Translate

terça-feira, 5 de março de 2013

memórias literárias - 31 - DE QUEM É O PROBLEMA?


31 - DE QUEM É O PROBLEMA?
Se você odiar, de quem será o problema? O problema será só seu, tenha certeza. O seu ódio não afetará o objeto do seu ódio. Só você será afetado. O ódio não vem de Deus. "Aquele que diz que está na luz, e odeia a seu irmão, até agora está em trevas." (1Jo 2:9). E quanto ao inimigo? "Portanto, se o teu inimigo tiver fome, dá-lhe de comer; se tiver sede, dá-lhe de beber; porque, fazendo isto, amontoarás brasas de fogo sobre a sua cabeça." (Rm 12:20). Sei que é muito difícil. Mas quem disse que seria fácil? Somente com Cristo seremos capazes, pois é Ele mesmo quem diz: "...porque sem mim nada podeis fazer. (Jo 15:5)

Se você desejar o mal, o problema será só seu, porque o mal não apenas não afetará a outra pessoa, como voltará dobrado contra você! Não raras vezes, queremos que o inimigo se esfacele, se arrebente nas pedras, não é mesmo? E ainda dizemos: "Pesa a mão, Jesus!". Mas não é bem isso que encontramos nas Escrituras! "Quando cair o teu inimigo, não te alegres, nem se regozije o teu coração quando ele tropeçar; (Pv 24:17). O mal dos outros não deve ser a nossa alegria. Tudo o que você desejar, voltará pra você. Cristo mandou que os seus discípulos desejassem paz nas casas onde se hospedassem. Caso a casa não fosse digna daquela paz, a paz voltaria para os discípulos! O mal também volta, caso os alvos do seu ódio não sejam dignos desse sentimento. Se a paz voltava, voltava dobrada. O mal também volta, e com juros. Portanto, é o que Jesus quis dizer quando afirmou: "Se, porém, os teus olhos forem maus, o teu corpo será tenebroso. Se, portanto, a luz que em ti há são trevas, quão grandes serão tais trevas!" (Mt 6:23)


Se você ficar magoado, o problema será só seu, porque, além de não ter o problema resolvido, ganhará uma porção de outros, como úlceras, gastrites, depressões emocionais, obesidade,  e até infartos do miocárdio. A mágoa intoxica a você e destrói sua vontade de viver. "Toda a amargura, e ira, e cólera, e gritaria, e blasfêmia e toda a malícia sejam tiradas dentre vós." (Ef 4:31). Não deve haver espaço para a mágoa em nossa mente e coração. "Tendo cuidado de que ninguém se prive da graça de Deus, e de que nenhuma raiz de amargura, brotando, vos perturbe, e por ela muitos se contaminem." (Hb 12:15). É por causa da mágoa que grandes amizades se destróem, igrejas se degeneram, missões fracassam, e famílias se dividem. Além disso, pensamos que a mágoa faz o outro sofrer. Mas não faz não. Ela faz a gente sofrer. E sofremos pra cachorro! Fora com a mágoa! O remédio para a mágoa é o perdão.

Se você ficar indignado, o problema será só seu, porque a indignação pura e simples impede uma ação razoável e aceitável. Indignar-se e reagir positivamente, é uma coisa. Indignar-se só pelo gosto de contestar, de falar contra, de ficar nervoso, é que é o problema. De que adianta? Quando vivemos indignados, estragamos o nosso dia, o ambiente onde estamos, e deixamos de ser agradecidos! Ao final, de que valeu? De nada! "O que não tem remédio, remediado está!". E, se ainda tem remédio, ao invés de ficarmos resmungando, vamos pegar vassoura e água, e limpar o estrago! Se assim agirmos, experimentaremos uma situação de paz inimaginável! "E a paz de Deus, para a qual também fostes chamados em um corpo, domine em vossos corações; e sede agradecidos." (Cl 3:15). Com tristeza disse o profeta: "Porque assim diz o Senhor Deus, o Santo de Israel: Voltando e descansando sereis salvos; no sossego e na confiança estaria a vossa força, mas não quisestes." (Is 30:15). Bom, se para eles não dá mais, para nós ainda dá! "Eis o tempo aceitável, eis agora o dia da salvação" II Co 6.2

MAS - e sempre há um MAS, aleluia! -, se você for feliz, amoroso, perdoador, receptor só das coisas boas, a bênção será de todos, porque é bom demais estar perto de alguém em bom estado interior! Seja uma bênção!



Para terminar, quero citar Letícia Thompson, em sua bela poesia "Construa Sonhos", citada por Meire Michelin (lista Em Nome do Amor):

Viver é tirar proveito dos momentos que nos são ofertados,  é sentir prazer neles,  é o suspiro que vem do âmago e que não sabemos explicar.  Viver é amar a própria vida do jeito que  ela se oferece e se isso não nos satisfaz,  ainda é possível colocar um colorido aqui  ou lá de vez em quando se colocamos um  pouco de boa-vontade.

Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco, SP

Nenhum comentário:

Postar um comentário