Translate

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

memórias literárias - 272 - ORAÇÃO EFICAZ

ORAÇÃO EFICAZ

"DEUS LEVA A SÉRIO A ORAÇÃO
DE QUEM LEVA A ORAÇÃO A SÉRIO"
272
Pr. Wagner Antonio de Araújo

O TEXTO

Daniel 10.10-12:
10. E eis que certa mão me tocou, e fez com que me movesse sobre os meus joelhos e sobre as palmas das minhas mãos.
11. E me disse: Daniel, homem muito amado, entende as palavras que vou te dizer, e levanta-te sobre os teus pés, porque a ti sou enviado. E, falando ele comigo esta palavra, levantei-me tremendo.
12. Então me disse: Não temas, Daniel, porque desde o primeiro dia em que aplicaste o teu coração a compreender e a humilhar-te perante o teu Deus, são ouvidas as tuas palavras; e eu vim por causa das tuas palavras.
I - DANIEL, UM HOMEM ESPECIAL
Daniel foi um dos muitos que Nabucodonosor levou para a Babilônia, nos idos anos do Rei Jeoaquim, para treiná-los e transformá-los na nata da excelência intelectual do império. Serviu ao império nos tempos de Nabucodonosor e também nos tempos de Belsazar. Serviu no período de Ciro o Persa e do Rei Dario. Não era um jovem inexperiente, mas um homem testado e aprovado pelo correr dos anos. Em todo o tempo, porém, sua vida foi pautada pelo absoluto temor de Deus. Buscava honrá-lo com a vida e não se submeter às políticas e aos conchavos da época. Pagou preços muito altos, como o caso em que foi jogado na cova dos leões por não adorar ou orar ao Rei Dario. Este, vitimado por uma armadilha dos 120 sátrapas que odiavam Daniel, o fizeram assinar um decreto que exigia a adoração e, por Daniel não se submeter, teve que condená-lo. Mas foi quem mais festejou, na manhã seguinte, a bênção dos leões não o terem devorado. Daniel levava Deus a sério!
II - DANIEL, UM HOMEM QUE SE PROSTRA
No início do capítulo 10 o autor fala sobre uma visão arrebatadora, terrível, que Daniel tivera. No verso 2 Daniel mesmo descreve aquele processo. Ele vira coisas impressionantes e não atinava com o seu significado. Resolveu abster-se de uma alimentação mais rica, talvez porque perdera a fome e se abatera; talvez porque fizera um propósito de não alegrar-se com a alimentação e demonstrar a profunda necessidade de entender a profecia; não importa. Ele passou a orar e a humilhar-se diante de Deus, clamando pelo entendimento.
Foi assim que, no verso 10, um anjo de Deus chega-se a ele e o coloca prostrado. O texto não fala que ele ficara apenas de joelhos dobrados, mas com as palmas da mão no chão. Uma atitude de absoluta entrega, de submissão, de reconhecimento de que não era nada e nem ninguém e que se sujeitava à autoridade do Senhor.
Um anjo o prostra. E a Bíblia nos mostra o quanto é necessário que aquele que se aproxima de Deus tenha uma atitude de submissão, de rendição, de incondicionalidade. Não há espaço para a arrogância, para ficar de pé e determinar a Deus o que fazer ou o que deixar de fazer. Quem quer ser ouvido pelos Céus deve saber apresentar-se de forma adequada. Humilhai-vos perante o Senhor!
III - DANIEL, UM HOMEM AMADO QUE SE ERGUE
No verso 11 o anjo fala com Daniel. Este, absolutamente amedrontado, temeroso, perplexo, o ouve com temor e tremor. O anjo menciona algo absolutamente maravilhoso: "Daniel, homem muito amado". Já pensou que coisa fantástica um anjo do Senhor procurá-lo e dizer: "Daniel, nós, lá no Céu, o amamos muito, e o Pai o ama profundamente; você é muito querido e conhecido por lá!" Que honra incomparável!
Hoje, ao sair para a igreja, minha filha de 3 meses estava ao colo com a minha irmã adotiva, com a mãe e outra irmã à sala. Eu voltei a buscar folhetos no escritório e minha filha viu-me, deu um grito e abriu um sorriso imenso, um riso de quem está feliz e que diz: "Olha o papai! Como eu amo o papai!" Claro que voltei e a abracei, a beijei. Ser amado por minha bebê é um privilégio! Agora, imaginemos um anjo do Céu vir até nós e dizer-nos: "Wagner, homem muito amado!" Isto seria um sonho. Porém, isto é possível! Afinal, Daniel era homem como nós, sujeito às mesmas crises, aos mesmos problemas e às mesmas tentações que qualquer um de nós. E por que foi amado por Deus? Porque suas atitudes eram aquelas que cativaram o coração de Deus: ele era homem que servia a Deus de coração!
E então? O anjo o levanta. Mas não fora ele mesmo quem o prostrara? Sim. Mas há tempo para todas as coisas diante do Senhor. Quando nos submetemos à ordem bíblica "humilhai-vos perante o Senhor", também nos submetemos aos maravilhosos resultados desta escolha certa: "Humilhai-vos perante o Senhor, e ele vos exaltará." (Tg 4:10);"Porquanto qualquer que a si mesmo se exaltar será humilhado, e aquele que a si mesmo se humilhar será exaltado." (Lc 14:11). Quem se prostra diante do Senhor, humilhando-se, experimentará, no tempo próprio, a bênção de ser erguido, abençoado e fortalecido! Aleluia!
IV- DANIEL, UM HOMEM DE ORAÇÃO EFICAZ
Diz o anjo no verso 12 que as orações de Daniel foram respondidas por Deus desde o momento em que ele aplicou o seu coração a compreender e a humilhar-se perante o seu Deus. Que coisa tremenda! Deus leva a sério a oração de quem leva a oração a sério! Deus nem ouve e nem atenta para a oração do ímpio (que lhe é abominação) e nem a oração hipócrita ou sem valor, que adora a Deus com os lábios mas o nega com a prática! Prédica sem prática é crítica diante de Deus! Orações feitas sem convicção, feitas de qualquer jeito, feitas sem se compreender a seriedade dos motivos e da santidade do Senhor tornam-se tão vãs como correr atrás do vento. Mas quem atenta para Deus e ora como quem fala com o Criador; que pede como um súdito ao seu Senhor; que implora ao invés de determinar; que se mantém atento para receber a resposta; terá como consequência a resposta tão almejada, seja ela com um sim, seja com um não, ou seja com um "ainda não".
O anjo demorou-se 21 dias para  responder. Disse ele que houve lutas espirituais com os principados. Porém, ao chegar, encontrou um Daniel preparado. E se ele não estivesse preparado? Imagine o anjo no caminho e Deus, como que a lhe enviar um torpedo sms ou um recado de whatsapp a dizer-lhe: "suba, porque ele desistiu e não é digno da resposta". Claro, Deus não precisa de tecnologias; mas, quantas vezes em nossas vidas desistimos de orar por algo, não aguardamos uma resposta e simplesmente as coisas escaparam de nossas mentes? Se nem nós levamos a sério os nossos pedidos, como esperar que Deus os leve? Ele não é um garçon de bar a aguardar que solicitemos mais uma água tônica; ele não é um serviçal a quem determinamos que nos faça coisas; Deus é Rei, é Pai; é Governador, e cabe ao homem que o leva a sério levar a sério o que lhe apresenta em súplicas também!
CONCLUSÃO
Eu gostaria de ser como Daniel. Eu gostaria de levar Deus a sério todos os dias de minha vida. Não gostaria de orar como oram os tolos, não gostaria de orar como oram os ímpios. Eu gostaria de orar com a seriedade e com a determinação de Daniel. Eu gostaria de ser capaz de me humilhar, de me quebrantar, de demonstrar ao Senhor o meu empenho para santificar-me e, então, como o servo diante do seu senhor, buscar de suas mãos dadivosas a resposta às minhas súplicas.
Eu não apenas gostaria; eu quero ser assim. Talvez esteja lutando ao longo de minha vida para sê-lo. Gostaria de ser flagrado pelos anjos dos céus a segredarem entre si que sou amado lá no Céu e que Deus  me considera um homem muito amado. Para isso, quero fazer o que Cristo fazia ao Pai: aquilo que lhe agradava!
E este desafio serve para todos nós, que amamos ao Senhor e que desejamos fazer orações eficazes. As orações fortes, atendidas, eficazes, não são as barulhentas, cheias de pompa, cuspidas, berradas, feitas com sons estranhos que ninguém entende só para render espanto por parte de quem pensa que estamos orando com poder. O autêntico poder não está num Golias armado e tremendamente perigoso, mas num Davi sem armaduras e sem espadas; as pedras atiradas no poder de Deus são mais poderosas que uma espada gigantesca.
Que Deus nos dê a graça da oração eficaz, lembrando-nos que
DEUS LEVA A SÉRIO A ORAÇÃO DE QUEM LEVA A ORAÇÃO A SÉRIO.
São Paulo, 11 de novembro de 2015
Pastor Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas do Rodoanel em Carapicuíba, São Paulo, Brasil


papai Pr. Wagner & Rute Cristina, hoje, 11/11/2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário