao Senhor.

MAIS UM BELO ALMOÇO

Almoço Convivio - é o que eles realizam de quando em quando, o nosso tradicional "junta panelas". Que gostoso! Hoje tínhamos feijoada, arroz, pastéis. Arroz doce de ontem era a sobremesa, pois havia sobrado grande quantidade. E estava melhor do que ontem!

DORMI DEMAIS

Voltamos para casa. Eu iria ao culto da tarde, mas o Pastor Marcos percebeu que eu simplesmente desmaiei na cama e não quis acordar-me. A minha tarefa já estava concluida em Coimbra. Agora eu poderia descansar.

AGENDA DOS PRÓXIMOS DIAS:

4 a 7: ARRIFANA E RIO MAIOR
7 a 10: OLIVEIRA DO HOSPITAL
11: COIMBRA
12 A 17: LONDRES, INGLATERRA
18: MILÃO, SÃO PAULO, BRASIL

Orem por mim

Wagner Antonio de Araújo

========================

22 - ADEUS, COIMBRA! AGORA É OLIVEIRA!




quando estive
em Alcobaça o irmão
Israel e o Irmão Alberto Carneiro
providenciaram a gravação da pregação
e o colocaram à disposição de todos que
desejarem assistir.
Para acessar, clique no link:
http://vimeo.com/11445222


5 DE MAIO DE 2010, QUARTA-FEIRA
Fiquei mais do que o esperado em Coimbra, capital da cultura portuguesa.

O Pastor Marcos Amazonas teve que me suportar mais dois dias.

Acontece que o vulcão de nome estranho, na Islândia, ficou nervoso novamente e pos-se a expelir fumaça com pedras e muitos vôos foram cancelados, inclusive no Porto. Fiquei ontem na expectativa de ter que regressar imediatamente ao Brasil. Mas aos poucos a nuvem de fumaça foi seguindo seu caminho e veio o alívio.

Pena que isso inviabilizou a minha ida à Arrifana & Rio Maior, aldeias onde há igrejas pastoreadas pelo meu amigo Pastor Jorge Ligeiro. Ele veio ver-me aqui em casa do Pastor Marcos. Tivemos a grata oportunidade de colocar nossas conversas em dia. Lamentei muito não ter seguido com ele para as aldeias próximas a Lisboa, mas, infelizmente não foi possível. Contudo, creio que não faltará oportunidade para que o visite, num futuro próximo. E quem sabe já vou até acompanhado de minha EX-POSA?

Aproveitei a noite para ir cultuar a Deus com a amada igreja de Coimbra. Queriam que eu pregasse, mas eu preferi ouvir a pregação do querido Pastor Marcos. O que fiz foi cantar a Cristo, canções sobejamente conhecidas nas duas terras: CEM OVELHAS - TOCOU-ME - DIVINO COMPANHEIRO. Bendito seja o nosso Deus por tudo!

Minha agenda agora está encurtando-se. Em breve, se o Senhor permitir, estarei em minha terra, meu Brasil de quem estou a morrer de saudades! Não que não goste de Portugal; longe disso; mas é que lá deixei alguns corações saudosos, algumas histórias por continuar, gostaria de retornar e dar prosseguimento de onde parei....

06 de maio - visita ao comércio de Coimbra, talvez almoço em Figueira da Foz e ida a Oliveira do Hospital.

07, 08, 09 e 10 de maio, de quinta a domingo: atividades com a Igreja Batista de Oliveira do Hospital, sob a direção do Pastor Edson Antunes.

11 de maio: em Coimbra, a acertar tudo o que deixei faltar, caso tenha compromissos a cumprir em Portugal.

12 de maio: do Porto vou a Londres, onde me espera o Pastor Anderson Figueiredo, da Missão Internacional LUZ DO MUNDO, com quem ficarei pelos próximos dias, até 17 de maio.

17 de maio: viajo de Londres para Milão. À tarde encontro-me com o Pastor Fernando Pasi, com quem passo 2 horas. E então embarco no vôo TAM Milão-Guarulhos SP.

Orem por mim.

UM PRESENTE
PARA O CANTOR
LUIZ DE CARVALHO


Quero aproveitar esse ensejo para lembrar aos meus leitores que no próximo dia 16 de maio o Cantor e Evangelista Luiz de Carvalho, o mais conhecido cantor evangélico brasileiro, o mais popular e antigo (com exceção do Pastor Feliciano Amaral, do Recife PE), completará 85 anos de vida, 65 dos quais dedicados ao Reino do Senhor, á proclamação do evangelho através da música.

UM PRESENTE PARA LUIZ DE CARVALHO - Elaine e eu iremos visitá-lo no final de maio. Gostaríamos de levar um DVD como presente. Tal DVD seria formado pelos depoimentos de pastores, obreiros, irmãos, amigos, que se converteram a Cristo através das canções de Luiz de Carvalho ou que foram fortemente influenciados em suas vidas cristãs pelas canções dele.

Se o irmão ou a irmã desejarem me ajudar a compor esse DVD, então o procedimento será o seguinte:

1) GRAVE EM VÍDEO UM DEPOIMENTO DE 2 a 3 MINUTOS (não mais que isso), dizendo: OLÁ, O MEU NOME É ...., EU SOU (pastor, membro, obreiro) da IGREJA .... DA CIDADE .... ESTADO .... PAÍS. O MEU DEPOIMENTO SOBRE LUIZ DE CARVALHO: fale sobre de que maneira os hinos de Luiz de Carvalho foram importantes em sua vida cristã.
Para terminar, dê suas saudações a ele (FELIZ ANIVERSÁRIO, IRMÃO LUIZ, PARABÉNS, etc).

2) PUBLIQUE NO YOUTUBE - se não souber fazer isso pergunte pra qualquer jovem de sua igreja, pois é uma mídia muito comum e todo mundo está usando. Coloque o vídeo no youtube. Não receberemos de outra forma.

3) ENVIE PARTICULARMENTE PARA MIM O LINK DO VÍDEO NO YOUTUBE - Quando você publicar o vídeo no youtube, ele irá gerar um link, que é o endereço de onde se pode assistir aquele vídeo. ENVIE ESSE ENDEREÇO PARA MIM em bnovas@uol.com.br . Quando eu voltar ao Brasil, se o Senhor permitir, baixarei e colocarei no DVD.

Portanto, mãos à obra e vamos fazer isso com amor e com dedicação. Posso contar com vocês?

Obrigado!

Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco SP
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

=================

23 - MINHA PASSAGEM POR OLIVEIRA DO HOSPITAL




OLIVEIRA DO HOSPITAL,
PORTUGAL,
6 DE MAIO DE 2010

Oliveira do Hospital está há cerca de 80 quilômetros de Coimbra. Está na zona central do país. É o interior de Portugal, com o falar típico e a comunidade rural portuguesa, motivo de orgulho do país. Conheci Oliveira do Hospital através do Pastor Marcos Amazonas dos Santos. Na época (2005) ele transferira-se para a Igreja Evangélica Baptista de Coimbra e buscava ajudar a sua velha congregação a encontrar um pastor que lhe fosse idôneo. (Conheci o Pastor Marcos Amazonas dos Santos lá pelos idos de 2002, quando publiquei a série CRÔNICAS DE DEZEMBRO; tais textos rodaram o mundo e vieram cair em seu computador. Um deles - ENCONTREI MEU NOME - foi-lhe especial, e como iria utilizá-lo num de seus boletins buscou saber quem era o autor e contatou-me. Trocamos e-mails, tornamo-nos amigos e foi daí que surgiu a oportunidade, anos depois, de visitar sua igreja).

Em todas as vezes que por cá estive (2005, 2006 e 2007) nunca deixei de visitar estes irmãos por quem tive tanta estima. Não me tornei o pastor deles, como queriam, mas passamos a ser amigos mais chegados que irmãos. Na época, então, com a minha negativa à possibilidade de transferir-me, o Irmão Edson Antunes Filho, esposo da irmã Filomena e pai de Sheila, Manoel, Hugo e Camila, que era um obreiro provado e aprovado no trabalho, começou a exercer a direção espiritual da igreja, sempre auxiliado pelos amigos pastores, principalmente o Pastor Marcos. E já se vão 5 anos de profícuo e maravilhoso trabalho! (tenho dito a ele que agora deve ser ordenado ao pastorado; ele é pastor de fato mas ainda não de direito, e não há empecilhos suficientes que me façam desviar desta opinião; a teologia é uma ferramenta e não uma causa, e esta ele quase completou (as dificuldades de estudar nas aldeias são muito grandes; há poucos seminários disponíveis). O que falta é tão mínimo que alguns colegas facilmente poderão ajudar e completar para ele. Como não depende disto para dirigir o trabalho (já o faz há anos) eu creio que deve ser examinado pelo concílio e imediatamente reconhecido como o Pastor Edson Antunes Filho. Aleluia!

Bem, mas o assunto é a minha viagem. E eu estava em casa do Pastor Marcos, que me aturou dias seguidos. Foi como um grande livramento a chegada do Edson e de seu filho Manoel para buscar-me (estou a brincar). (espero que sim... Pastor Marcos, Pastor Marcos, prepare-se porque ESTOU VOLTANDO.... Viu o vulcãozinho novamente a expelir fumaças? Não? Entâo pergunte ao Irmão Alberto Carneiro que ele lhe dirá (estou preso em Portugal desta vez...)

Chegaram e levaram-me. Atravessamos aquela linda estrada. Passamos pela PENACOVA, donde se extrai aquela água mineral tão cristalina e boa. Em Oliveira fomos visitar a "menina do Pastor Marcos", irmã Assunção, mãe da irmã Arlete, já nos seus 82 anos). Que alegria reencontrá-la melhor do que deixei! Ela estava lúcida, animada, firme no Senhor, com a boca boa para comer e ainda se locomove nos cômodos dentro de casa. Aleluia!

Encontrei-me também com Arlete Bastos, a poetisa do meu Portugal (publicou o famoso livro DESABAFOS, recomendo a leitura para todos os que têm bom gosto). Foi uma festa! Andei um pouco pela QUINTA DO TIGELINHO, uma espécie de chácara, grande o bastante para ter muitos canteiros de legumes e verduras e também árvores frutíferas e flores. (Foi lá que nasceu a minha OLIVEIRA, que levei ao Brasil e que plantei no jardim de minha casa. Ela nasceu numa panela de ferro na cozinha da irmã Arlete. Agora há cá uma irmãzinha mais nova. Mas essa eu não vou levar. Já foi com muito custo que consegui encaminhar a outra!

Tomamos um bom café. Eu estava com fome, não tinha almoçado. A minha manhã havia sido agitada. Eu fora na Baixa (parte comercial da cidade de Coimbra) com o Pastor Marcos e com a irmã Lilian, sua esposa, para comprar lembrancinhas (cartões postais, etc). E na volta senti-me muito mal, com taquicardia profunda. Estava a suar muito e ao sentar-me no carro apaguei literalmente. À primeira vista dormi de imediato, mas eu me conheço e sei que não foi... Era para seguir até outra cidade, FIGUEIRA DA FOZ, onde teria o prazer de almoçar com o já querido novo amigo Irmão Alberto Carneiro, pastor de Alcobaça, com quem estive no início da viagem portuguesa. Mas ao chegar na casa do Pastor Marcos eu simplesmente apaguei. Foram quase quatro horas de sono profundo. Acordei assustado, quase na hora de ir a Oliveira. Foi apenas o tempo de socar a minha bagunça na mala grande e separar umas roupinhas para Oliveira na mala de bordo. O Irmão Edson e o Irmão Manoel chegaram para levar-me. Porisso não almocei e tomei aquele café como um autêntico almoço.

Cheguei à casa do Pastor Edson e da Irmã Filomena. Ah, que alegria! Senti-me em casa! A irmã Filomena é um amor de pessoa. Criou 4 filhos muito bem criados e é a grande companheira do Pastor Edson por anos a fio. Ela se parece muito com a minha querida tia carnal NADIR BONFANTE, irmã de minha saudosíssima mãe. Até na sonoridade da voz. Mas eu espero que a minha Tia Nadir tenha também a mesma alegria de expressar a fé em Cristo para a sua salvação, como a irmã Filomena expressa.

Nem cheguei e já ganhei o quarto da Camila. Ah, já cheguei para incomodar! "Incômodo nenhum, pastor. Sinta-se em casa e bem!". Que bom! Foi o tempo de instalar-me e de preparar-me para o culto de oração. Não precisei colocar o fato (terno), fui como estava. O Pastor Edson, que fica com a carrinha (VAN) da igreja, passou por muitas casas a pegar irmãos para levar ao culto. Quer dizer, ele dirige a igreja, é motorista, leva e traz os irmãos em casa (e eu a reclamar da vida...) Havia umas 20 pessoas presentes. Ah, que emoção ao ver o MESSIAS ali. Ele é o jovem que entregou a sua vida a Cristo quando de minha última estada em Oliveira. Sua decisão foi simplesmente verdadeira. É membro da igreja, cooperante na Obra. Revi a Belinha, com quem falo por MSN, bem como a Sandra, a Mimi, a Claudinha, o irmão Dantas, tantos outros.

O culto foi tremendamente agradável. Cantamos um pouco e o pastor solicitou que eu fosse cantar a Jesus. Então tomei meu violão da forma mais profissional que há (o Pastor Norberto Marquardt, meu amigo, que o diga...), coloquei-o nas costas e toquei 4 músicas do meu vastíssimo repertório (TOCOU-ME, ERAM CEM OVELHAS, DIVINO COMPANHEIRO e para terminar PORQUE ELE VIVE). Aliás, para esse hino tivemos uma "performance" especial do Manoel. Entrou uma MELGA (mosquito/pernilongo que pica) e a Claudinha, noiva do Manoel, tem pânico com esse tipo de bicho. E quando fomos cantar a frase PORQUE ELE VIVE  o Manoel deu uma palmada no ar, pra matar o inseto, mas ficou como se fosse uma palma única para a música. A Claudinha olhou-o surpresa e eu a rir-me, e a congregação também. Difícil foi continuar o hino até o final. Essa eu não esqueço mais.

Falei sobre a frase de Jesus "O QUE EU FAÇO NÃO O SABES AGORA, COMPREENDE-LO-ÁS DEPOIS", sobre as diversas coisas que na vida acontecem, coisas diferentes do que gostaríamos de ter, mas que têm um propósito no coração de Deus, e que devemos confiar no Deus que nos guia. Oramos e o culto terminou. Por ser um local de residências e por não admitir barulho às tantas, tivemos que fechar e ir embora rapidamente. Que tristeza não contarmos com locais nossos e com liberdade para termos um convívio mais longo! Mas valeu o pouco que tivemos.

OLIVEIRA DO HOSPITAL,
PORTUGAL,
07 DE MAIO DE 2010

Eu, no dia seguinte eu dormi mesmo. Dormi a manhã toda! Estava exausto. Depois, ao almoçar, segui com o Pastor Edson para Viseu, cidade grande, distante 40 quilômetros daqui. No caminho fotografei as casas, a estrada, as montanhas. As notícias eram de que nesta noite nevaria nas montanhas. Que coisa boa! Quer dizer, boa pra quem nunca viu neve na vida; mas ruim em termos de frio. Que frio por aqui!

Fomos buscar o Hugo e a Camila em Viseu. Camila faz o último estágio dos estudantes e o Hugo faz a universidade. Ele prepara-se para ser engenheiro; ela, para formar-se e prestar vestibular. Estudam de segunda a sexta e no final de semana o pai os busca para ficarem cá, irem à igreja e partilharem da comunhão em família. Como foi gostoso ver a família toda reunida! Aleluia!

Então tive oportunidade de ajudar ao Pastor Edson no seu treinamento para um futuro concílio e ordenação ao ministério pastoral. Estudamos Ética Pastoral, Doutrinas Bíblicas, Problemas pastorais. Ficamos praticamente 6 horas neste curso! Como foi bom poder repartir o pouco que vamos acumulando ao longo do tempo! Eu não sei absolutamente nada, mas se o meu nada pode ajudar um irmão a melhorar e a avançar, que assim seja e que Deus seja exaltado e glorificado!

OLIVEIRA DO HOSPITAL,
PORTUGAL,
08 DE MAIO DE 2010

Hoje, se não chovesse, iríamos à Serra da Estrela, que fica próxima daqui, para ver a neve que cairia ao longo da noite. Porém choveu e o acesso fica muito difícil, além de estar frio pra burro. Eu dormi. E dormi bem, graças a Deus. Levantei para almoçar e para me arrumar para irmos à casa da Irmã Maria João, uma angolana portuguesa que vive na Ribeira, depois de Oliveira. Estive na casa dessa irmã na última viagem. A sua filha fora curada de grave enfermidade através da oração e mantém-se sadia e muito grande. Como cresceu a rapariga! (mocinha, antes que estranhem). Mais uma vez o Pastor Edson encheu a carrinha no caminho. Compraram alguns víveres, ou levaram-nos prontos, para o COPO DÁGUA (convívio/confraternização) no interregno do seminário.

Lá estava o Júlio, outro grande amigo de MSN. Já estava com o seu órgão eletrônico ao lado de sua esposa que espera bebê. Dirigidos pelo Pastor Edson cantamos hinos de louvor a Deus. Em seguida ele passou-me a palavra. Eu confesso que o mal estar dessa gripe forte que me acometeu - e não só a mim, mas a muitos daqui da região -, deixou-me profundamente indisposto e febril. Mas a tarefa se me apresentava e eu tinha que falar sobre dois assuntos intrigantes: ESCATOLOGIA e NEOPENTECOSTALISMO (assuntos que tratei em Milão também. O assunto NEOPENTECOSTALISMO tornou-se sobejamente conhecido na internet, através da palestra MACUMBA EVANGÉLICA, em 2008, tendo sido o primeiro estudo declaradamente denunciador de haver feitiçaria no meio neopentecostal. Por essa razão solicitam que eu fale algo sobre o assunto nos lugares onde eu vou, e eu agradeço a Deus pela oportunidade; afinal, são mais irmãos a serem esclarecidos para afastarem-se dos grupos que se dizem irmãos e não são, e voltarem-se às Escrituras Sagradas, base de nossa fé e prática).

Falei por 3 horas. Em seguida hoje o COPO DÁGUA, e tivemos burrego, peru, batata, pão, queijo de búfala, bolo de milho, etc. Sei que os meus leitores já devem estar com água na boca, mas o que se há de fazer, tenho que contar, oras...

Eu pensei que tinha terminado a minha participação, mas quê! O Pastor me colocou a responder perguntas (QUEM SÃO OS ANJOS? EXISTE REENCARNAÇÃO? O QUE DA VELHA ALIANÇA PODE SER TRANSFERIDO PARA A NOVA? COMO COOPERAR NA IGREJA?) E estivemos a refletir com os irmãos nesses temas tão diferentes e necessários. Quando terminamos o sol já tinha se posto.

O Pastor seguiu na carrinha e eu fui com o Hugo e a Sandra (que são um casal também prestes a casar-se) para a casa da Arlete, mãe da Sandra. Queriam orar comigo sobre seu relacionamento. Como eu amo esse  casal! Ele, estudante em Viseu; ela, agora chefe num escritório de tecnologia e mãe de uma linda adolescente. E Cristo, que é o restaurador de tudo, até de afetos e famílias, estava a ser buscado mais uma vez; e pedimos-lhe as Suas bênçãos paternais pelo relacionamento. Choramos juntos. A irmã Arlete, antes de sairmos, presenteou um bibelô para a minha POSA Elaine (que está no Brasil e eu estou a morrer de saudades...): um lindo broche feito por ela mesma, já que não é só poetiza, mas pintora, artesã, oleira, etc etc. Que mimo! Obrigado, irmã Arletinha!

E cheguei aqui, sem fome (comi na casa da irmã Arlete também). Não sei porque mas não tive fome para jantar. Mas não dispensei um pedacinho do doce de bolachas com creme que o Pastor Edson preparou (ele é doceiro também, tendo trabalhado anos no Brasil, numa PADARIA). Bom, vou confessar: foram dois pedacitos pequeninos que comi (pequenitos? Será?)

E agora, após ligar para a minha POSA e saber que estão a festejar o aniversário do meu querido adolescente NETINHO (parabéns, Netinho!), decidi não desligar o portátil (notebook) antes de mandar um pequenino relatório de viagem. Aliás, muitos me escrevem cobrando os relatórios. Dizem que estão a viajar comigo. Sorriem os meus sorrisos, choram as minhas lágrimas, só não se desesperam com as notícias que dou, dizendo que O VULCÃO INTERROMPEU NOVAMENTE A EUROPA E EU ESTOU PRESO EM PORTUGAL. TERÇA-FEIRA TENHO QUE ESTAR NO PORTO E VIAJAR PARA LONDRES, E NEM SEI SE TERÁ VÔO! Agradeço quando me escrevem a dizer: "Tenha fé, pastor!". Sim, eu estou "enfezado" (com muita fé, traduzindo meu neologismo). Seja o que Deus quiser (Mas não nego a apreensão e a ansiedade; sou humano e falho, como diz o hino FINDA-SE ESTE DIA...)

Um abraço a todos e
beijinhos

Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco SP
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

=======================

24 - CADÊ VOCÊ, PASTOR?





Ford, England, May, 15, 2010

"CADÊ VOCÊ, PASTOR WAGNER? JÁ VOLTOU PARA CASA?" Assim como o Pastor Demétrio, do Rio de Janeiro, muitos estão achando que já voltei ao Brasil.

Mas eu ainda estou na Europa. Sai de Portugal e entrei na Inglaterra. Eu pensei que ficaria em Londres, mas estou numa cidade chamada FORD. (eu ia ficar em FIAT, em CHEVROLET ou em PEUGEOT, mas achei melhor essa marca...)

Estou na casa do Pastor ANDERSON FIGUEIREDO, da ASSEMBLÉIA DE DEUS MISSÕES, sendo que sua igreja aqui é MISSÃO INTERNACIONAL LUZ DO MUNDO, que tem uma interessantíssima história de iniciação. Não tem nem um ano. Outra hora eu conto aos amigos como foi que tudo começou. Estávamos até há pouco na sala, louvando ao Senhor com hinos da Harpa Cristã. Eles ficaram espantados como eu, um tradicional, conheço hinos pentecostais. Ora, o que é de boa qualidade deve ser compartilhado. Ser tradicional não é desrespeitar o diferente, é cultivar nossas similaridades sem abrir mão dos valores, sabendo que no principal, em nossa base soteriológica única, o sangue de Cristo, o nosso Redentor, somos concordes. Aleluia !

Já falamos muito sobre o neopentecostalismo, do qual todos nós, que cremos biblicamente no Senhor, somos contrários (e cada dia mais esse falso evangelho encontra maneiras de se superar nas mazelas e engodos, dá tristeza de ver e ouvir!). Somos concordes nisso, somos concordes em tantas coisas, e naquilo em que puder hei de ajudar, principalmente amanhã e domingo, quando falarei sobre AS CINCO LINGUAGENS DO AMOR. Aliás, o amor já está a nos unir profundamente.

Longe do meu país, da minha família, da minha POSA, cantamos ao Senhor aquele hino VEM CEIAR. Logo veio à minha mente os dias em que estive em Porto União, em Santa Catarina, com os Batistas do Sétimo Dia, no encontro em que falei sobre ÉTICA PASTORAL. Meu Deus, quanta saudade daqueles irmãos! Se algum deles me lê, receba meu abraço apertado!

Depois, quando eu descansar, voltarei a escrever. Muita coisa aconteceu desde o último post, até neve eu vi. Quem está na lista de fotos tem visto. Quem não está pode ver na página do Missionário Yro Abe (www.uniaonet.com/bnovas.htm ).

Já são 2 horas da madrugada de sábado e eu estou cansadíssimo. Vou dormir. Quero desejar um final de semana maravilhoso para todos.

E domingo será aniversário de LUIZ DE CARVALHO. 85 anos.

Um abraço a todos!

de Ford, próximo de Bognor Regis, na Inglaterra,

Wagner Antonio de Araújo

========================

 25 - ÚLTIMO E-MAIL ANTES DE VOLTAR AO BRASIL




16 de maio de 2010

Meus amigos:

Graça e paz!


Com a graça do Senhor chegou o momento do regresso, do retorno. Desde o dia 01 de abril estive na Europa, cumprindo extensa agenda. E em tudo o Senhor não me faltou: o Seu paternal cuidado fez-se presente em todos os instantes.

Quero agradecer a todos quantos participaram comigo e ainda solicitar as suas orações. Amanhã, se o Senhor permitir, vou para Milão, na Itália, onde hei de me encontrar com o Pastor Fernando Pasi. E de lá partirei ao Brasil, pela TAM. Deixo muitos amigos aqui na Europa, levo muitas experiências em meu coração. Cresci muito em minha vida espiritual. Tenho descoberto a cada dia que o Senhor é maravilhoso, justo, gracioso e salvador. Bendito seja o nome dEle!

Estou em Gatwick, próximo a Londres. Daqui partirá o meu vôo para Milão. Orem para que tudo dê certo.

Tenciono chegar a Guarulhos na terça-feira, logo que o dia amanhecer. Uma nova etapa, um novo capítulo. Vivi nestes 50 dias experiências para 3 anos. E creio que isso nunca será esquecido.

Toda a honra e toda a glória sejam ao nome do Senhor.

Um abraço a todos!

Wagner Antonio de Araújo
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

================

26 - CHEGUEI AO BRASIL - ALELUIA



São Paulo, BRASIL, maio, 19, 2010

Queridos irmãos em Cristo:

O Senhor me trouxe para casa. Estou feliz, muito feliz. Encontrei Elaine e Milu muito bem. Serginho, 1o. vice-presidente da Igreja Batista Boas Novas de Osasco, SP, esteve com a Elaine no aeroporto de Guarulhos; foram me buscar. Muito obrigado!

A viagem foi uma bênção, 12 horas de vôo de Milão-Malpensa até Guarulhos, São Paulo. Antes, fiz duas horas de vôo de Gatwick-England para Milão-Malpensa.

Ainda tenho as últimas fotos para postar na lista de compartilhamento, que serão postadas após uma pequena triagem.

Manterei no coração todas as experiências pelas quais passei, quase todas maravilhosas.  Agradeço a Deus por Sua graça, que me acompanhou em todos os momentos.

A todos eu agradeço por orarem por mim. Em especial, com conhecimento de necessidades específicas, quero agradecer cordialmente aos seguintes amigos: Júlio e Paula (Oliveira do Hospital, Portugal), Henri (Magé RJ), Thiago, Pr. Timofei e Ruth (Cafelândia SP), Ione e Pr. Fernando (Milão, Itália), além de minha família (Daniel, Cleide, Milú e Elaine). Jamais poderei ser grato o bastante pelo apoio que recebi no momento mais necessário.

A todos que viajaram comigo através da leitura dos relatos, desde o dia 01 de abril, o meu sincero

MUITO OBRIGADO!

Em Cristo, esperança nossa,

Wagner Antonio de Araújo.

FIM.
---

Nenhum comentário:

Postar um comentário