Translate

sexta-feira, 5 de abril de 2013

memórias literárias - 56 - USE O QUE TIVER RECEBIDO


56 - USE O QUE TIVER RECEBIDO
October  28   2006
E o SENHOR disse-lhe: Que é isso na tua mão?  E ele disse: Uma vara.  (Ex 4:2)


Bem sabemos que o texto citado faz parte do diálogo entre Deus e Moisés, no dia em que foi chamado para tornar-se o libertador de Israel das mãos dos egipcios. Moisés não sabia por onde começar, e Deus lhe deu um caminho: com a vara que trazia em suas mãos. Era tudo o que ele tinha, e era com isso que Deus contava.

Muitos de nós gostariam de servir a Deus. Mas buscam uma boa justificativa para não fazê-lo: “se eu soubesse falar melhor”, “se eu tivesse carro”, “se eu fosse mais novo”, “se eu tivesse dinheiro”, “se eu morasse mais perto”, etc.

Não há limitação que não possa ser superada, quando colocamos tudo o que temos ou o que somos nas mãos do Senhor. Só precisamos ter uma coisa: boa vontade, determinação, desejo intenso, contínuo e constante de colocar o Reino de Deus em primeiro lugar. O resto Deus suprirá.

Havia uma missionária que ensinava ao seu rebanho, que em tudo deveriam dar graças a Deus. Um dia ela caiu e ficou temporariamente acamada. Um visitante, com "espírito de porco", lhe disse: “E agora, missionária, é capaz de dar graças por isso?” Disse ela: “Sim, porque eu não tinha tempo suficiente para orar por todos os pedidos, e agora tenho todo o tempo do mundo!” É como os americanos dizem: WOW! YES!!!

Uma senhora era muito fervorosa, e durante longos anos serviu a Deus na Sociedade Feminina Missionária (organização batista das mulheres, hoje substituída por Mulheres Cristãs em Ação). Mas, aos 85 anos, não conseguia mais locomover-se fora de casa. Entristeceu-se muito, e disse: “Senhor, não posso mais ser útil?” Então seu telefone tocou, e uma pessoa pedia a ela que orasse por sua vida. Logo depois outra irmão ligou e oraram juntas também.  Daí por diante essa irmã idosa passou a ligar para os membros da igreja e orar por eles. Estava criado o “ministério da oração”, naquela igreja, e tal irmã foi, por mais de dez anos, um farol a brilhar naquela comunidade, mesmo não podendo locomover-se!

Use o que tiver. Tem uma casa? Ofereça-a para realizar cultos e estudos bíblicos. Sabe ensinar crianças? Disponha-se e participe do ministério infantil de sua comunidade. Nâo tem isso lá? Então crie um! Conhece informática? Busque parceria com alguém e coloque um computador para ensinar os que nada sabem. Tem um sítio? Coloque-o à disposição da educação cristã, dos acampamentos de jovens e dos encontros de sua igreja. Tem dinheiro disponível? Invista no Reino de Deus, no sustento dos missionários e pastores e no suprimento das necessidades de sua igreja e do povo de sua comunidade. Tem tempo? Faça visitas aos idosos e crianças. Sabe música? Reparta o seu conhecimento e crie oportunidades para louvar ao Senhor. Aposentou-se e conhece um ofício? Forme uma turma de aprendizes em sua igreja, reúna não crentes e aproveite para evangelizar enquanto ensina. É médico, advogado, professor, bombeiro, policial, mecânico, pedreiro, nutricionista ou tradutora? Ofereça ao Senhor seus préstimos e sirva a Deus com sua igreja.

Só não faz nada quem nada quer. Vamos fazer algo no Reino do Senhor! Amém!

Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas de Osasco, SP
www.uniaonet.com/bnovas.htm
bnovas@uol.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário