Translate

quarta-feira, 17 de junho de 2015

memórias literárias - 211 - DESFRUTE O DIA!


DESFRUTE
O DIA!
211


 
Sentar para comer e nem perceber qual é a comida, devido ao celular que não para de ser usado. Conversar com alguém consultando e-mails ou lendo bate-papo do whatzap. Caminhar pela rua imaginando como será a reunião. Desfrutar da companhia da esposa questionando por que o juiz anulou aquele gol do seu time favorito. Prestar culto na igreja planejando as visitas aos clientes na segunda-feira. Cantar hinos imaginando o carro novo que pretende comprar .
 
Nós não desfrutamos! Estamos de corpo presente e de mente ausente! A árvore floriu em nossa rua e nós nem a observamos! Um formigueiro instalou-se no jardim e nós sequer notamos! Estamos tão aéreos e tão desatenciosos que não desfrutamos absolutamente nada! A boca tem gosto de comida de ontem com a expectativa do café de amanhã! Nada é de hoje, de agora!
 
Para um dia feliz é necessário desfrutar. Tome um café gostoso, considerando a mesa que o Senhor lhe deu. Ao ir para o trabalho, olhe para a rua, para as árvores, para as pessoas, para as nuvens (sem esquecer-se de olhar o sinal ou o tráfego, claro!) Quando conversar com alguém, desfrute dessa companhia, sem atrapalhar-se com outras coisas. Ao almoçar, esqueça-se do celular e coma agradecidamente o pão que o Senhor lhe concede! Olhe para as crianças, para os idosos, para a vida!
 
Há quanto tempo você não come uma goiaba pensando em como é saborosa? Saboreie uma, sem pensar em mais nada! Ao dirigir o seu carro, perceba o quanto é bom ter uma condução digna e como foi bom aprender a dirigir! Ligue para um amigo e converse com ele, buscando ouvi-lo, saber mais dele, e não para falar de si próprio sem notá-lo. Olhe para a sua esposa e admire essa jóia que Deus lhe deu. Ela está a envelhecer ao seu lado e já gastou parte da vida com você! Seja grato! Veja como seus filhos cresceram, como estão saudáveis, como representam a sua continuidade! Cante um hino a Deus saboreando cada estrofe, cada palavra e ore como se o mundo fosse só Deus e você!
 
É preciso desfrutar. Os mais idosos comem mais espaçadamente para poder sentir o gosto das iguarias. A maturidade precisa nos ensinar a desfrutar mais. De que adianta agitar-se para todos os  lados, não sentindo nada, não vivendo nada?
 
Que o seu dia seja de desfrute.
 
 
Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas do Rodoanel em Carapicuíba, São Paulo, Brasil
OPBCB
 


Nenhum comentário:

Postar um comentário