Translate

segunda-feira, 17 de agosto de 2015

memórias literárias - 229 - QUEM AMA ENCONTRA TEMPO

republicação
==========

MENSAGENS EM PRAIA GRANDE SP
05
 
September 5 2006
 


QUEM AMA 
ENCONTRA TEMPO
229


Os meus olhos anteciparam
 as vigílias da noite,
para meditar
na tua palavra. (Sl 119:148)


O Padre Zezinho, um grande amigo meu, diz, em uma de suas canções: “Quem te ama te encontra um momento” Sim, e é verdade.

Muitos cristãos não abrem suas bíblias senão no dia do culto. E, nas igrejas onde o próprio texto é projetado na tela, ou distribuído impresso no boletim semanal, nem no final de semana a sua bíblia é aberta.

Conta-se que determinada irmã, visitada pelo pastor, reclamara da carestia de sua vida. Dizia que não tinha dinheiro para pagar as contas. O pastor, detentor de autoridade para doar verbas aos necessitados, preencheu um cheque e o colocou no texto de Mateus 6, na bíblia daquela irmã, e disse: “Deus irá suprir as suas necessidades, irmã. Releia, quando eu for embora, o texto que lhe li, Mateus 6.33”. A irmã agradeceu e o pastor foi embora. Seis meses depois o pastor retornou àquela casa, e a ladainha era a mesma: a irmã reclamava da falta de dinheiro. O pastor perguntou se ela lera o texto. Ela disse que várias vezes. Pegando a bíblia dela, o pastor encontrou o cheque, e disse: “A irmã tinha visto isto?” Envergonhada, confessou que não vira e nem lera a bíblia.

Deus sempre tem o suprimento de todas as nossas necessidades. Mas nós nos omitimos e não o buscamos. Achamos que Ele tem a obrigação de cuidar de nós, independentemente do que fazemos ou deixamos de fazer. Ledo engano! “Com o benigno, te mostras benigno; com o homem íntegro te mostras perfeito. Com o puro te mostras puro; mas com o perverso te mostras rígido.” (2Sm 22:26-27). Não se trata de acepção de pessoas, mas da lei de causa e efeito: quem procura, encontra.

O que fazemos quando temos um tempo livre? Passa pela nossa cabeça dedicarmos parte desse tempo para a oração, para a leitura bíblica, para a meditação nas coisas de Deus? Se isso nos ocorre, então nós somos dos que encontram tempo para o Senhor. E, com uma boa administração de nossa agenda, encontraremos um tempo diário, ou de algumas vezes na semana, para estar à sós com o Senhor. Teremos prazer de dedicar um tempo a Deus. Apreciaremos meditar na bíblia, cuidar das coisas do Senhor. Ninguém precisará instar conosco, pois esse desejo vem de dentro para fora. Por isso, quem não tem o Senhor por prioridade, é temporão: depois de um reavivamento, um acampamento cristão, volta muito consagrado, mas é de pouca duração. Cuidado, bem pode ser que sua vida é como a planta nascida nos pedregais: de pouca duração e condenada a secar-se.

O mais brilhante de tudo isso, porém,  é que, quando nos dispomos a encontrar Deus, dedicando-lhe um tempo precioso (e não os restos, as sobras da agenda), ele se deixa ser encontrado, ele permite que o achemos. Então a sua presença nos encanta, nos alegra, nos emociona, nos enche de temor e tremor. O Seu Espírito Santo nos toca e nos dá poder tal, que somos capazes de ter vida, mesmo moribundos!

Creio que hoje é tempo de buscar a Deus. Se o amamos, lhe encontraremos um tempo. Se realmente desejamos algo mais que uma mera casca religiosa, então pagaremos o preço da consagração.

Encontre um tempo. Hoje é tempo!

Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco SP
bnovas@uol.com.br www.uniaonet.com/bnovas.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário